Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Governo de São Paulo liberou programação de comemoração dos 100 anos da Semana de Arte Moderna de 22

Em 2022 completam 100 anos da data de acontecimento da Semana de Arte Moderna de 22, evento que marcou o início do modernismo no Brasil. O evento artístico aconteceu no Teatro Municipal de São Paulo, e contou com o financiamento da elite paulista.

Para comemorar os 100 anos da Semana de 22, o governo de São Paulo preparou uma  programação completa do início ao fim do ano. Apesar de o evento só iniciar oficialmente em 2022, o governo já disponibilizou a programação, que conta com atividades on-line e também presenciais.

Assim, a programação, que pode ser acessada no site oficial do evento, irá contemplar as artes visuais, a música, a literatura e o teatro. Entre as atividades há exposições, amostras do audiovisual, ciclos de leituras dramáticas e performances cênicas. Já as atividades on-line envolvem ciclo de palestras e debates sobre as obras do período modernista, por exemplo.

Além disso, a programação inclui uma mostra do Acervo Modernista da Pinacoteca de São Paulo e passeio pelos museus-casa de nomes importantes da Semana de Arte Moderna de 22. Um dos destaques é a Casa Mário de Andrade, que foi transformada em museu em 2018.

Sobre a Semana de 22 

Ocorrida nos dias 13, 15 e 17 de fevereiro de 1922, A Semana de Arte Moderna foi um divisor de águas na cultura brasileira. O festival reuniu cerca de 100 obras e contou com a presença de diversos artistas.

A reunião dos artistas na Semana de 22 visava o debate sobre a renovação social e artística e representa momento crucial da literatura no Brasil e da arte, no geral. O evento foi importante também para tornar São Paulo referência em produção artística no Brasil. Na época, o Rio de Janeiro ocupada esse lugar. No entanto, o evento não se restringiu apenas ao eixo Rio-São Paulo e teve alcance nacional.

Entre os artistas presentes no evento, é possível destacar Mário de Andrade, Oswald de Andrade, Víctor Brecheret, Plínio Salgado, Anita Malfatti, Menotti Del Picchia, Heitor Villa-Lobos, Tácito de Almeida, e Di Cavalcanti.

Gostou do texto? Então deixe aqui o seu comentário!

Leia UnB aplica provas da 3ª etapa do PAS 2020 neste domingo (18).

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.