Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Golpe das peças usadas; veja como se proteger

Você já ouviu do golpe da venda de peças de veículo usadas? Sabe como se proteger? Os criminosos muitas vezes se aproveitam da crise para convencer as pessoas e acabam roubando dinheiro e deixando a vítima sem nada. Veja como atuam os criminosos e como não cair neste tipo de golpe.

Como funciona o golpe?

O golpe das peças de veículo vem sendo aplicado principalmente nas redes sociais, por isso é importante ficar atento principalmente nesta canal, mas não se descuidar dos outros. Os criminosos atuam afirmando que fazem parte do Centros de Desmanches de Veículos Credenciados (CDV) e anunciam peças usadas mais diversas.

Veja também: Feirão Limpa Nome Serasa renegocia dívidas; 99% de desconto

O anúncio pode até ter fotos e aparentemente ter credibilidade, mas não se engane, tudo não passa de um golpe bem arquitetado. Geralmente, o pagamento adiantando é solicitado, depois disso os criminosos somem com o dinheiro é a peça nunca é entregue.

Se engana quem pensa que só porque um anúncio está nas redes sociais de fato são verdadeiros. É preciso muito cuidado para não sair no prejuízo. Confira dicas abaixo de como não cair no golpe das falsas peças vendidas.

Como se proteger? 

1.Desconfie

A primeira e mais importante dica é sempre desconfiar e procurar entender se de fato não está caindo no golpe.

2. Pesquise o máximo que puder

Antes de sair acreditando em qualquer coisa que é anunciada, você precisa pesquisar a credibilidade e reputação da suposta empresa. Desconfie de preços muito abaixo do mercados, mesmo que as justificativas pareçam boas. Os criminosos querem justamente te convencer e para isso não vão medir esforços.

2. Local de compra

Se possível, vá presencialmente nos locais que as peças são vendidas ou então procure entender se da fato a pessoa é credenciada e realmente possuí as peças anunciadas. Muitas vezes os criminosos podem ser convincentes, mas a pesquisa pode fazer toda diferença. No caso de desconfiança, não realize a compra.

3. Pagamento

Para esse tipo de golpe se concretizar, é preciso que você transfira o valor da suposta peça adiantado, por isso, evite adiantar o pagamento. Caso o vendedor seja insistente, é mais um motivo para ficar alerta. Quando você realiza o pagamento adiantado, o criminoso pode simplesmente sumir com seu dinheiro. Evite também

4. Informações

Os criminosos podem também solicitar uma série de informações por formulário ou por algum falso site, por isso, é importante ficar atento para não perder dinheiro e ainda ter os seus dados roubados.

 

Avalie o Texto.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.