Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Funcionários no piloto automático: Como lidar com isso?

Lidar com funcionários no piloto automático exige uma visão assertiva do líder. Caso contrário, é possível se sentir “perdido” diante de colaboradores pouco ativos, focando apenas na demissão como solução.

Por isso, pensando nesse cenário, fizemos este guia com algumas sugestões que podem ser úteis para você. Acompanhe e saiba mais!

Como lidar com funcionários no piloto automático?

Para lidar com funcionários no piloto automático você precisa ser paciente e, acima de tudo, empático. Isso porque, em algumas circunstâncias, as pessoas podem agir no piloto automático por estarem passando por momentos difíceis. Porém, quando esse comportamento se torna muito recorrente, é necessário agir enquanto líder.

Veja algumas dicas que podem ajudar:

1. Feedbacks construtivos e recorrentes

Você precisa investir na cultura do feedback se quiser que os seus colaboradores mantenham-se em constante desenvolvimento. Isso porque é por meio dessa conversa periódica que se torna possível falar sobre os pontos fortes e fracos de cada um, viabilizando novas estratégias e métodos de crescimento.

Por isso, se você quer lidar melhor com funcionários no piloto automático, dê bons feedbacks para eles! Você não precisa dizer, neste momento, que ele parece agir no piloto automático, mas pode dizer que deseja um pouco mais de proatividade em alguns momentos.

2. Ofereça treinamento e desenvolvimento

Processos de treinamento e desenvolvimento também podem ser bem proveitosos. Às vezes, os funcionários no piloto automático atuam dessa forma por conta da ausência de bons direcionamentos e a falta de determinadas habilidades.

Por isso, procure sanar essas faltas de uma forma inteligente e bem estruturada.

3. Trace metas em conjuntos

As metas podem ser traçadas em conjunto, para criar um senso de pertencimento no colaborador. Além disso, a motivação costuma ser muito mais aflorada quando as pessoas podem compartilhar o ponto de vista delas com relação aos objetivos empresariais.

Dê voz aos seus colaboradores, escute o que eles têm a dizer e, em conjunto, trace metas que sejam satisfatórias para todos os envolvidos.

4. Trabalhe com bonificação/recompensa

Comece a trabalhar com programas de bonificação e recompensa para aqueles que atingirem resultados promissores. Dessa forma você passará a reconhecer ainda mais o esforço de cada colaborador, viabilizando um desenvolvimento mais motivador.

Afinal, quem é que gosta de trabalhar sem nunca ser reconhecido por isso? Pois é! Por isso, pense em boas formas de recompensar os resultados dos que se destacam, e use isso como uma mola propulsora para o crescimento de todos.

5. Seja franco sobre a posição de piloto automático

Se apesar das tentativas acima os funcionários no piloto automático se mantiverem nessa posição, talvez seja a hora de ser franco.

Para isso, marque novamente um feedback e comunique que você tem percebido que a pessoa anda muito desligada e desfocada. Fale sobre notar que ela não tem considerado as obrigações e que tem feito tudo de uma forma superficial e muito automática.

Porém, não fique “xingando” a pessoa nesse momento. Mostre-a que está preocupado com o bem-estar dela e que deseja ajudá-la a se desenvolver e crescer. Além de lembrar de apontar as qualidades e elogiar a pessoa, ok?

Às vezes, nem a pessoa se deu conta de que está agindo no piloto automático. Seja empático!

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.