Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Fies: Guedes diz que fala sobre filho de porteiro era crítica a universidades privadas

O ministro da Economia, Paulo Guedes, voltou a dizer foi mal interpretado. Desta vez, ele se defendeu dizendo que a fala dita em relação ao filho do porteiro, na verdade, se tratava de uma crítica as universidades particulares e não ao Fies – Fundo de Financiamento Estudantil.

O ministro alegou que a “culpa” pelo mal-entendido seria da imprensa que estaria criando personagens. “Um personagem que não existe. Eu estava criticando o setor privado. Você vê como vocês têm um viés analítico, militante que na verdade impede a clareza. Eu tinha elogiado o Fies”, afirmou.

A declaração foi dada na terça-feira (11) durante a audiência pública extraordinária na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara dos Deputados. Na ocasião, o tema principal era a reforma administrativa. 

Fies: Guedes diz que teria recomendado o programa

O ministro também declarou que foi o porteiro quem teria questionado a idoneidade da faculdade e estaria com medo de não conseguir pagar a mensalidade. Mais uma vez ele não provou como foi possível essa aprovação com zero no Fies, já que a pontuação mínima estabelecida por lei é 450.

“O porteiro do prédio me perguntou o seguinte: ‘Eu fiquei super feliz que o menino vai continuar a estudar, mas eu fiquei preocupado porque a prestação deve ser cara. Como é que eu vou pagar essa faculdade? Será que isso aí é uma caça-níqueis? Será que vale a pena? E aí nós falamos de. Eu falei ‘tem bolsas, tem Fies, se informa lá sobre isso’ “, disse Guedes.

Veja o que disse Guedes na semana passada

Na semana passada, durante reunião do Conselho de Saúde Suplementar (Consu), sem apresentar dados concretos, Guedes declarou que o filho do seu porteiro teria zerado o vestibular e ainda sim foi aprovado pelo Fies.

“O porteiro do meu prédio, uma vez, virou para mim e falou assim: ‘Seu Paulo, eu estou muito preocupado’. O que houve? ‘Meu filho passou na universidade privada’. Ué, mas está triste por quê? ‘Ele tirou zero na prova. Tirou zero em todas as provas e eu recebi um negócio dizendo: Parabéns, seu filho tirou…’”, disse Guedes na semana passada.

Essa não é a primeira vez que o ministro acusa a imprensa ou se defende jogando a culpa para uma fala “mal-entendida”.

Situação parecida já aconteceu sobre falas da mesma reunião quando o ministro afirmou que os chineses “inventaram o vírus” (em referência a Covid-19) e ainda opinou que a vacina criada nos Estados Unidos é mais eficaz.

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.