Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Estudo revela que setor educacional cresceu mais de 42% em 2021

As instituições educacionais realizaram 42% mais fusões e aquisições no primeiro semestre de 2021, quando comparado ao mesmo período de 2020. 

O levantamento trimestral foi realizado pela KPMG , empresa de prestação de serviços globais que inclui auditoria, Tax e outros serviços. 

No primeiro semestre de 2020, foram realizadas 14 operações. Já em 2021 no primeiro semestre foram realizadas 20 operações. 

O estudo realizado pela KPMG aponta que, das 20 operações realizadas no período, todas foram feitas entre organizações brasileiras. 

“Os números mostraram que o mercado doméstico continuou aquecido, mesmo no período de pandemia. Apesar de ter sido fortemente impactado no ano passado devido à pandemia da covid-19, o setor de educação está se movimentando para buscar uma retomada de crescimento. O aumento de operações no segmento gera uma grande expectativa para o cenário dos próximos meses”, analisa o sócio de educação da KPMG, Marcos Boscolo.

Transações em outras áreas

Entre outras áreas do mercado empresarial, podemos destacar como os segmentos que mais realizaram transações, foram:

  • Empresas de Internet (268), 
  • Tecnologia da Informação (131),
  • Instituições Financeiras (92).

Ao todo, as companhias brasileiras fizeram 804 transações entre fusões e aquisições nos primeiros 6 meses de 2021. 

Sendo assim, houve um aumento de 55% em relação ao primeiro semestre de 2020, quando foram realizados 514 negócios. 

De acordo com os dados levantados pela KPMG, esse é o melhor semestre dos últimos 10 anos. 

E então, gostou da matéria? Compartilhe com quem precisa saber disso!

Não deixe de ler também – Encerramento do auxílio emergencial: Governo ainda pode cortar beneficiários do programa

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.