Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Entrevista de emprego: Saiba todos os truques para conseguir a vaga que tanto almeja

Finalmente, hoje você vai aprender valiosas dicas para entrevista de emprego.

Primeiramente, é necessário que você saiba que seu comportamento diante ao recrutador na seleção de trabalho é um passo essencial na sua vida profissional.

Portanto, suas atitudes durante todo o processo de recrutamento podem ser fundamentais na hora de conquistar aquela grande oportunidade de sucesso, não é verdade?

São justamente essas atitudes estratégicas que podem aumentar consideravelmente as suas chances de conquistar os objetivos.

Afinal, quem nunca deixou passar uma boa oportunidade de emprego por descuido ou falar algo desnecessário na hora h?

Confira a seguir, boas dicas para entrevista de emprego e aumente suas chances de sucesso.

Pesquise sobre a empresa antes da entrevista de emprego

Hoje em dia, o google nos dá a possibilidade de levantar muitas informações sobre as instituições e vagas que nos interessam.

Ainda assim, muitos profissionais pecam na hora da entrevista de emprego quando sequer pesquisam sobre a empresa da qual concorrerá a vaga.

Nesse sentido, cabe a você usar a tecnologia a seu favor. Saber do histórico da empresa, alguns dados relevantes ou até conhecer seus sócios de negócios demonstram, além de interesse, eficiência.

Por exemplo, caso tenha um amigo que trabalha ou já trabalhou anteriormente na mesma instituição, não deixe passar a oportunidade. Pergunte tudo!

Provavelmente, vai fazer toda a diferença demonstrar um conhecimento prévio de seu futuro ambiente de trabalho.

Espelhe o estilo do recrutador

Não é novidade que seu comportamento é fundamental na entrevista de emprego.

Portanto, adapte o seu perfil de acordo com o entrevistador. Não entendeu?

Em outras palavras, se ele for formal, seja formal, se for descontraído, demonstre descontração. O segredo é identificar rapidamente o estilo adequado.

Nesse sentido, busque firmeza nas palavras, olhe nos olhos, tente não desviar sua atenção. Sua conduta é essencial em uma entrevista de emprego.

Por exemplo, se o recrutador tiver um aperto de mão firme, também mostre firmeza, siga-o sem parecer falso, demonstre alto-confiança e segurança.

Sabendo disso, tenha um cuidado especial em seu comportamento, o jeito que você se expressa poderá ser crucial no processo seletivo.

Fique atento aos detalhes

Definitivamente, não exagerar no perfume, chegar antes da hora marcada e portar-se com educação são detalhes pontuais que valem a pena seguir à risca.

Além do mais, não revele informações significativas de alguma empresa que trabalhou anteriormente, pode causar má impressão em relação a sua confiabilidade.

Seja honesto quanto ao motivo de sua saída do antigo trabalho, demonstre confiança e sinceridade para você não cair em alguma saia justa.

Em síntese, não esqueça que os recrutadores, normalmente, são muito experientes e conseguem reconhecer quando o entrevistado está mentindo ou ocultando alguma informação.

Utilize o método STAR para relatar sua história

Se você ainda não conhece esse método, aconselho que pare tudo que está fazendo e aprimore essa metodologia que é tendência entre os recrutadores de grandes corporações.

Antes de mais nada, o método STAR consiste em uma estruturação que planeia o caminho de suas histórias e conquistas profissionais.

Resumindo, STAR é uma sigla para Situação, Tarefa, Ações e Resultado.

Em poucas palavras, é um método sobre perguntas comportamentais, nessa ordem:

Situação: Descrever um problema que precisa de uma solução.

Tarefa: Que tipo de tarefas poderiam resolver o problema.

Ação: Qual trabalho seria preciso realizar para resolvê-lo.

Por último, resultado: descrever ao entrevistador o aprendizado e os benefícios que a empresa ganhou ao solucionar o tal problema.

Para ser mais claro, vamos a um exemplo prático com base na pergunta: “Você já teve a responsabilidade de contornar uma crise numa empresa? Se sim, conte-me como foi”.

Situação: Trabalhava como auxiliar de barman em um restaurante. Havia pouco movimento, as vendas iam mal.

Tarefa: Precisava movimentar a casa, agregar novos consumidores.

Ação: Realizei um evento literário, intercalando com promoções nas bebidas aos escritores.

Resultado: O bar começou a movimentar, ficou mais conhecido e o faturamento voltou a crescer.

Esteja preparado para as perguntas mais comuns numa entrevista de emprego

Provavelmente, você não irá escapar das perguntas tradicionais como:

– Por que se interessou em trabalhar nessa empresa?

– Suas qualidades e defeitos

– Onde se imagina em cinco anos?

Primordialmente. o ideal é você conseguir responder fora da caixa. Respostas como perfeccionismo ou responsável demais soa muito clichê e talvez você pareça pouco criativo.

Portanto, antes da entrevista de emprego invista em respostas mais bem elaboradas para surpreender o entrevistador.

Faça perguntas sobre o cargo e a empresa

Acima de tudo, não se intimide ao fazer perguntas relacionadas à empresa e ao cargo pretendido.

Questionar o entrevistador sobre assuntos relevantes demonstram interesse e posição ativa no recrutamento.

Por tanto, saiba usar com inteligência esse momento, faça perguntas que expressam vontade de fazer parte da empresa.

Em suma, aproveite esse momento para sanar algumas dúvidas e convença que seu interesse é de fato genuíno.

 

Por fim, não há melhor dica para entrevista de emprego do que “seja você mesmo”.

Autenticidade nunca ficou fora da moda, nada vai substituir a espontaneidade, a sinceridade e a autonomia social.

Portanto, entre uma mentira conveniente e uma verdade constrangedora, escolha sempre o lado da verdade.

Por outro lado, trabalhe bastante sua comunicação. Nada melhor que um candidato que tem um bom domínio das palavras, que mantém um alto nível de comunicabilidade.

Tenha cuidado com o português, observe seus pontos fracos e desenvolva suas habilidades. Não há nada mais constrangedor que tropeçar na própria língua mãe.

Resumindo, com essas dicas é possível que uma empresa, no mínimo, monitore melhor suas capacidades.

Se não for contratado, não desanime!

Observe onde errou, corrija suas falhas.

Certamente, em algum momento sua competência serão bem avaliadas e estará pronto para assumir o posto que sempre sonhou.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.