Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Redação do Enem: Veja quais expressões você deve evitar

Conseguir a nota máxima na redação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) não é uma missão simples, mas isso pode ser facilitado com algumas dicas, então apresentamos aqui quais expressões você deve evitar no seu texto.

Sabemos que os critérios da redação do Enem são bem exigentes, tanto que são divididos em cinco competências. Desse modo, o uso inadequado de alguma expressão já pode fazer você perder alguns pontinhos ou, talvez, muitos pontos.

Assim, é bom ter em mente que alguns usos empobrecem seu texto ou denunciam sua falta de conhecimento sobre alguns assuntos. Veja casos de expressões que você deve evitar.

Expressões imprecisas

Um dos aspectos mais importantes na redação de um texto é a precisão do vocabulário empregado pelo estudante, pois esse é de um dos fatores para que o texto seja coeso e coerente.

Desse modo, usar expressões imprecisas, cuja significação é genérica, afeta o desempenho da redação pois denota falta de criticidade, originalidade ou mesmo de conhecimento.

Algumas das expressões são: atualmente, hoje em diamuitas civilizações.

Termos “difíceis”

Usar expressões difíceis para enfeitar ou enriquecer a sua redação não é tão boa ideia se você não sabe realmente o que significam.

Nesse sentido, evite usar termos cuja semântica você desconhece, pois pode incorrer no erro de empregar a palavra em um contexto que ela não faz sentido.

Além disso, mesmo que você conheça um conjunto de palavras bonitas e seus significados, nem sempre essas palavras combinam com o texto, que deve ser direto.

Expressões generalizadoras

Expressões simplistas ou generalizadoras também não são bem vindas a sua redação. Elas podem indicar falta de compreensão do tema ou ausência de criatividade. É relevante usar expressões mais exatas e colocas adequadamente no texto. Veja alguns exemplos a seguir.

Na argumentação, expressões como “cientistas afirmam”  ou “muitos povos” são comuns nas redações dos estudantes, contudo, são genéricas e empobrecem a argumentação pois pode levar o corretor a entender que o participante não sabe realmente o que está falando ou inventou algum dado.

Desse modo, o melhor seria citar alguns cientistas e povos ou especificá-los de outra maneira.

Exemplos: “cientistas da Universidade de Harvard” ou “os povos indígenas“.

Acesse Agora as Principais Notícias no Brasil e fique atualizado

Em resumo, a principal ideia a ter em mente na escolha das palavras e expressões durante a escrita da redação do Enem é a de que você deve escrever um texto coeso, preciso, coerente e claro.

Veja mais dicas para a redação do Enem aqui.
Confira Conceitos literários para Enem e vestibulares.

Leia Também:

brasil 123  

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?