Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Articuladores na redação do Enem, saiba como não errar

O uso dos articuladores na redação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), se feito de forma equivocada, pode prejudicar e muito a nota final da prova.

Por esse motivo, conhecer os articuladores, saber o que são e como empregá-los na dentro do texto é indispensável.

Articuladores: o que são?

Os articuladores textuais funcionam no texto como mecanismos de conexão de partes do texto, podendo ser usados entre frases ou entre parágrafos de modo a guiar discursivamente o leitor.

Desse modo, os marcadores discursivos podem ser conjunções, locuções adverbiais, preposições ou mesmo pronomes.

Nesse sentido, são muitos os conectores e de diversos tipos. Logo, devem ser empregados em contextos adequados, de acordo com a classe de palavras a que pertence e com o sentido adequado.

Assim, recomendamos que, além de conhecer uma ampla lista de conectores para enriquecer a coesão e a coerência da sua redação, você saiba o que significam e que sentido empregarão ao texto.

Inadequação coesiva

Não adianta gravar uma lista de articuladores e conseguir usá-los corretamente redação.

Desse modo, apresentamos alguns casos de inadequação coesiva muito comuns para que sejam evitados usos incorretos dos articuladores na redação do Enem.

Onde

Os elementos coesivos podem retomar um termo com o objetivo de evitar a repetição de palavras, contudo, é necessário ter cuidado para não pecar no uso, como ocorre no uso do advérbio interrogativo onde.

Primeiramente precisamos ter em mente que o onde se refere necessariamente a lugar físico, espacial, ou geográfico.

Como nesta frase, por exemplo, em que onde retoma rua: A polícia cercou a rua onde o crime foi cometido.

Nesse sentido, veja os seguintes exemplos:

O candidato prestou o concurso onde questões de provas foram anuladas.

Acesse Agora as Principais Notícias no Brasil e fique atualizado

A educação ganharia uma nova cara se os professores fossem melhor capacitados, onde pudessem desenvolver novas pedagogias.

Em ambos os exemplos o emprego do onde é inadequado pois não retoma um lugar físico.

No primeiro caso a retomada de concurso poderia ser feita desta forma: O candidato prestou o concurso no qual questões de provas foram anuladas.

Já a segunda frase deve empregar conectivo que introduza a exemplificação do argumento anteriormente expresso: A educação ganharia uma nova cara se os professores fossem melhor capacitados, de modo que pudessem desenvolver novas pedagogias.

Outro exemplo de inadequação

Além do onde, há o emprego de outros articuladores que denunciam a falta de conhecimento do aluno sobre o seus significados:

O racismo tem sido arduamente combatido nos EUA, portanto, pessoas negras continuam sofrendo com a violência policial.

Apesar de ser boa aluna, Bianca conseguiu boas notas.

O problema, tanto na primeira frase quanto na segunda, reside no significado. Portanto indica a conclusão de uma língua de raciocínio, enquanto o conteúdo da frase expressa oposição. Nesse caso, caberia o uso de contudoentretanto.

Já apesar de indica ideias opostas, enquanto a frase requer uma conjunção explicativa que indique causa: Por ser boa aluna, Bianca conseguiu boas notas.

Gostou de saber sobre os articuladores na redação do Enem? Comente.

Veja mais dicas para sua redação do Enem aqui e entenda a competência 4.

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?