Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Prazo para a coleta de dados do Censo da Educação Superior termina sexta-feira (5)

As instituições brasileiras de ensino públicas e privadas e que ofertam cursos de graduação e sequenciais de formação específicas têm até a próxima sexta-feira (05) para enviar os dados ao Censo da Educação Superior (Censup) 2019. A participação das instituições de ensino é requisito para adesão a programas do Ministério da Educação (MEC), como o Programa Universidade para Todos, o Prouni, o Fundo de Financiamento Estudantil, o Fies, e as bolsas de Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, o Capes.

O censo faz parte do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) e está disponível para preenchimento das informações desde 20 de janeiro. Porém, por conta da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), em abril o Inep prorrogou o prazo para a coleta de dados.

Os pesquisadores institucionais (PIs) podem fazer, durante o período de preenchimento do questionário, alterações ou inclusões necessárias nos dados das respectivas instituições. Isso pode ser feito a qualquer momento.

Após essa fase, o Inep fica responsável por conferir e validar os dados, em colaboração com os pesquisadores institucionais. O Censup, então, é finalizado, os dados são divulgados e a Sinopse Estatística (levantamento anual que é um dos principais componentes do sistema de informações da educação brasileira) é publicada.

O Censo da Educação Superior reúne informações sobre as instituições de ensino superior, seus cursos de graduação presencial ou a distância, cursos sequenciais, vagas oferecidas, inscrições, matrículas, ingressantes e concluintes e informações sobre docentes nas diferentes formas de organização acadêmica e categoria administrativa.

Ele também é responsável por subsidiar o planejamento e a avaliação de políticas públicas, além de contribuir no cálculo de indicadores de qualidade.

*Com informações da Agência Brasil

Leia Também:

brasil 123  

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?