Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Ensino a distância: USP, Unicamp e Unesp manterão medida para 2º semestre de 2020

Nesta semana, o Ministério da Educação (MEC) estendeu a autorização de aulas a distância em universidades federais até 31 de dezembro de 2020

As três maiores universidades do Estado de São Paulo – Universidade de São Paulo (USP), Universidade de Campinas (Unicamp) e Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp) – continuarão com o ensino a distância, nos cursos de graduação e pós-graduação, durante o segundo semestre do ano letivo de 2020. A decisão foi tomada nesta semana pela reitoria das respectivas instituições.

Na USP, o início do segundo semestre está previsto para 18 de agosto, com a utilização da metodologia das aulas on-line. O pró-reitor de Graduação da universidade, Edmundo Chada Baracat, disse em reportagem ao G1 que o calendário poderá ser revisto no momento que a situação da pandemia do novo coronavírus estiver mais favorável.

Na Unicamp, o calendário das aulas ainda está sendo discutido por cada um dos institutos e faculdades que formam a instituição. O primeiro semestre termina em 31 de agosto e o início do próximo está previsto em meados de setembro.

“Em razão da pandemia de Covid-19, as aulas do primeiro semestre seguirão acontecendo de maneira remota. Para permitir maior flexibilidade, sem prejuízo para professores e alunos, foram adotadas diversas alterações nos regimentos internos, de acordo com as características de cada unidade de ensino. A conclusão do primeiro semestre letivo está prevista para o dia 31 de agosto de 2020. Para o segundo semestre letivo, previsto para iniciar em meados de setembro, a prioridade será manter as aulas remotas sempre que possível”, disse o comunicado enviado à imprensa pela Unicamp.

A instituição aguarda também as diretrizes do governo de São Paulo sobre a retomada das atividades presenciais em toda a rede pública de ensino.

Já na Unesp, o reitor Sandro Roberto Valentino afirmou ao jornal ‘O Estado de São Paulo’ que as atividades vão ser retomadas remotamente no segundo semestre, e que “a universidades vai fazer um esforço muito grande com alunos que estão para se formar este ano”.

Valentini também declarou em entrevista que a retomada de 100% das atividades presenciais neste ano “é improvável” na Unesp, mas que tudo ainda depende das diretrizes do governo paulista sobre o avanço da pandemia do coronavírus em São Paulo.

A universidade também emitiu um comunicado informando a comunidade acadêmica sobre as diretrizes do segundo semestre de 2020.

“A Unesp mantém de 85% a 90% das Unidades com aulas remotas na graduação e na pós-graduação neste primeiro semestre e iniciará o segundo semestre também em ensino remoto. Já é possível afirmar também que o ensino 100% presencial em 2020 é improvável. Quando forem definidos os detalhes do plano de retomada, que será gradual e amplamente debatido internamente na universidade, a Unesp vai priorizar o retorno das aulas presenciais inicialmente dos formandos (estudantes no último ano do curso) e, na etapa seguinte, dos calouros (ingressantes de 2020), que tiveram pouco tempo para vivenciar o ambiente universitário”, informou a Unesp.

Aulas a distância até o fim de 2020

Nesta semana, o Ministério da Educação (MEC) estendeu a autorização de aulas a distância em universidades federais até 31 de dezembro de 2020, em substituição às aulas presenciais que foram interrompidas devido à pandemia de Covid-19.

O documento também libera os estágios práticos, exceto de cursos de medicina. Em março, o MEC havia publicado a primeira portaria que trata sobre o tema e que tinha validade de 30 dias. Esta já é a terceira vez que o prazo é prorrogado. Porém, nesta nova portaria, a autorização para aulas on-line é estendida até o fim de 2020.

 

 

Leia Também:

PENSAR CURSOS brasil 123

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?