Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Cerca de cem escolas estaduais do município de São Paulo reabrirão dia 7 de outubro

Instituições de ensino municipais e particulares também oferecerão atividades extracurriculares

No próximo dia 7 de outubro, escolas da cidade de São Paulo poderão reabrir as portas para atividades extracurriculares. Cerca de 100 unidades fazem parte na rede estadual de ensino.

A retomada ocorre após autorização emitida pela prefeitura da cidade. Também compõem esse plano as instituições de ensino municipais e particulares. Entretanto, por ora, não há um balanço exato de quantas optarão pelo retorno.

Afinal, de acordo com a prefeitura de SP, cada escola pode decidir se reabre ou não. Lembrando que mesmo aquelas que não oferecem aulas extracurriculares comumente em sua grade poderão passar a disponibilizar a partir desta data.

Protocolo para reabertura de escolas

A Secretaria Estadual de Educação iniciou a distribuição de kits de higiene, nesta quarta-feira (30), em 13 diretorias regionais de ensino.

Fazem parte desse kit cerca de 300 mil máscaras, mais de 20 mil face shields, assim como sabonete, álcool gel, entre outros produtos de higiene. Todos deverão chegar às escolas que vão reabrir para conter a contaminação por coronavírus.

Furtos e vandalismo

Outra preocupação neste momento, de acordo com a Secretaria de Educação, direciona-se para os reparos necessários em escolas que sofreram com vandalismo.

A saber, muitas que ficaram fechadas por conta da pandemia foram vandalizadas. Há registros da falta de torneiras, computadores, assim como luz em decorrência de fios furtados.

Aulas até aos finais de semana

Em relação às escolas da prefeitura de São Paulo há oficialmente agenda para retorno das aulas presenciais no próximo mês de novembro.

De acordo com a prefeitura da cidade, há discussões relacionadas que devem se tornar oficiais pouco a pouco.

Por conta da paralisação das aulas desde o mês de março, Bruno Caetano, secretário Municipal de Saúde, assume que há possibilidade das aulas ocorrerem também aos fins de semana. Além disso, deve-se estender o ano letivo para janeiro de 2021.

“Só há um jeito de fazer isso, ampliando o tempo de estudo do aluno”, disse Caetano em entrevista ao jornal O Globo.

Ainda segundo o secretário, no mês de outubro iniciará o processo de testagem em massa na comunidade escolar. Ou seja, professores, funcionários e alunos.

Leia Também:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?