Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

INSS vai prorrogar antecipação do BPC e auxílio-doença até 31 de outubro

O decreto foi publicado no Diário Oficial da União e estabelece que a antecipação será estendida até 31 de outubro de 2020.

Na última quinta-feira (02), o presidente Jair Bolsonaro autorizou a prorrogação da antecipação, por parte do INSS, dos pagamentos do BPC (Benefício de Prestação Continuada) e do auxílio-doença aos beneficiários.

O decreto foi publicado no Diário Oficial da União e estabelece que a antecipação será estendida até 31 de outubro de 2020. “Os efeitos orçamentários e financeiros das antecipações concedidas nos termos do disposto no caput deverão ficar limitados ao exercício de 2020.”

As antecipações serão feitas pelo INSS, Ministério da Cidadania e pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho. Em nota, o Ministério da Economia justificou a decisão, pelo fato de que, com o coronavírus o atendimento presencial nas agências da Previdência Social está prejudicado. Embora o retorno esteja previsto para começar no dia 13 deste mês.

“Nem todas as agências estarão totalmente aptas para atender o público”, pontuou. “Assim, como forma de evitar que milhões de beneficiados fiquem sem assistência durante este período, o governo federal autorizou que os beneficiários do BPC e do auxílio-doença [benefício por incapacidade temporária] possam receber antecipadamente”, completou a pasta.

INSS recebe atestado pela inter

O INSS passou a permitir, desde abril, que os trabalhadores que precisam de auxílio-doença anexem um atestado médico na hora de fazer a solicitação do benefício pelo site ou aplicativo Meu INSS. Confira abaixo o passo a passo de como solicitar a antecipação:

Depois de entrar no Meu INSS, selecione a opção “Agendar Perícia”. Quem ainda não possuir senha, precisa se cadastrar para poder fazer o login.

Depois de fazer o login, basta fazer o seguinte:

  • Clique em “Agendar Perícia”
  • Selecione a opção “Perícia Inicial” e, em seguida, clique em “Selecionar”
  • Na pergunta “Você possui atestado médico”, selecione “SIM” e clique em continuar
  • Preencha as informações pedidas e clique em “Avançar”
  • Em “Anexos”, clique no sinal + para inserir o documento e clique em “Anexar”
  • Agora basta selecionar o documento (seu atestado médico) que você quer anexar, clicar em “Abrir” e, em seguida, em “Enviar”
  • Siga os passos seguintes e clique em “Gerar Comprovante” para que você o salve em seu computador ou celular
  • Em caso de dúvidas, confira o passo a passo disponibilizado pelo INSS.

Cuidados

O atestado médico deve ser anexado ao requerimento e deve seguir os seguintes requisitos:

  • estar legível e sem rasuras;
  • conter a assinatura do profissional emitente e carimbo de identificação, com registro do Conselho de Classe;
  • conter as informações sobre a doença ou CID;
  • conter o prazo estimado de repouso necessário.
  • Trabalhador na fila do auxílio-doença receberá 1 salário mínimo.

Antecipação do BPC 

O BPC se trata de um benefício assistencial de um salário mínimo por mês (R$ 1.045, em 2020) pago a idosos a partir dos 65 anos ou deficientes de qualquer idade que comprovem baixa renda. Em razão da pandemia do novo coronavírus, o governo decidiu antecipar R$ 600 para quem estava aguardando a análise do INSS.

Leia Também:

brasil 123  
2 Comentários
  1. Wanda Diz

    Dei entrada no Bpc desde janeiro, e até agora só em análise sem nenhuma resposta. Fiquei viúva em janeiro e até hj nada, isso é humilhante

  2. Najela silva Diz

    Isso e uma mentira o INSS não esta aceitando a documentação enviada pelo aplicativo estou 5 messes sem receber por esse motivo prestei exigência e não foi aceito e imã vergonha

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?