Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4.2/5 - (8 votes)

Desânimo no trabalho: Por que acontece?

desânimo no trabalho pode aparecer, uma hora ou outra, até mesmo na rotina dos mais motivados. Isso porque esse problema é multifatorial e, às vezes, é apenas uma forma de a nossa mente manter o equilíbrio dentro do platô, ou seja, dentro daquela fase que tudo parece estar “estagnado”.

Sendo assim, não deve ser considerado algo extremamente ruim, ainda porque a tristeza é a antagonista da felicidade e, sem a primeira, não saberíamos o que é ser feliz.

Contudo, quando o desânimo no trabalho é muito recorrente e intenso, devemos lançar um olhar mais atento para a situação. A seguir, apresentamos algumas das dezenas de causas desse desânimo. Reflita conosco.

Possíveis causas do desânimo no trabalho

Como visto logo acima, o desânimo no trabalho, às vezes, nada mais é do que uma maneira de a nossa mente manter as emoções em equilíbrio. Faz parte.

Nem sempre estaremos felizes e super empolgados com a agenda cheia de atividades importantes. No entanto, quando o problema é recorrente e começa a atrapalhar o seu dia a dia de trabalho, é preciso ficar atento.

Faça uma autoanálise do seu caso e use a nossa lista abaixo como um suporte para esse momento de autodescoberta:

1. Remuneração abaixo do esperado

Essa é uma causa clássica e que afeta muita gente em todo o mundo. Quando a remuneração é inadequada, o desânimo no trabalho aparece. Aqui, vale buscar qualificações para melhorar o currículo e solicitar o seu tão sonhado aumento.

2. Problemas de relacionamento com o chefe e com colegas

Os problemas de relacionamento podem minar o bem-estar no trabalho. Por isso, saber escutar o outro, ser empático e não perder a compostura são peças-chave para não se ver mergulhado no desânimo no trabalho.

3. Carga de trabalho acima do ideal

Quando trabalhamos demais, ficamos sobrecarregados. E ao perceber que não podemos concluir a demanda solicitada, sentimos aquele desânimo da ausência do dever cumprido. Por isso, cuidado com o excesso de “sim” que você tem dito, hein?

4. Pouco trabalho ou superqualificação

A ausência de trabalho pode ser tão ruim quanto o excesso. A monotonia de ter que esperar a hora passar pode causar um desânimo intenso. Se você tem se sentido superqualificado e não consegue encontrar trabalho à altura, converse com o seu gestor.

5. Baixa ou alta responsabilidade

A ausência de responsabilidade pode causar o desânimo no trabalho tanto quanto a alta carga de exigência. Afinal, no primeiro caso você pode se sentir “inútil”. Já no segundo, pode se sentir extremamente cansado e esgotado.

6. Problemas pessoais

É claro que problemas pessoais também podem impactar a sua saúde mental no ambiente de trabalho. Por isso, não se cobre tanto! Busque lidar com os seus dilemas respeitando os seus limites.

7. Ausência de hábitos saudáveis

Por fim, a ausência de hábitos saudáveis, no trabalho e na vida como um todo, podem causar o desânimo que você está sentindo. Isso porque a má alimentação, o sono ruim e a falta de exercícios diminui aquela sensação de disposição e bem-estar. Portanto, invista em uma rotina mais rica em hábitos positivos!

4.2/5 - (8 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.