Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Conta de luz terá bandeira vermelha patamar 2 em julho; veja o quando isso deve custar

Pelo segundo mês seguido, a conta de luz terá a maior faixa de cobrança extra para os brasileiros.

Isso porque a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) divulgou que a bandeira cobrada em julho será a vermelha patamar 2 – a mesma de junho.

Em outras palavras, o preço da energia por cada 100 quilowatts consumidos por hora será de R$ 6,24. A bandeira é a mais cara já cobrada até agora neste ano.

Isso se levar em consideração o reajuste que ainda deve ser anunciado. Saiba mais aqui, aumento pode chegar a 60%.

Cobrança similar foi feita em dezembro de 2020. A bandeira também indica que o preço da conta de luz está no patamar mais elevado. (Entenda mais sobre as bandeiras abaixo).

O cenário acontece diante da crise hídrica, causadas pela seca histórica nas principais bacias hidrográficas do Sistema Interligado Nacional (SIN).

Saiba qual grupo não poderá ter a energia cortada na pandemia clicando aqui. 

Entenda a cobrança extra de energia

Há três tipos de bandeiras que podem ser aplicadas na conta de luz: verde, amarela e vermelha.

No mês de dezembro, por exemplo, a bandeira de cobrança utilizada foi a vermelha o que pode ter resultado um impacto em muito os orçamentos dos brasileiros.

Para se ter uma ideia, o valor cobrado na conta de luz foi quase 5 vezes maior do que o será cobrado no mês de janeiro. Em dezembro, com a bandeira vermelha, o preço de cada 100 quilowatts consumidos por hora, foi de R$ 6,20. 

Veja abaixo um diagrama com dados de valores (2020) informados pela própria Aneel. Entenda a bandeira da conta de luz:

Como economizar na conta de luz

Para te ajudar ainda mais com a economia na conta de luz, nós separamos 10 dicas. 

  1. Evite tomar banho por mais de 5 minutos e deixe o chuveiro em temperatura morna no verão;
  2. Não deixa a porta da geladeira aberta por muito tempo;
  3. Junte roupas para passar, evite passá-las individualmente;
  4. Se possível, utilize a iluminação natural ao máximo;
  5. Faça uma revisão na sua fiação, se achar que a cobrança está fora do padrão usual;
  6. Retire os aparelhos eletrônicos da tomada quando for viajar ou for passar o dia fora;
  7. Troque as lâmpadas eletrônicas pelas de LED;
  8. Verifique a borracha de vedação da geladeira;
  9. Evite usar a máquina de lavar para quantidades pequenas de roupas;
  10. Evite mexer no celular enquanto ele carrega.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.