Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Confira os próximos pagamentos do Auxílio Emergencial

O Auxílio Emergencial, benefício que auxilia brasileiro em estado de pobreza na pandemia, organiza seus dias de pagamentos de formas variadas. Assim, o depósito na conta digital e a possibilidade de saque em dinheiro, por exemplo, não acontecem nas mesmas datas.

Além disso, também há divisão para aqueles que possuem inscrição no Cadastro Único daqueles que são beneficiários do Bolsa Família. Dessa forma, enquanto os primeiros seguem o calendário geral do benefício, os segundos permanecem na mesmo regra padrão do programa que fazem parte.

Portanto, é necessário que o participante do Auxílio Emergencial tenha atenção no momento de conferir as datas de pagamento. Entenda melhor, a seguir, as operações dos próximos dias.

Saque em dinheiro retorna na próxima segunda-feira

Primeiramente, a Caixa Econômica Federal irá liberar a realização de saques e transferência dos valores do benefício a partir da próxima segunda-feira, dia 14 de junho. Dessa forma, os próximos participantes a terem acesso à operação serão aqueles que nasceram no mês de setembro.

Além disso, é importante lembrar que o processo de escalonamento de saques e depósitos possui a finalidade de evitar possíveis casos de aglomeração nas agências físicas da instituição financeira ou de parceiros credenciados. Isto é, o escalonamento se refere ao pagamento organizado por grupo de aniversariantes de cada mês.

Então, será possível movimentar os valores de R$ 150 (para famílias de uma só pessoa), R$ 250 (para aquelas de duas ou mais pessoas) e R$ 375 (mães chefes de família).

Quem recebe?

De acordo com o calendário oficial do Auxílio Emergencial, as liberações seguintes para a realização de transferência para outras instituições bancárias e saques estarão disponíveis para beneficiários que nasceram entre os meses de setembro e dezembro. Veja, adiante, a datas para saques e transferências, para aqueles aniversariantes de:

  • Setembro: liberação do saque em dinheiro no dia 14 de junho.
  • Outubro: liberação do saque em dinheiro no dia 15 de junho.
  • Novembro: liberação do saque em dinheiro no dia 16 de junho.
  • Dezembro: liberação do saque em dinheiro no dia 17 de junho.

Como realizar o saque?

O beneficiário poderá realizar o saque em dinheiro através do aplicativo Caixa Tem de uma forma bem simples. Assim, basta acessar o aplicativo e, então, selecionar a opção “Saque sem cartão”.

Em seguida, o participante deverá optar por “gerar código de saque”. Além disso, a fim de continuar, o será necessário informar sua senha para ter acesso ao código através de seu celular. Nesse sentido, é importante lembrar que o código possui validade de apenas uma hora.

Indo adiante, após completar os passos anteriores, para efetivar o saque o beneficiário apresentará o código em:

  • Qualquer agência Caixa
  • Casas lotéricas
  • Qualquer correspondente Caixa Aqui

Ademais, o beneficiário também pode realizar a transferência dos valores para outra conta em qualquer outro banco ou movimentar os valores na própria Conta Poupança Social Digital. Assim, através dela é possível pagar contas e boletos, assim como a realização de compras virtuais por meio do cartão de débito virtual.

Em conjunto, também há a possibilidade de transferência via PIX. Todas estas funções estão disponíveis no aplicativo Caixa Tem.

Como será o pagamento da terceira parcela?

De acordo com o calendário oficial que o Ministério da Cidadania divulgou, a terceira parcela do Auxílio Emergencial acontecerá a partir do dia 17 de junho. Esta, por sua vez, é a data em que os integrantes do Programa Bolsa Família terão o depósito da terceira parcela do auxílio.

Ademais, para o público geral do Cadastro Único, a previsão é de início no dia 20 de junho. Além disso, a quarta parcela apenas se iniciará em 23 de julho, seguindo até 22 de agosto.

Assim, o processo de pagamentos das duas últimas parcelas deve seguir o mesmo formato já adotado nas parcelas anteriores. Isto é, obedecerá o escalonamento, ao utilizar o mês de nascimento para os participantes do CadÚnico e o último dígito do Número de Identificação Social (NIS) para integrantes do Programa Bolsa Família. 

Confira os calendário de saque da segunda parcela

A Caixa Econômica Federal já concluiu o depósito em conta digital das duas primeiras parcelas do Auxílio Emergencial de 2021. No entanto, prossegue realizando a liberação do saque da segunda parcela do benefício, que se iniciou no dia 31 de maio e se encerra dia 17 de junho.

A última liberação ocorreu na sexta-feira, dia 11 de junho, que contemplou os beneficiários aniversariantes do mês de agosto.

Calendário de saques em dinheiro da segunda parcela do Auxílio Emergencial

O calendário de saques da segunda parcela, que já está em curso, terminará na próxima semana. Dessa forma, aqueles participantes do programa que não possuem muito acesso às tecnologias poderão ter o dinheiro em mãos. Portanto, receberam e receberão, ainda, de acordo com as seguintes datas, aqueles que nasceram em:

  • Janeiro: puderam sacar em 31 de maio 
  • Fevereiro: puderam sacar em 1º de junho 
  • Março: puderam sacar em 2 de junho 
  • Abril: puderam sacar em 4 de junho 
  • Maio: puderam sacar em 8 de junho 
  • Junho: puderam sacar em 9 de junho 
  • Julho: puderam sacar em 10 de junho 
  • Agosto: puderam sacar em 11 de junho 
  • Setembro: poderão sacar em 14 de junho 
  • Outubro: poderão sacar em 15 de junho 
  • Novembro: poderão sacar em 16 de junho 
  • Dezembro: Poderão sacar em 17 de junho

Confira o calendário de depósito da terceira parcela do Auxílio Emergencial

Em seguida, os beneficiários que seguirem cumprindo os critérios do programa poderão receber a terceira parcela do benefício. Portanto, é necessário que os participantes confiram a veracidade de seus dados.

Calendário de pagamento para os beneficiários do Bolsa Família

Primeiramente, começarão a receber aqueles beneficiários que possuem inscrição no Bolsa Família. Nesse sentido, terão o pagamento, nas datas a seguir, aqueles que possuem NIS (Número de Identificação Social) terminado em:

  • 1: receberão em 17 de junho 
  • 2: receberão em 18 de junho 
  • 3: receberão em 21 de junho 
  • 4: receberão em 22 de junho 
  • 5: receberão em 23 de junho 
  • 6: receberão em 24 de junho 
  • 7: receberão em 25 de junho 
  • 8: receberão em 28 de junho 
  • 9: receberão em 29 de junho 
  • 0: receberão em 30 de junho

Calendário de depósito em conta digital para beneficiários do Cadastro Único

Por fim, receberão o depósito na conta digital da terceira parcela do Auxílio Emergencial, nas seguintes datas, os beneficiários que nasceram em:

  • Janeiro: receberão em 20 de junho 
  • Fevereiro: receberão em 23 de junho 
  • Março: receberão em 25 de junho 
  • Abril: receberão em 27 de junho 
  • Maio: receberão em 30 de junho 
  • Junho: receberão em 04 de julho 
  • Julho: receberão em 06 de julho 
  • Agosto: receberão em 09 de julho 
  • Setembro: receberão em 11 de julho 
  • Outubro: receberão em 14 de julho 
  • Novembro: receberão em 18 de julho 
  • Dezembro: receberão em 21 de julho
4 Comentários
  1. Manoel Pacheco Diz

    só o que se vê é o governo dando o auxílio esmola para o povo ,tem que mandar o Jair Bolsonaro viver com 150 por mês ou Guedes com 250 , e blogueiros dando noticias falsas para o povo sobre o assunto para conseguir likes ,aquele tal de japonês é um Pinóquio enrola mais que carretel,fakes por todo canto ,é a era da da mentira que antecede p apocalipse, a verdade é a justiça de Deus preencherá a terra como as águas preenche o mar ,

  2. Ricardo Lorenzo Miranda Diz

    quem não tem acesso a celular tem que esperar 1 mês para sacar e são milhões de brasileiros que ficam com o dinheiro depositado esperando para sacar neste tempo a cx aplicá este dinheiro e com os juros paga a maioria então o governo não está bem dizer dando e nada

  3. Ricardo Lorenzo Miranda Diz

    este auxílio emergencial deveria ser pago no dia que é feito o depósito e não esperar 1 mês para sacar tudo errado

  4. Maria Elisabete Diz

    Eu gostaria de saber porque não vão pagar o auxílio em junho? E só em julho? Porque tão fazendo Isso e esse valor que não é definido fica esse deputado Janones querendo like nas redes sociais só enrolando que humilhação eu preferiria que não desse nada porque esse valor é surreal será que não vai ter justiça????

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.