Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Confira os benefícios que o governo vai liberar além do auxílio emergencial

Mesmo com a aprovação da nova proposta para a prorrogação do auxílio emergencial, não é garantido o fim da atual crise que estamos vivendo. É necessário o uso de outros critérios para amenizarem o impacto ocasionado pela pandemia da Convid-19.

Neste sentido, o governo está criando novas estratégias para liberar uma serie de benefícios, a fim de apoiar os cidadãos em situação de vulnerabilidade e estimular a economia local, logo nacional, para trazer pelos menos algumas frações de normalidade ao exercício econômico do país.

Os novos benefícios que o governo pretende liberar serão tratados como antecipação, não comprometendo o orçamento atual. Confira a seguir essas novas bonificações.

FGTS emergencial

Desde o ano passado circulava a ideia para uma nova rodada de saques emergenciais do FGTS, as condições para a viabilização desse recurso surgiria com a análise dos primeiros meses deste ano.

Assim, com a liberação aprovada, o trabalhador poderá sacar até R$ 1,1 mil do fundo de suas contas no FGTS. As quantias pagas nessas antecipações do fundo são correspondentes ao valor do salário mínimo do ano em questão.

13º salário do INSS

A antecipação do 13º salário para aposentados e pensionistas do INSS é um assunto que está em repercussão.  Inicialmente a liberação estava prevista para os meses de fevereiro e março. Contudo, a folha de pagamento referente ao mês de fevereiro já está sendo impressa, e não consta qualquer valor adicional referente ao 13º salário.

Sobre tudo, é necessária a aprovação da antecipação para ser inclusa na proposta orçamentária de 2021. Logo, a previsão de liberação está para o mês de abril.

Bolsa Família

O programa de renda, Bolsa Família, mesmo sendo independente a pandemia, apresentou uma nova medida para transformação do atual formato.

A nova proposta do Auxílio Emergencial trará aproximadamente 300 mil novos comtemplados para o programa. Uma de suas reformulações foi valor liberado através do ticket que em média era de R$ 192 e passará a computar um valor médio superior a R$ 200.

Por fim, segue algumas mudanças que ocorrerá no programa:

  • Pagamento de um ticket médio superior a R$ 200
  • Ajuste na renda para ingressar mais 300 mil famílias
  • Situação de extrema pobreza, atualmente reconhecida quando a renda é de até R$ 89 por pessoa, subirá a cerca de R$ 92 por pessoa
  • Situação de pobreza, quando a renda é de até R$ 178 por pessoa, será alterada para aproximadamente R$ 192 por pessoa
  • Criação de três bolsas por mérito: escolar, esportivo e científico.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
2 Comentários
  1. iltony Diz

    Pegadinha
    Da próxima comece com você tem que pagar 30,00 conto kkkkk

  2. Aldira Nascimento de Lima Diz

    Quem não se escreveu no auxílio ainda, pode se escrever dessa vez ?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.