Chaves Pix: Veja como funcionam e saiba como cadastrar na sua conta

O Pix é um sistema de transferências instantâneas do Banco Central, lançado em 2020 pela instituição financeira. A ferramenta se popularizou muito ao longo dos anos pelo fato de transferir o dinheiro de maneira instantânea e gratuita, se tornando um dos principais meios de pagamento no Brasil.

Para poder utilizar esse sistema o usuário deve realizar o cadastramento de uma chave Pix em algum banco. As chaves funcionam como uma espécie de identificação da conta, permitindo a realização das transações bancárias de maneira instantânea.

Além disso, as chaves Pix trazem facilidade para as transações bancárias, pois excluem a necessidade de fornecer informações como número de conta, agência e CPF/CNPJ, que são requisitadas em outros meios de transferência. Sendo assim, no momento de realizar uma transferência instantânea o usuário precisa apenas da chave do destinatário.

Como cadastrar uma chave Pix?

O cadastramento de chaves Pix varia de acordo com a instituição bancária em que o usuário possui conta, podendo ser feito através dos canais de acesso do banco. Além disso, em alguns casos é possível realizar o cadastramento pelo aplicativo de celular, se existente.

De maneira geral, para cadastrar um chave Pix será necessário confirmar a posse e vinculá-la a uma conta. Geralmente a confirmação da posse pode ser feita através de um código, enviado por SMS para um número de telefone celular ou pelo e-mail, caso essas sejam as chaves escolhidas.

Este código deverá ser inserido no canal em que o cadastramento da chave Pix está sendo feito. Além disso, serão necessárias autenticações digitais como senha, biometria ou reconhecimento facial.

Chaves Pix: Veja como funcionam e saiba como cadastrar na sua conta
Chaves Pix: Veja como funcionam e saiba como cadastrar na sua conta

Quais os tipos de chaves existentes

Existem quatro tipos de chaves Pix atualmente, sendo elas: CPF ou CNPJ, e-mail, número de telefone celular e chave aleatória. Cada conta de pessoa física pode possuir até cinco chaves Pix, já as contas de pessoa jurídica (PJ) possuem um limite de 20 chaves.

No entanto, não existe a possibilidade de cadastramento de uma mesma chave em mais de uma conta. Dessa forma, cada chave Pix pode estar associada a apenas uma conta do usuário.

Isso ocorre pois o sistema do Pix precisa saber exatamente de qual conta os valores estão sendo retirados, e qual conta receberá a transação. Se a mesma chave fosse associada a mais de uma conta, isso não seria possível.

Pix alcança marca importante

Neste ano o Pix já superou o montante transacionado por todos os tipos de cartões, o que inclui o débito, crédito e o pré-pago. De acordo com dados do Banco Central, no período de janeiro a junho de 2023 já foram R$ 7,3 trilhões movimentados através da ferramenta.

Por outro lado, nesse mesmo período do primeiro semestre de 2023 os cartões de crédito, débito e pré-pago movimentaram apenas R$ 1,7 trilhão. Os dados são de um levantamento recente da Abecs (Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços).

No entanto, apesar do número bem abaixo do que o apresentado pelo Pix, os cartões tiveram uma alta no montante transacionado, que cresceu cerca de 8% no período entre janeiro e junho deste ano. Além disso, em questão de quantidade de operações realizadas, os cartões de débito, crédito e pré-pago apresentaram um número de 19,8 bilhões neste mesmo período. Sendo assim, esse número representa mais de 113 milhões de pagamentos com cartões por dia.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.