Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Capital de giro: Cálculo e controle

Saiba como calcular e controlar o capital de giro da sua empresa

Novos e pequenos empreendedores têm certa dificuldade em calcular e controlar o capital de giro da sua empresa, muitos não entendem como alocar esses recursos de maneira assertiva, assim como não entendem seus impactos.

O que é capital de giro?

Capital de giro são os valores designados às movimentações de curto prazo. Ele mantém as despesas operacionais da empresa, está alocado nas contas de maior liquidez do balanço patrimonial (caixa, bancos, aplicações financeiras, contas a receber etc.) a contra partida desses recursos são as obrigações de curto prazo.

Como calcular?

O capital de giro líquido é o valor resultante da diferença entre as disponibilidades e as obrigações de curto prazo. Para calculá-lo basta subtrair o passivo circulante do ativo circulante (CGL=AC-PC).

Qual a razão de controlar?

Há muitas razões para controlar o capital de giro da sua empresa:

Abrangência de recursos

Por abranger recursos de constante movimentação, o capital de giro está ligado ao fluxo de caixa e para que o empreendedor não seja surpreendido com um fluxo de caixa negativo, é necessário controlar e avaliar constantemente as aplicações desses recursos.

Decisões de compra

E as decisões sobre tudo o que envolve as compras;

Fornecedores;

Prazo de produção;

Política de vendas.

São os principais fatores que determinam o equilíbrio e a fluidez dessas disponibilidades.

Caso haja uma decisão errada, um prazo mal calculado ou qualquer atraso no processo de produção, podem minar a capacidade líquida da empresa.

A importância do capital de giro

Esse é o fator primordial para entender a importância do controle do capital de giro.

Com um saldo de caixa negativo as empresas recorrerão aos empréstimos bancários ou aos financiamentos de operações, o que aumenta a dívida da empresa e diminui sua margem de lucro devido as despesas com juros.

Não fique sem recursos

Para que o empreendedor não fique sem recursos e possa honrar suas obrigações:

Administre corretamente o capital de giro

Essa administração correta previne insuficiência de saldo nas contas da empresa. Aumenta o controle de inadimplência, dá poder de negociação para aumentar os prazos de pagamento e praticar uma adequada política de compra e venda. São alguns exemplos que estão nas mãos dos empreendedores.

Calcular e controlar o capital de giro de sua empresa é um dos seus caminhos para o sucesso.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.