Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.5/5 - (4 votes)

CAIXA: veja quem pode solicitar o empréstimo de até R$ 100 mil

A Caixa Econômica Federal conta com empréstimos de até R$100 mil com condições especiais para os cidadãos que estão negativados. A oferta, liberada pelo banco, conta com o Penhor Caixa.

A Caixa Econômica Federal conta com empréstimos de até R$100 mil com condições especiais para os cidadãos que estão negativados. A oferta, liberada pelo banco, conta com o Penhor Caixa.

Inicialmente, é importante salientar que, para que receba o valor via empréstimo, o usuário deverá deixar um bem como garantia do pagamento da dívida. Conforme regras de liberação, o valor mínimo para o empréstimo é de R$ 50, mas o valor máximo pode chegar até R$ 100 mil, a depender do objeto a ser penhorado.

O programa não estabelece nenhuma avaliação nas instituições de crédito, como SPC ou Serasa. Além disso, é possível que o cliente penhore até o saldo do FGTS, mantendo os valores bloqueados durante o período de contratação.

Portanto, os interessados devem estar atentos quanto à aprovação e quanto ao valor do crédito, que dependerão da avaliação do bem colocado em penhor. Assim, mesmo que o cidadão esteja com o nome sujo é possível tomar o empréstimo.

Dentre os itens que podem ser colocados como garantia estão: relógios, pratarias, canetas de primeira linha, joias e até mesmo o FGTS. O bem penhorado deve ser entregue a instituição no ato da contratação, sendo devolvido apenas no final do pagamento da dívida.

Como solicitar o crédito para negativados?

De antemão, é necessário ter um bem que pode ser colocado como garantia. Caso possua, confira qual agência da Caixa Econômica oferece a modalidade de crédito, sendo a mais perto de você. Feito isto, vá até o banco e apresente o documento de identidade, CPF e comprovante de endereço.

Na ocasião, será necessário informar que deseja contratar o programa Crédito Penhor Caixa. Lembrando que o item que será colocado como garantia deve ser levado para avaliação.

Desta forma, caso o bem se encontre nos parâmetros segundo a categoria, a instituição fará o contrato do empréstimo. Cabe salientar que o número de parcelas e forma de pagamento será definido na hora, juntamente com o cliente.

Todavia, caso a garantia seja o FGTS, o gerente da agência da Caixa deverá realizar um cálculo para definir os valores e as condições de pagamento. Com todas as etapas concluídas, o banco fará o depósito do dinheiro.

Garantia do FGTS

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), no qual a Caixa é gestora de pagamentos, também pode ser utilizado como garantia de pagamento do empréstimo. Neste caso, a inadimplência das parcelas é resolvida com a retirada direta do FGTS da quantia correspondente à dívida.

Nesse modelo, o valor concedido é de 10% do saldo disponível na conta do fundo e de 40% da multa quando há demissão sem justa causa.

Para solicitação, a empresa precisa ter aderido ao serviço. Neste caso, o cidadão deverá entrar em contato com o setor de Departamento Pessoal (DP) ou de Recursos Humanos (RH) para buscar mais informações.

3.5/5 - (4 votes)
2 Comentários
  1. José adrAdriano Ferreira dos Santos Diz

    Auxílio

  2. Maria Do Desterro Xavier Honorato Diz

    Porque a caixa faz tudo em cima do saldo do FGTS do trabalhador e não paga o valor da perdas de todo tempo que confiscou? Bolsonaro não quer ganhar a eleição porque libera dinheiro e dá dinheiro de auxílio, mas não faz o que é justo. Ele quer derrotar a justiça brasileira? Então procure saber as injustiças que os Supremo pratica contra o trabalhador e o povo brasileiro e denuncie. Perdemos muito dinheiro pra CEF e a justiça brasileira não libera pra que seja pago as perdas.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.