Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Bolsonaro barra privatizações da Petrobras, BB e Caixa

Paulo Guedes, ministro da Economia, afirmou nesta terça-feira (02) que, se tivesse controle, privatizaria todas as empresas estatais do Brasil. Mas, segundo o ministro, Bolsonaro não permite que isso seja feito com o Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e Petrobras.

“Pra mim, estatal boa é a que foi privatizada”, disse ele durante entrevista ao programa Os Pingos nos Is, da Jovem Pan. “Essas três o presidente tem dito que não quer privatizar”. O ministro citou o exemplo da Vale do Rio Doce, que foi privatizada em 1997, durante o governo do presidente Fernando Henrique Cardoso. “Eu quero privatizar a Eletrobras, eu quero privatizar Correios, eu quero privatizar todas as outras que sejam possíveis”, disse.

Guedes afirmou também que respeita a decisão de Bolsonaro, pois “o fenômeno eleitoral é ele”. Para Guedes, privatizar essas empresas seria uma maneira de diminuir a dívida pública. “Nós não somos uma geração de covardes que fazem a guerra e jogam a conta para filhos e netos. Nós pagamos uma parte dessa conta”, opinou.

O ministro também comentou a interferência de Bolsonaro na Petrobras. De acordo com Guedes, a atitude de Bolsonaro gerou efeito econômico negativo. Mas o ministro disse respeitar a decisão do presidente. “É compreensível politicamente a atitude. Do ponto de vista econômico o efeito foi ruim. Eu tenho que respeitar o presidente da República, ele diz ‘é isso aqui que eu quero agora’, ele tem o direito”, finalizou.

No fim de fevereiro, os juros futuros de Depósitos Interfinanceiros (DI) fecharam em alta. As taxas mais longas aumentaram como um reflexo da má percepção de risco de agentes financeiros. O movimento aconteceu após o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) interferir na Petrobras e por causa da possibilidade que ele levantou de interferir em outros setores econômicos, como o elétrico. A alta dos juros das T-notes de 10 anos de mais de 1,3% também significou um guia adicional para as taxas, especialmente as de maior prato, que estavam em mais de 20 pontos-base, mas subiram para mais de 30.

Correios

No Brasil, o número de empresas estatais que se tornaram privadas está crescendo. Entre as grandes empresas, podemos destacar o Correios, que em janeiro completou 358 anos de serviços postais.

Há quatro anos consecutivos o Correios vem faturando um lucro líquido de R$ 4 bilhões. Ainda assim, o presidente da República, Jair Bolsonaro, entregou no dia 24 de fevereiro um Projeto de Lei (PL 597/2021) onde consta a permissão da privatização do Correios.

O documento que estava em análise no planalto desde o mês de outubro do ano passado, agora está em posse do presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
12 Comentários
  1. P.H Diz

    Concordo.
    A Cirlene fala mal dos políticos, mas esquece que Bolsonaro tbm é um. Um dos piores de todos os tempos. Nao preciso nem embasar muito meu argumento, pois o golpe tá aí. Todos vemos diariamente, mas só cai que quer.

  2. Carlos Alberto Ŕeis Diz

    .Maurici, vc é professor de Português?

  3. Maurici da Conceição Diz

    Aff

  4. Yêdo Martins da Silva Diz

    Se Jesus voltar, ele decola no mesmo instante de volta sem data pra retornar.

  5. João Batista Vervical v Diz

    Quando Bolsonaro descobrir que o ” super ministro Paulo Guedes” é inimigo oculto dele ,e dos brasileiros ,os estragos seram drásticos , infelizmente aprovaram até a independência do banco central .Dr Enéias já alertou ,quando fizerem a independência do banco central ,o Brasil não precisará mais de um presidente da república .

  6. Genival Diz

    Coitada dessa cirlene. Que mundo ela vive?
    Não está vendo a roubalheira dos filhos do Bozo?
    Ela é parte do gado evangélico. Da dó mesmo.

  7. Maurici Conceicao Diz

    A redação de seu texto não deixa dúvidas sobre quem você apoia.

  8. Daniel Diz

    Engraçado que o Governo manda para o Congresso as privatizações e dizem que Bolsonaro não quer privatizar?” O golpe tá aí, cai quem quer”

  9. Cirlene Diz

    Eu tou com Bolsonaro, não aceita não privar os bancos não e nós os pobres o que será de nós, nós se lasca e os políticos ficam de bom Como sempre, pra diminuir as dívidas do nosso país e tirar as regalias dos políticos que tá dimais e acabar com as roubalheira e desviou de nosso dinheiro aí acaba a divida, o nosso Brasil é o mais rico em tudo por isso que os outros países que nos comprar. Era pra todos nós vivermos muito bem de condição mais existe pessoas egoísta, sem noção só quer pra si não pensa no próximo só pensa em se mesmo por isso que o mundo está como está aí só coloca a culpa no presidente, tudo de ruim é culpa dele mais não é, antes dele vir já existia ladrão, fome, peste, guerras, políticos ladrões, essa pandemia já estava escrito sabe porque, porque o mundo está cheio de corrupções e pecados o mundo está sujo fedendo nas narinas de Deus. Isso está acontecendo pra nós se achegar mais Deus buscar mais a ele se arrepender de seus pecados, estamos nos fins dos tempos o povo está brincando e é sério, JESUS ESTÁ VOLTANDO.

    1. Maurici Conceicao Diz

      A redação de seu texto não deixa dúvidas sobre quem você apoia.

      1. Carlos Alberto AlbCarloserto Diz

        Vc é professor de Português?

      2. Leandro Barreto Antunes dos Santos Diz

        Escrevendo dessa maneira já sabemos quem apoia

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.