Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Bolsa Família: veja os pagamentos até o fim de julho com o calendário detalhado

De acordo com o calendário oficial do Governo Federal, calendário oficial do Bolsa Família em julho começou e segue nesta segunda-feira

O Governo Federal segue realizando os pagamentos de julho do programa Bolsa Família. Cerca de 4 milhões de pessoas estão recebendo a quantia do projeto, e mais 10 milhões devem seguir recebendo o dinheiro do auxílio emergencial nestas mesmas datas do mesmo calendário em questão.

Veja o calendário até o final de julho

Segunda (26) – NIS 6
Terça (27) – NIS 7
Quarta (28) – NIS 8
Quinta (29) – NIS 9
Sexta (30) – NIS 0

Quem faz parte do Bolsa Família e está recebendo o Auxílio Emergencial neste momento deve seguir essas mesmas datas. Então as pessoas que possuem o NIS terminando em 1 podem ir para a agência para pegar o dinheiro da quarta parcela do programa que vai originalmente para os informais.

De acordo com as informações do Ministério da Cidadania, o Bolsa Família tem cerca de 14 milhões de beneficiários no Brasil hoje. Deste grupo, cerca de 10 milhões estão recebendo apenas o dinheiro do Auxílio Emergencial. Quando este programa acabar, eles voltam automaticamente para o projeto anterior.

Retorno automático

Cresce na internet uma dúvida em relação a este processo de retorno dessas pessoas ao Bolsa Família depois do fim do Auxílio Emergencial. Muita gente segue imaginando que o Governo poderia exigir uma espécie de nova inscrição.

No entanto, isso não é verdade. Pelo menos até aqui, não há indícios de que o Palácio do Planalto esteja colocando novas regras para o retorno desses beneficiários. De acordo com o poder executivo tudo isso deve acontecer de maneira automática.

Então como o Auxílio Emergencial deve chegar ao fim em outubro, o novo Bolsa Família deverá entrar em cena a partir do próximo mês de novembro. E esses 10 milhões deverão voltar automaticamente para o programa novo.

Bolsa Família

Vale lembrar que a ideia do Governo Federal é inaugurar o projeto novo justamente a partir do próximo mês de novembro. Assim, quem está no Auxílio Emergencial deve cair imediatamente no programa turbinado.

Aliás, a ideia do Palácio do Planalto é fazer o projeto crescer. Eles deverão aumentar o número de beneficiários de 14 para 17 milhões de brasileiros. Além disso, o Presidente Jair Bolsonaro também quer mexer na questão dos valores.

Hoje, de acordo com o Ministério da Cidadania, o Bolsa Família paga uma média de R$ 190 por pessoa no Brasil. A ideia do Presidente é subir este montante para a casa dos R$ 300. Não se sabe se isso vai acontecer.

De acordo com informações de bastidores, o Governo quer decidir isso o quanto antes. É que eles querem apresentar esse projeto para o Congresso Nacional o mais rápido possível, para que os parlamentares tenham tempo de aprovar o texto em questão.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.