Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4/5 - (1 vote)

Bolsa Família: ala planeja retorno do antigo programa social

De acordo com informações oficiais, alguns políticos estão planejando o retorno do antigo Bolsa Família para o ano de 2023

O Bolsa Família chegou oficialmente ao fim ainda no último mês de outubro do ano passado. Mas o fato é que aquele pode não ter sido a última vez que o projeto em questão fez pagamentos. De acordo com informações oficiais, há uma ala política que está planejando o retorno do benefício para o próximo ano.

Em entrevista para o jornal Folha de São Paulo, a ex-ministra do Governo Dilma Rousseff (PT), Tereza Campello, falou sobre o assunto. Entre outras coisas, ela disse que o atual Auxílio Brasil do Governo Federal seria um programa eleitoreiro e que, por isso, ele precisaria voltar a dar lugar para o antigo Bolsa Família.

Nesta entrevista, ela não explicou ao certo como o programa poderia retornar em 2023. Não se sabe, por exemplo, o que aconteceria com os valores. Hoje se sabe que o patamar de pagamentos subiu de uma média de R$ 189 do antigo Bolsa Família para um patamar mínimo de R$ 400 agora com o Auxílio Brasil.

O que a Ministra deixou claro é que o Governo Federal deveria começar a atualizar as linhas de renda per capita de maneira automática. Hoje, como se sabe, uma pessoa que tem um limite de até R$ 105 está em situação de extrema-pobreza. Se recebe mensalmente algo entre R$ 106 e R$ 210, então está em situação de pobreza.

Esses limites acabaram de ser atualizados pelo Governo Federal. Mas o fato é que ele passou alguns anos sem nenhum tipo de atualização. Com isso, muita gente que poderia receber o benefício acabou ficando de fora do projeto em questão. A proposta da Ministra seria portanto fazer essa atualização com mais frequência.

Bolsa Família na eleição

Toda essa discussão precisa acontecer em um contexto de entendimento de que estamos em um ano de eleições. No próximo mês de outubro, o país vai escolher quem vai ser o presidente do Brasil entre os anos de 2023 e de 2026.

E isso vai acabar impactando a questão dos programas sociais a partir do próximo mandato. Ganhe quem ganhar, o fato é que esses auxílios ficarão nas mãos de quem estiver no Palácio do Planalto a partir do dia 1 de janeiro de 2023.

Mas é preciso deixar claro que um retorno do Bolsa Família ainda não é uma promessa oficial do PT. Até aqui, o que se tem é uma fala de uma ex-ministra do Governo Dilma Rousseff. Ainda é preciso esperar para saber o que os partidos têm a falar sobre o assunto.

Auxílio Brasil

O Governo Federal atual começou os pagamentos do seu Auxílio Brasil ainda no final do último mês de novembro. De acordo com as informações oficiais, naquele primeiro momento só estavam recebendo as pessoas que estavam no antigo Bolsa Família.

Isso mudou apenas a partir deste mês de janeiro. Tomando como base os números do próprio Ministério da Cidadania, cerca de 3,5 milhões de brasileiros entraram no projeto desde o início deste ano de 2022.

Em entrevista recente, o Ministro da Cidadania, João Roma, disse que o plano do Governo Federal é seguir zerando a fila de espera pelos próximos meses. Mas ele também deixou claro que isso vai depender da disponibilidade do orçamento.

4/5 - (1 vote)

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.