Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio: prazo de contestação para cancelados termina nesta sexta, 25

Está chegando ao fim o prazo para contestar o cancelamento no Auxílio Emergencial deste ano. De acordo com informações do Dataprev, as pessoas que tiveram esse problema poderão pedir essa reanálise até esta sexta-feira (25). Se perderem esse limite, ficarão sem o programa.

Segundo informações do Dataprev, o órgão faz análises em todas as 39,1 milhões de contas das pessoas que estão recebendo o Auxílio Emergencial sempre entre os pagamentos das parcelas. É por isso que alguns beneficiários só receberam o dinheiro de um ou dois ciclos, por exemplo.

Essas reanálises são conhecidas como “pente fino”. Eles analisam se as pessoas segue atendendo a todos os critérios para o recebimento do programa. Se alguma coisa mudou, então eles podem acabar perdendo o direito de receber o benefício em questão.

Vamos imaginar, por exemplo, que um beneficiário conseguiu um emprego formal. A partir daí, ele perde o direito de receber o Auxílio Emergencial. É que neste caso, essa pessoa não tem mais a necessidade de ter a ajuda do Governo Federal, afinal ela está ganhando um salário fixo.

Em alguns casos, os usuários discordam do cancelamento. Nesta situação, esses beneficiários podem fazer o pedido de contestação no mesmo site em que ele faz a consulta do Auxílio Emergencial. O processo não costuma demorar mais do que cinco minutos.

Contestação

Ao abrir o site da consulta do Auxílio Emergencial, o usuário vai ter que preencher algumas informações básicas pessoais. Por lá, eles irão pedir o CPF, o nome completo, o nome da mãe e a data de aniversário. É portanto aquele velho procedimento da consulta do benefício.

Logo depois, o sistema vai indicar qual é a situação desse beneficiário. No caso do cancelamento, eles explicarão qual foi o motivo da suspensão. E a partir daí o cidadão vai saber se aquilo é verdade ou não. Se achar que está com a razão, ele pode apertar no botão da contestação e seguir o passo a passo do próprio sistema.

De acordo com o Dataprev, há um prazo de 30 dias para que eles retornem com a resposta deste pedido para o trabalhador. No entanto, relatos de usuários na internet mostram que muita gente acaba esperando muito mais do que isso por uma definição, seja ela positiva ou negativa.

De qualquer forma, caso a pessoa retome o direito de receber o benefício, ela volta recebendo tudo. Então neste caso não importa o quanto durou a reanálise, ele vai receber a quantidade de parcelas que todos os outros beneficiários receberam, mesmo que seja de forma atrasada.

Não vale para todo mundo

Muita gente acaba reclamando muito porque o botão de contestação não aparece para todo mundo. Isso não quer dizer, no entanto, que o Governo está impedindo o trabalhador de questionar o resultado. É que em alguns casos, não há motivos para reavaliar o pedido. Pelo menos é isso o que diz o Ministério da Cidadania.

De acordo com a pasta, algumas situações seriam muito claras, e nestes casos nem uma reavaliação resolveria o problema. É por isso que muitos não conseguem fazer essa contestação. Isso acaba trazendo uma enorme polêmica porque muitos acreditam que isso seria uma injustiça. O Ministério, no entanto, não pretende mudar essa questão.

15 Comentários
  1. Viviane Almeida o meu auxilio foi canselado como faco Diz

    O meu auxilio foi canselado

  2. geralda aparecida Alves Diz

    tenho 50 anos o meu alcilio emergencial foi cancelado não posso trabalhar

  3. geralda aparecida Alves Diz

    sou geralda aparecida Alves tenho 50 anos o meu alcilio emergencial foi cancelado não posso trabalhar porque eu fiz uma cirurgia no joelho e não consegui contestação

  4. ALINE RODRIGUES Diz

    O meu fala Usuario não processado. não tem nem opção de contestar, desempregada desde 2019, com filho pequeno.. e nem pre ter o auxílio a gente conaegue. agora as bonitas que trabalham, familia com filho em escola particular, recebe ne.. Parabéns..

  5. Olindina Silva dos Santos Diz

    Oi tenho cinco filhos meu axilio véi negado o que eu faço

  6. Luiz Cláudio viana da mattta Diz

    Tive meu auxilio cancelado estão alegando que estou no regime fechado e não estou já contestei e nenhuma resposta me foi dada já mandei email pra ouvidoria da dataprev comprovando que não estou preso.

  7. ADILZA NUNES BARROS Diz

    PELO AMOR DE DEUS CANCELARAM MEU. AUXILIO EMEEGENCIAL. TO GANHANDO 100 pOR SEMANA CUIDADORA MEY NOME E ADILZA NUNES BARROS. PRESISO MUINTO TENHO RENITES COMPRO REMEDIOS FASIA MARMITEX EPIDEMIA ACABOU TYDO.. ESTE MEY ENDEREC E DO MEU PATRAO MORO DE FQVOR NAO PODE MAIS PAGAR ALUGUEL.. PELO AMOR DE DEYS VENHAM ME VER VERAM Q FALO A VERDADE

  8. Maria Aparecida Antunes Gomes Diz

    agente entra no site do Dataprev quando coloca opção contesta fala que o praso já expirou

  9. Loinir Maria gaiardo O Diz

    Preciso saber porque não veio o meu auxílio? Moro sozinha vivo de ajuda do meu filho que ganha pouco também, tomo remédios controlados, ganho só o da pressão, o resto tenho que comprar, da diabete de depressão, dos rins, da coluna, tenho artrose nos joelhos nos braços, não posso trabalhar, minha perícia deu negado antes da pandemia, perdi na quele pente fino,e dali endiante não consegui mais trabalhar! Pelo amor de Deus, é pouco mais me ajuda 🙏🙏

  10. Sueli Diz

    Meu auxílio foi cancelado sem motivos..não posso contestar segundo o dataprev..desempregada..sem renda..doente..esse é o Brasil..

  11. Maria Diz

    Muitas pessoas mentiram no cadastro do auxílio emergencial. Mas o Dataprev só faz pente fino no cadastro único ou bolsa família. Conheço pessoas que estão recebendo indevidamente. Esse é o Brasil. Ou faz pente fino em todos CPFs ou em nem um. Fora Bolsonaro.

  12. Antônio Bonifácio da Silva Diz

    Este vale gás, é em todo o Brasil?…

  13. DENIR ADRIANO TIERLING Diz

    Como eu faço pra constentar sobre o auxílio emergencial, saí da Prefeitura Municipal de Campo Mourão, em 5 de fevereiro de 2019,e consta que eu sou funcionário público, estou desempregado e preciso muito desse dinheiro

  14. Claudia Marques Silva Diz

    Como cadrastra o auxílio emergencial da minha mãe
    Que foi negado ela recebia

  15. Mariio Diz

    No meu acesso ao aplicativo, não tem nem a opção de contestar .

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.