Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Auxílio emergencial com abertura de novas inscrições em 2021

Governo não abre novas inscrições para o auxílio emergencial há mais de um ano

Auxílio emergencial com abertura de novas inscrições em 2021? Os internautas de todo o país pressionam, por meio de redes sociais, o Governo Federal a realizar a abertura de novas inscrições para entrada no auxílio emergencial. É que, como se sabe, o Palácio do Planalto não abre novas vagas para o projeto em questão há mais de um ano. É justamente por isso que há esse pedido por parte dos mais necessitados.

Veja também: Prorrogado auxílio alimentar no valor de R$ 70; veja como receber

Vale lembrar que o Auxílio Emergencial está chegando ao fim. Oficialmente falando, o que se sabe é que o programa deverá fazer mais um pagamento em outubro e logo depois vai deixar de existir. Só que nesta semana, está correndo a informação de que o projeto pode ganhar mais alguns meses de duração.

É pensando nessa possibilidade que pessoas que não estão recebendo nem o Auxílio Emergencial e nem o Bolsa Família estão pedindo para entrar no projeto. Muitas querem que o Governo pelo menos faça uma nova varredura nas contas dos indivíduos que poderiam estar em situação de vulnerabilidade neste momento para abrir novas entradas.

Vale lembrar que o Governo Federal abriu inscrições para o Auxílio Emergencial ainda no início da pandemia no Brasil no ano passado. Naquela ocasião, eles selecionaram quase 70 milhões de pessoas para entrar no projeto. Logo depois, eles foram aplicando uma série de prorrogações, mas todas elas sem abrir novas candidaturas.

Depois de um hiato de três meses sem pagamentos este ano, o Governo Federal retomou os repasses para usuários no último mês de abril, mas sem novas entradas. Eles só pegaram as pessoas que já tinham recebido o dinheiro no ano passado. Isso acabou fechando a possibilidade para muita gente.

“Injustiça”

Por esse modo, dá para dizer que o Governo pode ter deixado de fora muita gente que realmente precisa do dinheiro. Quem só perdeu o emprego depois do início dos pagamentos do Auxílio no ano passado, acabou não tendo a chance de entrar depois.

Imagine a situação de uma pessoa que estava empregada no início das inscrições em 2020. Ela, em tese, não precisava se inscrever no programa. Agora imagine que ela perdeu esse emprego no meio do ano. Ela segue sem poder entrar no projeto. Isso porque ela não se inscreveu antes.

Isso quer dizer portanto que essa pessoa está precisando do dinheiro mas por uma questão técnica não pode nem se candidatar a receber este ano. Casos assim são mais comuns do que se pode imaginar. Há inúmeros relatos nas redes sociais.

Prorrogação do auxílio emergencial por mais tempo

Você sabia, trabalhador? Um grupo de membros do Governo Federal tenta, no momento, convencer o Presidente Jair Bolsonaro a prorrogar mais uma vez o auxílio emergencial. Atualmente, o benefício está na 7ª parcela de pagamentos do benefício.

Atualmente, segundo informações do Ministério da Cidadania, pasta responsável pelo programa, o Auxílio Emergencial paga parcelas fixas em valores diferentes. Algumas pessoas recebem R$ 150, outras R$ 250 e outras R$ 375, a depender de cada caso.

Conforme mostrado muitas vezes aqui no portal, os valores considerados baixos sempre foram alvo de críticas por parte da oposição. Eles chegaram a realizar massivas manifestações para pedir o aumento do Auxílio Emergencial para a casa dos R$ 600. Esse foi o valor pago logo no lançamento do benefício.

Internamente, se sabe que esse seria um patamar muito alto para a prorrogação. A ideia dessa ala governista é convencer o Presidente Jair Bolsonaro a subir os pagamentos para cerca de R$ 500 para todos os usuários. Eles também estariam aceitando se o Governo decidisse subir esse patamar para R$ 400.

Auxílio emergencial: veja o que será pago nesta quarta-feira

Nesta quarta-feira, 06 de outubro, mais um lote de pagamentos do auxílio emergencial é liberado. De acordo com informações da CAIXA, o banco faz uma nova liberação dos valores da 6ª parcela do auxílio emergencial 2021 por meio de saques. Dessa forma, será contemplado com a retirada de valores quem recebeu o dinheiro por meio depósito.

Segundo informações da CAIXA, o cronograma de saques do benefício será liberado conforme o dia de nascimento de cada trabalhador. Nesta quarta-feira, 06 de outubro, a liberação será feita para os trabalhadores informais inscritos no auxílio via site ou CadÚnico e que são nascidos em abril.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.