Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Auxílio Brasil: número de novos usuários é maior do que o Governo prometeu

De acordo com dados do Ministério da Cidadania, número de novas entradas no Auxílio Brasil foi maior do que o previsto

O Ministério da Cidadania anunciou no início desta semana que conseguiu zerar a fila de entrada para o Auxílio Brasil. De acordo com as informações da própria pasta, para isso eles precisam inserir algo em torno de 3 milhões de pessoas no programa. Elevando assim o número de beneficiários para a casa dos 17,5 milhões.

Caso esses números se confirmem de fato, dá para dizer que eles são até maiores do que muita gente estava esperando. O próprio Governo Federal vinha dizendo desde o final do ano passado que iria inserir cerca de 2 milhões de pessoas no projeto, o que estava levantando algumas críticas.

Com o aumento de 3 milhões, o Governo Federal afirma que conseguiu zerar a fila de entrada para o benefício. Segundo informações oficiais, houve um aumento no número de usuários em todos os mais de 5 mil municípios brasileiros. Todas as pessoas irão receber, pelo menos, R$ 400, nesta primeira leva de pagamentos no ano de 2022.

De acordo com o Ministério da Cidadania, esse seria portanto o maior patamar de pagamentos da história desse programa. Isso mesmo juntando os dados do Auxílio Brasil e do antigo Bolsa Família. Com isso, a Caixa Econômica Federal está esperando por um aumento de demanda nas datas de repasses.

De qualquer forma, o banco vem dizendo em nota que está pronto para atender todo mundo que precisa pegar esse dinheiro neste momento. O presidente da instituição, Pedro Guimarães, disse que a Caixa já teria provado que sabe atender bem essas pessoas quando precisou pagar o Auxílio Emergencial para quase 70 milhões de brasileiros.

O valor do programa

Segundo o Ministério da Cidadania, ninguém vai receber menos do que R$ 400 neste primeiro pagamento do Auxílio Brasil. Então mesmo que originalmente a pessoa receba menos do que isso, a liberação vai crescer.

Isso porque sabe-se que o Governo está pagando neste ano uma espécie de complemento ao valor. Então quem recebe menos de R$ 400, vai pegar um adicional que vai elevar esse patamar para os R$ 400. Quem já recebe mais do que isso, segue com a mesma coisa.

Quem tem direito ao Auxílio Brasil

Segundo as informações oficiais, têm direito ao Auxílio Brasil as pessoas que estão dentro do Cadúnico. Mas essa não é a única exigência. Também é preciso obedecer aos limites de renda per capita.

Em tese, todo mundo que está em situação de extrema-pobreza pode receber. Quem está em condição de pobreza também pode pegar o dinheiro. Mas neste caso, é preciso morar com uma gestante ou pelo menos um menor de 21 anos.

Calendário

Recentemente, o Governo Federal divulgou o calendário do Auxílio Brasil para este ano de 2022. De acordo com essas informações, o primeiro pagamento do ano vai acontecer já no próximo dia 18 de janeiro.

Nesta ocasião, a Caixa Econômica Federal vai liberar o dinheiro para as pessoas que possuem o Número de Inscrição Social (NIS) terminando em 1. Os pagamentos irão acontecer sempre nos 10 últimos dias úteis de cada mês.

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.