Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

2.7/5 - (8 votes)

Auxílio Brasil de R$400 já conta com novo aplicativo

Nas redes sociais, centenas de usuários estão reclamando dos problemas no aplicativo do Auxílio Brasil. Governo ainda não se pronunciou

Atenção, brasileiros! Caso os usuários ainda não saibam, o Governo já lançou o aplicativo oficial do Auxílio Brasil,  benefício que prevê o pagamento no valor de R$400 mensais. A ideia é fazer com que as pessoas se aproximem ainda mais do programa. Os cidadãos poderão saber o saldo, o dia de pagamento e mais algumas informações básicas de movimentação do dinheiro do benefício.

Veja também: Auxílio Brasil: Atualização do CadÚnico será necessária

A intenção pode até ser essa, mas a execução estaria deixando um pouco a desejar. Nas redes sociais, não está faltando reclamação em torno da nova aplicação. E são queixa dos mais variados tipos. Tem gente dizendo, por exemplo, que os dados não estão atualizados como deveriam. E não estamos falando, portanto, de pouca gente.

Nas redes sociais, alguns usuários estão dizendo que estão baixando a aplicação, e quando ela abre apareceriam informações ainda do Bolsa Família. Para quem não sabe, esse programa chegou ao fim há cerca de algumas semanas. O último pagamento aconteceu ainda na última semana de outubro.

“Por que ainda não atualizou em todos aparelhos? No Playstore tá atualizado aí quando entra vai direto para o app do bolsa família antigo. Aí fica difícil acessar e ter noção de algo ‘né’?”, disse a internauta Jucélia Gama ao reclamar do novo app. “O aplicativo mal foi lançado e ao tentar logar já dá erro”, disse Yasmin Caroline.

“Quando entro só diz ‘fora do sistema’ ou ‘não há benefício disponível no CPF informado’. Isso sem contar que passam 10 anos só pra carregar”, disse Eliane Souza. “Aplicativo ruim, trava muito, e toda vez que eu tento entrar aparece ‘não disponível no momento’”, disse Thaiane da Silva.

Governo ainda não se pronunciou

Pelo menos até a publicação desta matéria, o Governo Federal não tinha se pronunciado oficialmente sobre os problemas no app do Auxílio Brasil. Mas de acordo com informações de bastidores, é possível saber o que aconteceu.

Acontece que o Palácio do Planalto está registrando uma alta procura pelo Auxílio Brasil. Milhões de pessoas estão tentando acessar esse app ao mesmo tempo. Por isso, o sistema pode acabar se sobrecarregando.

Sem inscrição

Vale lembrar ainda que não dá para fazer inscrições no Auxilio Brasil através desse app que o Governo lançou. Isso porque o Palácio do Planalto não abriu aplicações deste tipo. A função da aplicação neste primeiro momento é apenas de consulta.

Quem quer entrar no Auxílio Brasil precisa, portanto, se preocupar neste momento apenas com o Cadúnico. Essa é, aliás, a única lista que o Governo Federal vai usar para decidir quem recebe e quem não recebe o novo Bolsa Família.

Auxílio Brasil

O plano do Palácio do Planalto é começar os pagamentos do Auxílio Brasil já no próximo dia 17. Neste primeiro repasse, apenas os 14,6 milhões de brasileiros que já estavam no Bolsa Família poderão receber o benefício em questão.

A partir de dezembro, o Governo vai poder abrir novas vagas para o projeto. Mas ainda de acordo com o Palácio do Planalto, isso só vai acontecer caso o Congresso Nacional aprove por completo a PEC dos Precatórios.

2.7/5 - (8 votes)

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

2 Comentários
  1. Elianny baars Diz

    Como que a pessoa vai enfrenta a pobreza com mentiras auxilió Brasil foi uma piada … 145 reais para ser mais clara pq foi isso que apareceu nao chegou nem perto de 400 revoltante essas mentiras contadas …

  2. Danilo Fernando Diz

    Aí fica difícil né como é que pode o auxílio terminar no mês 10 certo e chegando logo no final do ano em dezembro como que fica as pessoas sem fazer uma ceia de Natal porque foi cancelado o auxílio emergencial então quer dizer que só do bolsa família que recebe o auxílio emergencial que no caso são a preferência para as mulheres né que tá escrito no bolsa família e foi transferido como auxílio Brasil na minha opinião isso é errado né deveria continuar o auxílio emergencial PT muitas pessoas tipo no caso eu que não tenho cadastro no bolsa família tá no cadastro único e então resumindo o final do ano agora vai ter não vai ter nenhuma ceia de Natal com esse r$ 150 tá pelo menos para comprar um frango né e deveria retomar essa caminhada aí porque muitas pessoas vão ficar sem comer um frango no Natal pelo menos um frango

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.