Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4.2/5 - (12 votes)

Auxílio Brasil de agosto deve sair na 1ª quinzena

Governo pretende alterar datas do calendário para adiantar pagamento.

Atualmente, o Governo Federal está pagando o calendário de julho do Auxílio Brasil. Como de costume, desde quando era Bolsa Família, os pagamentos ocorrem nos últimos dez dias úteis do mês, de acordo com o NIS de cada um.

Desse modo, como se iniciou em 18 de julho, segunda-feira, o calendário vai até dia 29, próxima sexta-feira. Até o momento, portanto, já receberam:

  • 18 de julho: beneficiários com NIS de final 1.
  • 19 de julho: aqueles com NIS de final 2.
  • 20 de julho: participantes com NIS de final 3.
  • 21 de julho: recebem os com NIS de final 4.

Em seguida, os demais participantes, ou seja, de Número de Identificação Social de 5 a 0, receberão até o fim do calendário.

Contudo, quando estes pagamentos se encerrarem, as parcelas de agosto devem vir antes do que se espera.

Auxílio Brasil de R$ 600 chegará até 09 de agosto

Recentemente, o Congresso Nacional aprovou e promulgou a PEC dos Benefícios. Isto é, uma Proposta de Emenda Constitucional que altera alguns programas sociais e cria outros.

Dentre esses, então, está o Auxílio Brasil que, atualmente, conta com um valor mínimo de R$ 400. Contudo, com este PEC, o benefício passará para o valor de R$ 600.

Apesar da aprovação deste aumento ainda antes do calendário de julho, não foi possível iniciar o pagamento da quantia neste mês. Essa alteração, portanto, começará, na prática, no calendário de pagamentos de agosto.

Há anos, os depósitos destas parcelas ocorrem nos dez dias úteis do mês. No entanto, com o objetivo de melhorar sua imagem, a atual gestão debate adiantar estes pagamentos.

Assim, a intenção é que os depósitos aconteçam na primeira quinzena de agosto, com a possibilidade de se iniciar no dia 09.

Veja também: Antecipação do AUXÍLIO BR de R$ 600 em agosto tem DATA marcada

É importante lembrar, ainda, que estes pagamentos apenas vão até o fim deste ano de 2022. A partir de janeiro de 2023, portanto, o Auxílio Brasil retorna para o mínimo de R$ 400.

Ministro fala sobre data de pagamento

Nesta quinta-feira, dia 21 de julho, o ministro Ciro Nogueira falou sobre o adiantamento do Auxílio Brasil.

Apesar das críticas, o ministro defende que a mudança de data de pagamento não possui fins eleitoreiros. Assim, segundo ele, a intenção do governo seria de levar a quantia de R$ 600 o quanto antes para os beneficiários.

“Colocamos como data ideal 9 de agosto e estamos fazendo todo esforço do mundo para que a gente consiga cumprir essa data. Se não for, vai ser por um ou dois dias no máximo, mas a data que estamos trabalhando para que todos tenham acesso a esse recurso será dia 9”, declarou.

Além disso, o ministro também falou sobre as datas de pagamento dos demais benefícios que a PEC criou.

Dessa forma, os pagamentos ficarão da seguinte maneira:

  • Benefício de R$ 1.000 para caminhoneiros deverá se iniciar em 05 de agosto.
  • Auxílio para taxistas apenas se iniciará no fim do mês de agosto.

A diferença de data para o benefício dos taxistas se dá diante da dificuldade de cadastro destes profissionais. De acordo com o ministro, então, os depósitos irão depender de uma parceria com os municípios. Isto é, visto que são estes entes que têm acesso ao cadastro de taxistas.

Benefício não terá o valor de R$ 2.500

Com a alteração da parcela para R$ 600 em um contexto de crise econômica, desemprego e fome, a busca pelo Auxílio Brasil aumentou. Assim, brasileiros na faixa de pobreza e extrema pobreza buscam formas de entrar no programa social.

Veja também: Entenda o golpe da mensagem de saque de R$ 2.500 do Auxílio BR

Por esse motivo, muitos destes cidadãos estão caindo no golpe do “Auxílio Brasil de R$ 2.500”. Contudo, é necessário se alertar, pois esta promessa se trata de uma fraude.

Nesse sentido, a empresa PSafe realizou um levantamento sobre a quantidade de golpes como este. De acordo com ela, entre 13 e 20 de julho, já forma 17 sites que usam o Auxílio Brasil de forma enganosa, com 140 mil tentativas de fraude bloqueadas.

Os participantes do Auxílio Brasil e demais cidadãos que se interessam pela questão devem se lembrar:

  • Ainda neste mês de julho, o calendário de pagamentos do Auxílio Brasil acontecerá entre 18 e 29 de julho, com um valor mínimo de R$ 400. É possível receber um pouco a mais que esta quantia, caso a família se enquadre em critérios específicos. No entanto, nenhum dos benefícios extras chegam até R$ 2.500.
  • O próximo calendário de pagamentos, em agosto, deverá ocorrer nos primeiros quinze dias do mês, com um valor mínimo de R$ 600.

Portanto, em nenhuma hipótese o benefício será de R$ 2.500, de forma que o cidadão não deve acreditar em promessas do tipo. Caso clique em um link que prometa este valor, é possível que criminosos cibernéticos coletem seus dados pessoais.

Como entrar no Auxílio Brasil?

Aqueles que desejam entrar no programa Auxílio Brasil devem saber que não há um cadastro definitivo online. Portanto, golpes que afirmam essa possibilidade também podem ocorrer.

Veja também: Dicas para se livrar de golpes no programa

O que é possível fazer online é uma pré-inscrição no Cadastro Único. Nesse sentido, o cidadão pode baixa o aplicativo Meu CadÚnico em seu celular e inserir suas informações.

Contudo, será o cidadão ainda deverá se dirigir ao CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) para finalizar sua inscrição. Isto é, visto que é necessário:

  • Levar seus documentos e de toda a família.
  • Passar por uma entrevista social, ou seja, uma forma dos servidores entenderem melhor o contexto daquela família.

Depois de passar por estes procedimentos, a família ficar na fila de espera. Assim, o Ministério da Cidadania irá conferir se estes cidadãos, de fato, cumprem com todos os critérios de participação.

Portanto, para começar a receber o benefício, a família precisa:

  • Estar dentro do critério de renda. Isto é, estar na faixa de pobreza (até R$ 210 por pessoa) ou extrema pobreza (até R$ R$ 105). Além disso, no caso das famílias na linha de pobreza ainda é necessário contar com uma gestante, nutriz e menor de 21 anos em sua composição.
  • Ter inscrição no Cadastro Único, com informações atualizadas ao menos a cada 2 anos.

Caso o governo tenha orçamento para a inclusão e a família cumpra com todos estes requisitos, os cidadãos começarão a receber o benefício.

4.2/5 - (12 votes)
4 Comentários
  1. Maria do Socorro Diz

    Bom dia, eu e minha mãe foram aprovadas no vale gas, mas eu nunca recebi, mandam ligar pro 121 e nada, sou mãe solo, desempregada, tenho 3 filhos, me diz aí quem esta passando a mão nesse dinheiro do Vale gas…aff.

  2. João Diz

    Boa noite os motorista de aplicativo não são motoristas o app surgiu para no final de semana quem tivece um carro trabalha cem para compra uma cerveja no final de semana e não usaram assim estão usando como trabalho fixo e não era para isto e benefício que o gov vai libera são para pessoas que trabalham como autônomo e não pirata vcs pagam impostos para o dono do app que mora fora do país vcs não pag impostos para o Brasil por isso que o país está assim

  3. Tassia Barboza Rodrigues Diz

    Casa

  4. Stefany Diz

    E os Uber ? Que absurdo ainda que ia caminhoneiros tem suas dificuldade tem um salário fixo e os motoristas de app que não tem renda fixa ?
    Isso quando não é roubado assaltado
    Deveriam olhar pra todos ou não deveriam olhar pra ngm que isso é um cúmulo é um absurdo ,
    Todos sem exceção paga imposto
    Deveria ser mais corretos mais isso é Brasil ..
    Kadin de um kadin de outro nao é ?
    Terra sem lei

    Devolvam aos índios pela mor de deus
    Isso é que nem eles querem mais devolução né !

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.