Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

5/5 - (2 votes)

Auxílio Brasil: calendário de pagamentos vai ter alteração em dezembro

De acordo com a Caixa Econômica Federal, é preciso prestar atenção nas mudanças do calendário do Auxílio Brasil em dezembro

O Governo Federal começou nesta quarta-feira (17) os pagamentos do seu mais novo Auxílio Brasil. Para quem não sabe, esse é o programa que está substituindo o Bolsa Família. Estima-se que neste primeiro momento algo em torno de 14,5 milhões de pessoas estejam recebendo esse benefício em questão.

A Caixa Econômica Federal, que é o banco pagador do programa, já divulgou os calendários dos dois primeiros repasses do projeto. Um está acontecendo em novembro e o próximo vai acontecer em dezembro. Em entrevista na noite desta terça-feira (16), o Presidente do banco, Pedro Guimarães, falou sobre o assunto.

De acordo com ele, os usuários do programa precisam prestar atenção em alguns detalhes importantes. O primeiro é que vai seguir valendo a regra do calendário do Bolsa Família. Vai seguir, portanto, valendo aquela divisão das datas de acordo com o algarismo final do Número de Inscrição Social (NIS).

Nesta quarta-feira (17), por exemplo, estão recebendo o Auxílio Brasil aqueles usuários que possuem o NIS terminando 1. Na quinta (18) vem o grupo que termina em 2 e a sequência segue até o 9 e depois o 0. Segue também valendo a lógica de que os pagamentos acontecem sempre contando os 10 últimos dias úteis do mês.

Guimarães também lembrou que essa regra não vale para dezembro. O último mês do ano vem com uma mudança. Neste caso, os repasses acontecem contando os últimos 10 dias úteis antes do natal. O objetivo, segundo o Presidente do Banco, é fazer com que todos tenham acesso ao dinheiro antes desta festa.

Independe de PEC

O calendário de pagamentos do Auxílio Brasil independe da aprovação da PEC dos Precatórios. Então independente do que o Senado Federal decidir, essas datas não deverão ser modificadas em nenhuma hipótese.

Então por essa lógica, já dá para saber quando cada um dos usuários vai receber nos meses janeiro, fevereiro, março ou qualquer mês do próximo ano. É só contar os 10 dias úteis final de cada um deles.

Valores

O que a PEC dos Precatórios vai influenciar são os valores. O Auxílio Brasil que começou a ser pago nesta quarta-feira (17) está chegando no bolso das pessoas em uma média de pouco mais de R$ 220.

Caso a PEC seja aprovada em dois turnos no Senado, então o programa poderá subir para um valor mínimo de R$ 400. Pelo menos essa é a promessa do Governo Federal. Eles deverão fazer essa alteração no próximo mês de dezembro.

Auxílio Emergencial

Ao mesmo tempo em que isso acontece, o Auxílio Emergencial vai chegando ao fim. Na verdade, os últimos pagamentos do programa aconteceram ainda no final do último mês de outubro. Nesta semana, a Caixa Econômica Federal está liberando os saques da sétima parcela.

Oficialmente o que se sabe é que o programa vai mesmo chegar ao fim e não vai passar por nenhum tipo de prorrogação. De qualquer forma, ainda não se sabe se o Palácio do Planalto poderá mudar de ideia quanto a isso. Agora só resta esperar para saber o que vai acontecer.

5/5 - (2 votes)

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

1 comentário
  1. Elaine de oliveira souza Diz

    E quem não tem aux brasil vai morrer de fome pais ipocritas vergonhoso tenho vergonha desse governo o que vai ser dessas pessoas vão morar na rua ai nas eleições eu prometo que blá blá blá só promessa é o pobre que se lasquei e acham que 220 reais e dinheiro se 178 ja era uma miseria quem dirá 400e os coitados que nao tem nem isso mais vao morrer de fome e morar na rua lindo ne governantes parabenssba só de ipocritas so pensam em vcs que estão com os bolsos cheios ganham milhoes e dão migalha pro povo pais de merda esse vergonhoso

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.