Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Atualidades: entenda o que é amplificação do Ártico

A amplificação do Ártico é o aquecimento cada vez mais acelerado dessa região do planeta. Por mais de quatro décadas, as temperaturas por lá aumentaram duas a três vezes mais do que no resto do mundo.

As altas temperaturas estão derretendo coberturas de neve e geleiras. O permafrost está descongelando e entrando em colapso. O gelo marinho está desaparecendo.

Desanimadoramente, alguns ou todos esses efeitos do calor provocam aumentos adicionais de temperatura. O efeito se torna causa, que se torna um efeito maior, que se torna causa mais forte.

A amplificação do Ártico é um ciclo de feedback acelerado que acelera as mudanças climáticas no resto do mundo.

Causas e mecanismos da amplificação do Ártico

Embora os cientistas concordem em geral que o Ártico está se aquecendo mais rapidamente do que o resto do mundo, ainda há algum debate sobre o porquê. O melhor palpite quase universal, entretanto, é que os gases de efeito estufa são os culpados.

Como essa amplificação começa?

Gases de efeito estufa como dióxido de carbono (CO2) e metano (CH4) permitem que os raios solares de aquecimento entrem na atmosfera. Uma Terra aquecida irradia calor de volta para o espaço.

No entanto, o CO2 permite que apenas metade da energia térmica que irradia para o céu da Terra escape da troposfera (a camada atmosférica mais baixa da Terra) para a estratosfera (a próxima camada acima) e, eventualmente, para o espaço.

Junto com os raios do sol, o calor retido pelos gases do efeito estufa aquece ainda mais o ar polar e descongela áreas significativas do Ártico. O descongelamento é onde a amplificação ártica começa.

Ela coloca mais gases de efeito estufa no ar, o que causa mais degelo. O que coloca ainda mais gases de efeito estufa no ar. O que provoca ainda mais degelo.

E então, gostou de saber mais sobre o tema? Compartilhe!

Leia também – Geleira, camada de gelo e gelo marinho: diferenças entre cada um

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.