Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Atenção! Trabalhou entre 1999 e 2013? FGTS com revisão estendida

O Supremo Tribunal Federal (STF) retirou a ação que permitiria a revisão dos saldos nas contas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) da pauta do julgamento. O julgamento da ação foi adiado por tempo indeterminado e sem mais justificativas dos ministros.

Com o julgamento favorável, os valores depositados entre os anos de 1999 a 2013 nas contas do fundo dos trabalhadores poderiam ser corrigidos, com a substituição Taxa Referencial (TR), que está abaixo da inflação desde que foi aderida, 1999.

Por esse motivo, os trabalhadores que exerceram atividade laboral em regime CLT entre os anos de 1999 e 2013 estão com seus rendimentos incorretos, visto que a base monetária, TR, está desatualizada, trazendo prejuízo a esses cidadãos.

De acordo com informações do levantamento do Instituto Fundo de Garantia do Trabalhador (IFGT), considerando a TR para a correção do FGTS ao invés do Índice de Preços Nacional ao Consumidor (INPC), o valor perdido acumulado desde janeiro de 1999 pode chegar a R$ 538 bilhões.

Atualmente, o rendimento do FGTS é de 3% ao ano mais Taxa Referencial. Caso a correção seja aprovada pelo STF, os trabalhadores que solicitaram a revisão monetária judicialmente receberão os valores de direito reajustados.

O FGTS é uma espécie de conta poupança criada para ajudar o trabalhador em caso de demissão sem justa causa. Portanto, a cada contratação, uma conta do fundo deve ser aberta em nome do trabalhador. Nela, o empregador deverá depositar mensalmente o valor correspondente a 8% do salário do funcionário.

Como solicitar a revisão do FGTS?

A solicitação da revisão do FGTS se trata de uma ação na Justiça Federal contra a Caixa Econômica Federal, responsável pelo fundo. Essas ações, obviamente, devem ser ajuizadas com a orientação de um advogado especializado na área, podendo ser coletivas ou individuais.

Na prática, os trabalhadores deverão apresentar os seguintes documentos para a solicitação:

  • RG;
  • CPF;
  • Carteira de trabalho;
  • Comprovante de endereço;
  • Extrato do FGTS.
34 Comentários
  1. Carlos A.Costa Diz

    Cambada de ladrão. Uma coisa que já é nossa. Agora tem que colocar advogado para obter os valores. Eu não acredito. Cadê o nosso presidente. STF. Querem acabar com o Brasil. Eles não estão nem ai com a classe pobre. Malditos. Deus tenha piedade de suas almas.Amém

    1. Andréa Diz

      Só tem FDP neste Brasil,roubam descaradamente o povo e eles cada x mais ricos e o pobre cada x mais pobre!! Bando de ladrões de carteirinha!! Quero minhas revisões sem ter que pagar advogado. Absurdo isso!!🤬🤬🤬

    2. Rômulo Diz

      Tá óbvio que isso aí não será pago nunca.

  2. Patricia Marques Filgueiras Diz

    Concordo com nossos amigos acima o dinheiro é nosso,tem que somente depositar em nossas contas e pronto,sem custos e honorários pra advogados.

  3. Moacir Xavier Diz

    Eu trabalhei 1999 e 2004 até 2013
    Preciso entrar com advogado?

  4. Povo brasileiro Diz

    Esses ministros como sempre um piada, quando se trata do povo, eles sempre fazem isso, acabam anulando tudo que beneficia o povo brasileiro, tiram a gente de rota pra comerem o bolo sozinhos.

  5. Rudnei edsom Diz

    Que pouca vergonha um pais rico roubando de quem mais precisa a quanto tempo esta essa roubalheira e a caixa em vez de facilitar complica mais ainda porque o trabalhador tem ainda que pagar advogado como pode sendo que a caixa tem tudo di trabalhador os dois site da caixa e muito ruim se a gente nao for a uma agencia nada funciona como pode isso ne……abraços rudnei

    1. Andre luiz Rocha de souza Diz

      Aacomo faco tenho quer ir na caixa

  6. Gilberto Braga Diz

    O dinheiro é nosso é temos que pagar para receber isto é covardia com nos trabalhadores

    1. Ale Diz

      Poderia entra na conta do trabalhador altomaticamente ,estamos em pandemia.

  7. Walkyria Diz

    Eu trabalhei neste período tenho direito.sendo assim direito adquirido,o que resta para o governo os senhores da lei cumprí-la. Pague o que temos direitos simples assim

  8. André Luiz Batista Diz

    País de corrupitos, se temos direito porque entrar com ação,só pra tirar o pouco q temos a receber pra dá a advogados?

  9. Wanderley Diz

    Wanderley como nos fomos lezados e só a caixa fazer o levantamento analítico de 1999 X 2013 e repassar para cada um em sua conta

  10. Cristina Diz

    Desde que trabalhamos, não tem necessidade de entrar judicialmente.Como sempre sempre somos prejudicados.

  11. José inaldo ventura Diz

    O povo tem que ir pra frentes. das agências das caixas protestar

  12. PAULO Oliveira Diz

    Com certeza que sim. O ano inicial mínimo é o de 1999.

  13. Sergio Lelis Santos de Jesus Diz

    Se tratando do direito aos trabalhadores, e prejuízo aos mesmos.
    A decisão da correção deverá ser para todos, assim como foi o prejuízo, sem precisar de acionamento da justiça por alguns poucos e outros não.

    1. Junin Diz

      Tô com uma ação pra revisão a mas de 10 anos e nada só perda de tempo…

  14. Maricelia Diz

    Eu trabalhei em 2013 tenho direito?

  15. Fred luis Diz

    Se temos direito porque a caixa nao arca com suas responsabilidades e repassa os valores nas contas dos trabalhadores sem termos que entrar com ação contra a mesma e o “STF”, retirou da pauta e nos como ficamos

    1. Jacira Santos Diz

      Concordo! O governo precisa repassar o valor a cada trabalhador que tem direito, depositando em suas contas e pronto. Muito fácil

      1. HELTON CLEBER Diz

        Todos os governos e ministros de STF, são covardes. Quando se trata de direito do trabalhador, eles preferem ser contrários mesmo sabendo que é de fato um direito que foi usurpado.
        O correto é devolver o que não lhes pertence. Bastava uma decisão e ordem do STF e, a CEF devolver sem a necessidade de procurar a justiça. Certamente eles tem seus interesses também.

    2. Luciano Cristiano Diz

      Num país de vagabundos e corruptos, o que o brasileiro ainda insiste em esperar? É ir pra cima desse sistema lesivo e arcaico que por esse motivo não querem fazer a reforma do código penal porque? porque os maiores interessados fazem parte da corrupção .Lesa pátria! É só uma picaretagem zinha!

  16. Eser Rangel Diz

    Comecei trabalhar em 2002 será q eu tenho direito

  17. José inaldo ventura Diz

    No Brasil é complicado se fosse o pobre devendo a caixa já tinha saído a sentença em caráter de urgência o juiz já tinha dado a sentença a muito tempo
    Não dá para entender a demora dos magistrado é explicito que fomos roubados mais pelos trabalhadores é.dificio ter alguém nesse país de corruptos

  18. Simao Diz

    Se é um direito, não vejo necessidade do trabalhador procurar a justiça para recuperar os valores. Piada.

    1. Gleiton Teixeira Diz

      Também acho, fazem isso só para dificultar, como sempre.

    2. Povo brasileiro Diz

      Esses ministros como sempre um piada, quando se trata do povo, eles sempre fazem isso, acabam anulando tudo que beneficia o povo brasileiro, tiram a gente de rota pra comerem o bolo sozinhos.

  19. Leandro Diz

    E quem já sacou o fundo tem direito?

    1. Augusto Diz

      Sim, tem direito. Basta retirar no site da CEF o extrato completo da conta que sacou o FGTS e procurar um advogado.

    2. PAULO Oliveira Diz

      SIM … MESMO JÁ TENDO SACADO O FUNDO, PODEM HAVER RESÍDUOS DOS ANOS TRABALHADOS QUE NÃO FORAM DEVIDAMENTE CORRIGIDOS. É LOGICO QUE NÃO SERÃO EM UMA GRANDE QUANTIA, MESMO SENDO ATUALIZADOS AGORA PELA ACEITAÇÃO DA AÇÃO PELO STF.

      1. Neves16@yaho Diz

        Caros trabalhadores que suam suas camisa , bancos são todos iguais só mudam de endereço, porcos nojento e oportunistas. Agora o que dizer do supremo ? Que tem todas as evidências objetivas e provas que nos temos o direito de receber essa correção vê ficam postergando e adiando sendo os guardiões da constituição. Mas Deus fará justiça e aí daqueles que tiver a sua mão suja.

        1. Fernando Diz

          Tem que começar e uma greve geral força devolver nós dinheiro. Cadê os políticos honesto que não ajuda.

      2. Maria Aparecida Messias da Silva Diz

        Esses vagabundos parecem que tem prazer em dizer.. Hei vocês foram roubados seus otarios. Agora tenta tenta recuperar o dinheiro que eu quero ver😂😂😂😂😂😂.
        É desse geito parece que eu vejo eles rindo da gente. Porque se o dinheiro é nosso porque a caixa economica não deposita em nossa conta correto???Simples assim mas eles querem complicar pra acabar as pessoas deixando pra lá. SEJA lá o que for o dinheiro é meu é teu é nosso menos da Senhora Caixa Econômica. 😒😡😠

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.