Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

5/5 - (1 vote)

Agrobiodiversidade: Sistemas Importantes do Patrimônio Agrícola Mundial (SIPAM)

Sistemas de patrimônio agrícola tradicionais são temas de conferência mundial, conforme recente divulgação do Mapa. Saiba mais sobre o SIPAM!

Os Sistemas Importantes do Patrimônio Agrícola Mundial (SIPAM) são temas de conferência mundial, conforme recente divulgação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

Agrobiodiversidade: Sistemas Importantes do Patrimônio Agrícola Mundial (SIPAM)

No Brasil, o primeiro Sistema reconhecido pela FAO é o de Apanhadores de Flores Sempre-vivas, na Serra do Espinhaço (MG), destaca o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa).

O programa Sistemas Importantes do Patrimônio Agrícola Mundial (SIPAM), iniciativa da  Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO), está completando 20 anos. 

De acordo com o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), a certificação reconhece patrimônios agrícolas desenvolvidos por povos e comunidades tradicionais em diversas partes do mundo. Para marcar a data, está sendo realizada a Conferência Mundial sobre Sistemas Importantes do Patrimônio Agrícola Mundial, na Província de Zhejiang, na China. 

FAO

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) enfatiza que, em todo o mundo, a FAO reconhece 67 sistemas agrícolas em 22 países. Em discurso transmitido durante o evento, o ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) do Brasil, foi destacada a importância da identificação destes sistemas.

De acordo com informações do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), no Brasil, o primeiro Sistema de Patrimônio Agrícola Globalmente Importante foi reconhecido pela FAO em 2019. Conhecido como “Apanhadores de Flores Sempre-vivas”, o sistema da Serra do Espinhaço (MG) tem arranjo produtivo único, em harmonia com o meio ambiente. 

Agrobiodiversidade

Conforme informa o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), as comunidades chegam a manejar mais de 400 espécies de plantas já catalogadas, incluindo as alimentares e as medicinais, cujos conhecimentos e práticas únicas são desenvolvidas ao longo de gerações para manter os recursos genéticos e melhorar a agrobiodiversidade.

 Os agricultores locais desenvolveram um sistema que combina coleta de flores, jardinagem agroflorestal, pastoreio de gado e cultivos, destaca a divulgação oficial. Além desse sistema, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) enfatiza que uma missão da FAO avalia a possibilidade do reconhecimento internacional ao modo tradicional, agroecológico e familiar de produzir erva-mate no Paraná.

Património agrícola em todo o mundo

De acordo com informações oficiais, os Sistemas de Patrimônio Agrícola Globalmente Importantes (GIAHS) representam não apenas paisagens naturais impressionantes, mas também práticas agrícolas que criam meios de subsistência em áreas rurais, combinando biodiversidade, ecossistemas resilientes e tradição e inovação de uma maneira única.

Desde 2005, a FAO designou 67 sistemas em 22 países como patrimônios agrícolas e, atualmente, 13 novas propostas de 8 países diferentes foram recebidas, destaca a plataforma oficial do GIAHS.

5/5 - (1 vote)

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.