Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Agir sem pensar: Como não agir de modo impulsivo?

Agir sem pensar pode ser muito perigoso para as suas relações pessoais e para a sua vida profissional. Afinal, as atitudes impulsivas podem fazer com que você tome decisões ruins ou fale algo desagradável e que, mais tarde, trará muitas consequências nocivas para a sua vida.

Por isso, saber gerenciar as emoções e aprender a lidar com a impulsividade é fundamental para garantir um dia a dia mais equilibrado, leve, saudável e livre de conflitos evitáveis. Para tanto, acompanhe este conteúdo e veja mais informações sobre o assunto.

Como não agir sem pensar antes?

Primeiro, tenha em mente que não existe uma “receita pronta” de como se “comportar na vida”. Afinal, cada pessoa é única e possui limitações e habilidades diferentes.

Por isso, considere que esse processo de controlar os impulsos é gradativo, e a cada dia você enxergará um pouco melhor as suas emoções, a ponto de gerenciá-las de modo consistente. Veja algumas recomendações que partem desse pressuposto:

1- Está sentindo fortes emoções? Respire fundo e tente se acalmar primeiro

Quando você perceber que está muito triste, irritado ou assustado, respire fundo. Não tente dizer ou resolver alguma coisa enquanto as emoções estão “à flor da pele”. As chances de você agir sem pensar, por conta disso, são muito grandes.

Portanto, ao invés de logo falar a primeira coisa que vem à mente, durante uma crise de raiva, respire fundo e recue por alguns instantes. Tente, inclusive, afastar-se do gatilho da raiva, a fim de fazer com que os seus pensamentos voltem a se organizar a partir da racionalidade, e não da emoção.

Apenas quando você sentir que está mais calmo, retorne ao local e converse com a pessoa ou busque resolver a situação. Acredite, esse exercício diminui as chances de você desencadear conflitos que, mais tarde, farão com que você sinta um arrependimento intenso.

2- Analise o longo prazo das suas ações antes de qualquer coisa

Antes de agir sem pensar, crie o hábito de ponderar sobre os resultados de longo prazo que as suas ações e atitudes podem gerar. Isso vai lhe ajudar a tomar decisões muito mais consistentes e com um viés mais racional e coerente com a realidade.

Assim você consegue ponderar sobre os prós e contras a respeito de algo, evitando que a impulsividade lhe coloque em algumas “enrascadas”.

3- Crie o hábito de pensar sobre as suas emoções e tente gerenciá-las

Pensar sobre as suas emoções de forma recorrente também pode ajudar. Muitas vezes, por conta da nossa rotina, podemos negligenciar aquela angústia, aquela tristeza ou aquele medo. Isso, no longo prazo, faz com que as nossas emoções fiquem, de certa forma, “sufocadas” dentro de nós.

Por isso, criar o hábito de analisar as suas emoções para gerenciá-las é uma ótima forma de impedir que você acabe agindo sem pensar. Afinal, você conseguirá ter um olhar mais apurado para os gatilhos e as respectivas emoções envolvidas com eles, podendo, dessa maneira, organizar melhor o que você sente, o que pensa e quais ações você toma.

No longo prazo, isso faz com que você seja uma pessoa muito mais serena e equilibrada, capaz de pensar antes de agir.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.