Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

4.2/5 - (12 votes)

PIS/PASEP: Abono de R$1.212: Saiba como consultar

Por meio dele, os trabalhadores podem receber um abono salarial conforme o tempo de exercício em um ano anterior.

O Programa de Integração Social (PIS) é voltado aos cidadãos que trabalham em empresas privadas com a carteira assinada. Por meio dele, os trabalhadores podem receber um abono salarial conforme o tempo de exercício em um ano anterior.

Para ter acesso ao benefício, um número é gerado para identificação do trabalhador no programa. Este pode ser consultado através do CPF, no site do Cadastro Nacional de Informações Sociais (CNIS), ou da página Meu INSS, além dos aplicativos Carteira de Trabalho Digital ou Caixa Trabalhador.

Como saber o número do PIS pelo CPF?

No site “Meu INSS”:

  1. Cadastre-se no portal “Meu INSS” ou acesse sua conta clicando em “Entrar”;
  2. Faça o login e busque pelo “Meu Cadastro” na parte superior esquerda da página;
  3. Selecione a opção e verifique os dados de cadastro disponibilizados pelo governo;
  4. Busque pelo NIT/PIS e anote o número.

No aplicativo da Carteira de Trabalho Digital:

  1. Instale o aplicativo no seu celular e toque n a opção “Entrar”;
  2. Crie uma conta ou acesse a plataforma usando o CPF e senha;
  3. Ao entrar no app, busque por “Contratos” e veja todos os registros na Carteira de Trabalho até os dias de hoje;
  4. Abra o registro mais recente e clique no sinal de positivo (“+”). Entre os dados exibidos, estará o número identificado como PIS/Pasep.

No aplicativo Caixa Trabalhador:

  1. Baixe o aplicativo no seu celular;
  2. Crie uma conta ou acesse a plataforma usando o CPF;
  3. Abra o menu, sinalizado por três riscos de mesmo tamanho em posição horizontal localizado no canto esquerdo superior do aplicativo;
  4. Busque por “Meu NIS” e verifique o número. NIS e PIS são o mesmo número.

Calendário do abono

Vale ressaltar que os pagamentos do PIS ocorrem segundo o mês de nascimento do trabalhador. Veja as datas referente ao abono de 2020 que será pago este ano a seguir:

  • Nascidos em janeiro – 8 de fevereiro;
  • Nascidos em fevereiro – 10 de fevereiro;
  • Nascidos em março – 15 de fevereiro;
  • Nascidos em abril – 17 de fevereiro;
  • Nascidos em maio – 22 de fevereiro;
  • Nascido em junho – 24 de fevereiro;
  • Nascidos em julho – 15 de março;
  • Nascidos em agosto – 17 de março;
  • Nascidos em setembro – 22 de março;
  • Nascidos em outubro – 24 de março;
  • Nascidos em novembro – 29 de março;
  • Nascidos em dezembro – 31 de março.

Quem pode receber o PIS em 2022?

  • Trabalhador que ficou com a carteira assinada durante, pelo menos, 30 dias no ano-base;
  • Trabalhador inscrito no PIS/PASEP há pelo menos cinco anos;
  • Trabalhador que recebeu até dois salários-mínimos por mês, em média, no ano-base;
  • Trabalhador que estar com os dados atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS)/eSocial.

Qual o valor do PIS em 2022?

O valor a ser pago é proporcional ao período trabalhado em 2020, sendo:

  • 1 mês: R$ 101;
  • 2 meses: R$ 202;
  • 3 meses: R$ 303;
  • 4 meses: R$ 404;
  • 5 meses: R$ 505;
  • 6 meses: R$ 606;
  • 7 meses: R$ 707;
  • 8 meses: R$ 808;
  • 9 meses: R$ 909;
  • 10 meses: R$ 1.010;
  • 11 meses: R$ 1.111;
  • 12 meses: R$ 1.212.

Por onde o benefício é concedido?

  • Por crédito em conta, quando o trabalhador possui conta corrente, poupança ou Poupança Social Digital;
  • Nos caixas eletrônicos, nas Casas Lotéricas e nos Correspondentes CAIXA Aqui utilizando o Cartão do Cidadão;
  • Em agência da CAIXA, apresentando o número do PIS e um documento oficial de identificação.
4.2/5 - (12 votes)

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.