Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Abono salarial PIS/PASEP de até R$1.100 para 560 mil trabalhadores

Cerca de 560 mil trabalhadores brasileiros ainda podem sacar o valor do calendário de 2020/2021 do abono do PIS, referente aos meses trabalhados em 2019. Esses trabalhadores são aqueles que não têm conta na Caixa ou que não tiveram o abono do PIS creditado em Conta Poupança Social Digital, que o usuário pode acessar pelo aplicativo Caixa Tem.

Nesse sentido, o valor pode chegar a até R$1.100, sendo proporcional a quantidade de meses trabalhados em 2019. O saque do abono do PIS pode ser realizado até o dia 30 de junho, e soma um total de R$ 328 milhões. O trabalhador irá receber conforme os meses trabalhados em 2019. Confira a seguir:

  • 1 mês R$ 92,00;
  • 2 meses R$ 184,00;
  • 3 meses R$ 275,00;
  • 4 meses R$ 367,00;
  • 5 meses R$ 459,00;
  • 6 meses R$ 550,00;
  • 7 meses R$ 642,00;
  • 8 meses R$ 734,00;
  • 9 meses R$ 825,00;
  • 10 meses R$ 917,00;
  • 11 meses R$ 1.009,00;
  • 12 meses R$ 1.100,00.

Assim, a Caixa já pagou R$ 17 bilhões em abono do PIS para 22 milhões de trabalhadores, dos quais 6,3 milhões receberam o valor em Conta Poupança Social Digital.

Requisitos para receber o Abono

Para poder sacar o abono, o trabalhador deve estar inscrito no Programa Integração Social (PIS) há pelo menos 5 anos, e ter trabalhado de maneira formal por pelo menos 30 dias em 2019. Além disso, a remuneração média mensal recebida pelos dias trabalhados em 2019 deve ser de até dois salários mínimos.

Ainda, também é preciso que o empregador atualize os dados na Relação Anual de Informações Sociais (Rais) ano-base 2019.

O trabalhador pode realizar o saque com o Cartão do Cidadão nos terminais de autoatendimento, unidades lotéricas, nos Correspondentes Caixa Aqui e nas agências da Caixa. Caso o funcionário não resgate o abono salarial até o dia 30 de junho, ele poderá realizar o saque a partir do próximo calendário, com início previsto para janeiro de 2022.

Para consultar se tem direito de receber o benefício, e o valor disponível para saque, o trabalhador deve ir ao aplicativo Caixa Trabalhador. A consulta também pode ser feita pelo atendimento Caixa ao Cidadão (0800-726-0207) e pelo site da Caixa Econômica Federal.

O que é o PIS?

O PIS surgiu por meio da Lei Complementar nº 7/1970, de forma paralela a criação do Programa de Formação de Patrimônio do Servidor Público (PASEP). Eles são contribuições sociais de natureza tributária, pagas pelas empresas, e têm como objetivo financiar o pagamento do seguro desemprego, abono, e participação na receita para órgãos e entidades para os trabalhadores públicos e privados.

Além disso, o PIS se destina aos funcionários de empresas privadas, e é administrado pela Caixa Econômica Federal. Em contrapartida, o PASEP é destinado aos funcionários públicos, e é administrado pelo Banco do Brasil. O fundo PIS/PASEP foi extinto em abril deste ano, com a Medida Provisória 946/2020. No entanto, o abono salarial se mantém.

3 Comentários
  1. Enrique fonseca Reyes Diz

    Trabalhe em 2019 10 meses.Cumpli aniversario 17 maio e não
    e recivido mim pis tenho conta em caixa tem e pospança ese dineiro cae em mia conta

  2. Márcia Cristina Salvador Diz

    Eu trabalhei 12 meses ano 2019 faço aniversário dia 27 junho já tenho conta poupança Caixa o PIS já cai na minha conta poupança Caixa obrigada

  3. Antônio Nascimento de Araújo Diz

    Eu não tenho casa por favor.ru queria ganha uma casa moro no Maranhão água doce.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.