Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Abono salarial do PIS com liberação em dobro em 2022

A decisão foi tomada visando um reajuste fiscal, o que gerou uma economia de R$ 10 bilhões aos cofres públicos

Os trabalhadores que receberiam o abono PIS/Pasep este, ano referente a 2020, só receberão o benefício no ano que vem. Isso porque, o Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador (Codefat) decidiu adiar o calendário do projeto.

A decisão foi tomada visando um reajuste fiscal, o que gerou uma economia de R$ 10 bilhões aos cofres públicos, uma vez que o abono tem um orçamento de R$ 20 bilhões, sendo pagos 10 bilhões de julho a dezembro e mais R$ 10 bilhões de janeiro a junho, quando é encerrado o cronograma de pagamentos.

Pagamento do abono adiado

Normalmente, o calendário de pagamentos do abono salarial PIS/Pasep começa em um ano e termina em outro. Da mesma forma aconteceria com o benefício previsto de 2020, que começaria entre julho de 2021 a junho de 2022.

Além de adiar o pagamento do PIS/Pasep 2020, o Codefat decidiu que o abono salarial será pago sempre no primeiro semestre de cada ano. A previsão, é que o benefício seja liberado a partir do mês de fevereiro de 2022.

No que se refere aos valores do abono salario, a quantia máxima é de um salário mínimo em vigência, podendo variar conforme o número de meses trabalhados pelo cidadão no ano-base.

Porém, além de ter trabalhado ao menos 30 dias de carteira assinada no ano-base, o trabalhador precisa estar inscrito há pelo menos 5 anos no sistema do Governo, bem como ter recebido na ocasião uma média de até dois salários mínimo.

Pagamento dobrado

Até o momento, o Governo Federal não se posicionou sobre a possibilidade de realizar dois pagamentos no mesmo ano, tendo em vista que um foi realocado no mesmo ano que outro deveria ser liberado.

Neste sentido, a expectativa é que tanto o abono salarial 2020 quanto o de 2021 sejam pagos em 2022. Porém, como mencionado, não há nenhuma confirmação por parte do Executivo, que afirma apenas o pagamento do abono salarial de 2020 no próximo ano.

16 Comentários
  1. Claudio Soares Diz

    Bando de ladrões filhos da puta demagogo
    Da a César o que é de César seus ladrões
    Pq nao param de roubar trabalhadores e vão cuidar da nação brasileira vcs ja tem muitas fortunas materiais dinheiro imóveis carros etc tudo isso com nosso dinheiro e ainda quer mais o fim de vcs seram feio a justiça de Deus ela nao falha nao ela e justa tenha certeza disso

  2. Cintia Dias Diz

    Isso que uma vergonha ,prefere tirar dos pobre doo que dos políticos… isso é uma palhaçada

  3. Cintia Dias Diz

    Isso que uma vergonha ,prefere tirar dos pobre doo que dos políticos

  4. FLÁVIA Diz

    É uma sacanagem isso que fizeram com os trabalhadores que tem direito ao Pis, nos trabalhamos o ano inteiro esperando e foi tirado de nos para pagarem o auxílio emergencial para muitas pessoas que não tem coragem de trabalhar e as vezes nem precisam….ISSO NÃO E JUSTO!

  5. Ana Paula Diz

    É um absurdo o que eles estão fazendo eu receberia agora em julho

  6. Italo Diz

    O país é do povo, de todos nós, temos que mostrar a esses “corruptos” que quem tem o verdadeiro poder é o povo, pena que nem todos pensa assim…

  7. Marcia Diz

    Eles tem que pagar mesmo 02 porque para o fundo eleitoral foram 6 bilhões depois só o covid que mata e quem governa esse país somos nós trabalhadores que produzimos, cuidamos e organizamos e pagamos imposto. Trabalhadores deixarão de votar por causa desse fundo do capeta , não pagam pra ver, muitos nulos votos terão.

  8. André Diz

    E vergonhoso o trabalhador toda vez paga o preço dos corrupto

  9. MICHELLi Diz

    Todo ano faço aniversário em agosto esse ano não vou ter

  10. Faby Diz

    Falta de respeito com os trabalhadores esses governos só roubam cada vez mais

  11. Eliane Diz

    Tirando do pobre para dar aos pobres….por que no dinheiro deles nunca sai nem um centavo 😡😡😡

  12. Marcio Diz

    Isso é uma palhaçada tira do trabalhado o direito de receber o pis falando que vai pagar duas vezes no próximo ano mentira mau vai pagar uma esse país so o trabalhador de fica sem nada cambada de ladrão

  13. Robert Diz

    Isso é uma vergonha…politicos lixo do pensão neles

  14. Eliane Diz

    Esse políticos sopensam neles é os pobres só leva a pior ,como pode fazer isso com o povo ,já não gsnajmos nada ainda querem tirar o que a gente tem bando de ladrão, no bolso deles eles não meche

  15. Claudinei Diz

    É fundo eleitoral e mais o trabalhador só no prejuízo af

  16. marcos Galvão da silva Diz

    Dinheiro para fundão partidários tem né

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.