Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

5 livros da literatura brasileira que todo vestibulando deve ler

Os vestibulares tradicionais de universidades de todo o país sempre exigem dos candidatos conhecimentos a cerca de obras da literatura brasileira. Desse modo, além de estudar os assuntos de literatura, como as escolas literárias e os gêneros literários, por exemplo, o vestibulando deve conhecer bem os principais livros da literatura produzida no Brasil ao longo dos séculos.

A maior parte das universidades divulga uma lista de leituras obrigatórias, de modo que há livros mais e menos recorrentes entre as cobranças, que variam a cada ano. Veja abaixo uma seleção de cinco livros da literatura brasileira que quase sempre aparecem na lista e que, portanto, devem ser lidos pelos vestibulandos.

5 livros fundamentais da literatura brasileira

1. Grande Sertão: Veredas, de Guimarães Rosa

Em primeiro lugar, trazemos a obra prima de Guimarães Rosa, considerado um dos maiores escritores da literatura brasileira, ao lado de Machado de Assis. A narrativa conta a história de Riobaldo, sua trajetória de vida no sertão, como jagunço, e aborda a paixão entre ele e Diadorim, seu companheiro de jagunçagem. Além disso, a obra é marcada por sua linguagem ímpar, cheia de neologismos do autor.

2. Dom Casmurro, de Machado de Assis

Em Dom Casmurro, Machado de Assis conta a história de Bentinho e Capitu, que foram criados juntos e desenvolveram uma paixão ainda na juventude, mas que tem o seu romance assombrado pela desconfiança de Bento de um suposto triângulo amoroso envolvendo o seu então melhor amigo, Escobar.

3. Laços de Família, de Clarice Lispector

Obra de 1960, Laços de Família reúne ao todo treze contos que se interligam pela temática em comum sobre o desentendimento familiar. Assim, com muita subjetividade e  viagens psicológicas, essa é uma das obras de Lispector mais cobradas no em exames de vestibular.

4. Vidas Secas, de Graciliano Ramos

Obra clássica de Graciliano Ramos, Vidas Secas conta com a narrativa que descreve a trajetória de uma família que mora no sertão nordestino. Cercados de um completo abandono e de um ambiente extremamente árido, essas pessoas se veem obrigadas a lutar arduamente pela sua sobrevivência dia após dia.

5. Capitães da Areia, de Jorge Amado

Por fim, trazemos Capitães da Areia, obra narra a história de um bando de meninos em situação de rua. Desse modo, os chamados “capitães da areia” sobrevivem em um velho trapiche realizando pequenos roubos nas ruas de Salvador para conseguir alimento.

Gostou do texto? Então deixe aqui o seu comentário!

Leia ainda O que fazer se “der um branco” na prova? Veja 3 dicas.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.