Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

14º salário ou abono de 2 mil: veja qual será pago em 2021

Dentre as sugestões dos políticos, se destacam as que se referem ao pagamento de um abono de R$ 2 mil e a distribuição de um 14º salário.

Devido a pandemia decorrente da Covid-19, parlamentares passaram a criar várias propostas para beneficiar os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Dentre as sugestões dos políticos, se destacam as que se referem ao pagamento de um abono de R$ 2 mil e a distribuição de um 14º salário. Todavia, ambas as medidas não devem ser viabilizadas este ano. Veja a seguir.

Inviabilidade do bônus de R$ 2 mil

A proposta para o pagamento do bônus de R$ 2 mil foi apresentada no ano passado por meio de uma Sugestão Legislativa (SUG). Na ocasião, o texto teve um alcance de 26 mil apoiadores e chegou até mesmo, a ser apreciado pelo senador Paulo Paim.

Para fins de esclarecimento, uma SUG é uma Ideia Legislativa que pode ser disponibilizada para qualquer cidadão brasileiro que deseja propor possíveis medidas e Projetos de Lei relacionados a temática.

Neste sentido, por se tratar apenas uma ideia, a iniciativa não deve ser considerada mais este ano, uma vez que para ser votada no Congresso Nacional deve ser ao menos um Projeto de Lei, sendo provavelmente arquivada novamente.

Inviabilidade do 14º salário

No que se refere ao 14º salário, dois Projetos de Lei foram criados para possibilitar a sugestão. Como na proposta anterior, ambos os projetos foram criados e apresentados em 2020, um no Senado Federal e outro na Câmara dos Deputados.

O primeiro, é o Projeto de Lei (PL) nº 3657/20 apresentado pelo senador Paulo Paim, o segundo, é o Projeto de Lei (PL) 4367/20 apresentado pelo deputado Pompeo de Matos.

O texto apresentado pelo senador Paulo Paim, visa a liberação de uma nova rodada do 13º salário, concedido aos aposentados e pensionistas do INSS. Já a sugestão exibida pelo deputado Pompeo de Mattos, prevê a criação de um novo benefício anual, sendo ele o 14º salário para os segurados do Instituto.

Posto isto e diante o atual cenário do país, a possibilidade para que uma dessas propostas sejam liberadas é quase nula. Vale analisar que desde o ano passado elas não ganharam apoio suficiente, sendo arquivadas e só consideradas novamente na etapa final deste ano.

No mais, ambos os projetos obrigatoriamente trariam mais dívida a União. Considerando que o valor para o financiamento não está previsto no Orçamento de 2021, as medidas acabam tendo suas chances diminuídas mais uma vez, não havendo um novo benefício destinado ao público do INSS.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
19 Comentários
  1. Francisco Diz

    Porque não param com esta palhaçada todo dia seu dinheiro já está na conta pura falcatrua é um desrespeito com o aposentado ainda bem que eu não fico escutando tudo faiknew acorda cambada

  2. Jorge Luiz Gonçalves Bernardo Diz

    Eu tenho certeza que se todos os aposentados como eu votassem em Jair Bolsonaro nos vamos ter esse décimo quarto salário antes dele ser reeleito eu tenho certeza

  3. Roberto Diz

    Políticos no Brasil são todos carniceiro, só pensam neles, se fosse algum projeto para beneficiar eles, já teriam aprovado na calada da noite, bando de corruptos, safado, ladrões de colarinho branco. Precisamos fazer uma revolução neste país, vamos sair pra ruas, não aguentamos mais tantas corrupções, políticos cada vez mais ricos, e o pobre trabalhador passando fome , vamos lutar pelos nossos direitos,nas próximas eleições vamos tirar estes canalhas do poder…

  4. Luciana Diz

    Só tem ladrão nessa merda. Eles só pensam neles , e os pobres? . Alimentação aumentando , e muitas pessoas passando necessidade com essa miséria de salário mínimo. É uma vergonha. Gás caro , gasolina um absurdo , e esses ladrões roubando cada vez mais. Pq fica colocando desse 14° salário , bobo é quem acredita. O Brasil está no buraco e esses ladrões com a vida mansa.

  5. Marisa Diz

    Os aposentados e pensionistas independente do valor salarial necessitam de abono ou decimo quarto pois vivem de consignado e empréstimos dentro do sufoco financeiro e familiar tudo aumenta e o salário não acompanha

  6. Araci vargas Diz

    No ano que vem vamos votar certo estou acompanhando os votos dos safados no site da camara deputados federal e senado para saber quem quer matar os pbres e os trabalhadores. E isso que devemos fazer acompanhar o painel de votacao deles para votar certo

  7. Janda Diz

    Acho verdadeiro descaso p quem trabalhou tanto,e hj sendo desprezado por essa corja q só pensam no próprio bolso,o povo tem q acordar,eles vivem de mentiras,enganando os aposentados e pencionistas desde o ano passado.
    Uma vergonha mesmo,gostaria q tdos políticos pudessem passar dois meses c o salário minímo,o pobre fica entre pagar aluguel ou comer,deixar de pagar água ou luz p comprar gás. Tá sufocante ver tanta roubalheira enquanto o pobre padece

  8. Mauro Diz

    Título sensacionalista, lamentável. Deixando de acompanhar esse site caça cliques.

  9. Antonio Diz

    Safadeza pura os brasileiros tem que aprender a votar o ano que vem a resposta tá nas urnas aposentados pensionista não votar vale mais uma multa de 3 reais do ajudar essa corja de ladrão

  10. Edna lucia Silva Diz

    Eles não paga o dinheiro das férias só o décimo terceiro e ainda tira da gente pra dar auxílio emergêncial pra quem pode trabalhar isto e o cumolo do abisordo e uma roubalheira só odeio os políticos

  11. Emilio rocha Diz

    Aí cartoladas das eleições. As eleições estão chegando o candidato ou candidata que ajudar com esta lei que está emperrada no congresso ou seja dar aquela força então vai ganhar as eleições pra presidente isso porque além de ajudar vai ter os votos dos aposentados .já pararam pra pensar quantos aposentados tem no Brasil e sem contar também com as famílias dos aposentados americanos convencidas a votarem neste candidato ou candidata que Deus aquela forças pra está lei virar realidades .pode confiar cartoladas das eleições.

  12. Jorge Diz

    Ficam batendo na mesma tecla, ja deu,vamos dar o troco nas eleicoes, ja deu

  13. Antônio Flávio Aglio de Morais Sarmento Diz

    Tudo palhaçada está turma de safados. Adiantou o décimo.terceiro achando.que tava ajudando. Aumentou o consignado achando que tava ajudando. Assim quebrou.a maioria dos aposentados e eles salvaram a economia
    Quem fez nome nas costas dos menos favorecidos foram os que estão no poder

  14. Antonio José Rodrigues Diz

    Jamais dará o 14 Salário pra Aposentados e pensionista, Eles políticos ganham 14, 15 salário fora que enfiam dinheiro na Cueca, Calcinhas, Apartamento com 51 MILHÕES apreendidos pela PF, Se o Governo pudesse matariam todos Aposentados e Pensionistas e todos Pobres deste País. Porque todos esses Canalhas não vivem com 1100,00 por mês.

  15. Nilton Diz

    Esse desgoverno.esta assaltando os aposentados e, pensionistas.sao eles.que,estão pagando o auxílio emergencial.portanto,deveria sim.receber um acréscimo.ou, no mínimo.um abono salarial.ou,o décimo quarto salário.retroativo a 2020.afinal.o salário mínimo é para seu próprio sustento.e não,pra bancar salários de governo ladrão

  16. Wilma Diz

    Continuam iludindo os segurados que tanto precisão desse dinheiro. Foi assim o ano passado. Agora para ultrapassar o teto não tem problema aprovam logo o valor saltou de 33 mil, para 62 mil. Cambada de salafrários.

  17. Jp Diz

    Para de ta postando isso todo mundo sabe que e mentira que o governo não vai aprovar esse abono fica dando esse tipo de notícia

  18. Martins Diz

    Quando é pra eles rapidinho eles aprovao o projeto de lei aí quando é para os pobres eles ficam segurando o projeto de lei, bando de miseráveis não voto em mais ninguém😡😡🤬🤬

  19. Joce Diz

    Fazem toda essa manchete pra que?? Se não pagaram ano passado… Com certeza não pagarão esse ano. Mas 2022 terá eleições

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.