Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

127 mil processos de suspensão da CNH são anulados

Cerca de 127 mil condutores poderão voltar a dirigir, segundo o Detran SP (Departamento de Trânsito do Estado de São Paulo).

Motoristas que estavam aguardando o julgamento para suspensão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) foram absolvidos. Cerca de 127 mil condutores poderão voltar a dirigir, segundo o Departamento de Trânsito (DETRAN).

Veja também: CNH Gratuita libera 20 mil vagas neste mês de outubro

Segundo o Detran de SP, a decisão está relacionada as novas normas do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) que passou a vigorar no dia 12 de abril de 2021. Neste sentido, os motoristas que foram autuados por infração gravíssima atingindo 20 pontos ou mais na CNH, a depender da situação, podem voltar a dirigir.

Novas regras de suspensão da CNH

De acordo com o novo CTB, a CNH só será suspensa se o motorista teve mais de 20 pontos nos últimos 12 meses, sendo que cometeu duas ou mais infrações gravíssimas. Ou seja, passados os 20 pontos, mas só havendo uma infração gravíssima, a habilitação do condutor será mantida.

Além disso, para a carteira ser suspensa com uma única multa gravíssima, o novo limite é de 30 pontos. Isso porque, sem nenhuma infração gravíssima, o motorista terá 40 pontos.

Conforme a declaração de alguns especialistas, as novas regras são mais “leves”, pois permitem que mais infrações sejam cometidas sem que as pessoas precisem fazer a reciclagem, ou tenha o direito de dirigir suspenso.

Em defesa, o Detran SP alegou que está apenas seguindo a nova determinação do CTB e que não tem poder para modificar as regras. Sendo assim, se faz necessário a divulgação de mais campanhas educação no trânsito, além de sensibilização sobre possíveis acidentes.

20 mil vagas para CNH Grátis

Uma grande oportunidade aos brasileiros. Foram liberadas 20 mil vagas para o programa CNH Social. A entrada no projeto, que promete a aquisição da habilitação gratuitamente, exige que os beneficiários passem por um processo seletivo.

“Nos próximos dias, vamos lançar o novo programa de carteira (de motorista) popular. Desta vez, eu vou dobrar: 20 mil carteiras populares serão autorizadas em breve aqui no Ceará”, afirmou.

A nova oferta, com 20 mil vagas gratuitas, vai permitir que a população de baixa renda realize o processo de carteira de motorista nas categorias A e B. Além disso, o programa permite alterar ou incluir novas categorias ao documento, também de forma gratuita. As oportunidades são para os cearenses.

Para ter direito aos serviços, o candidato interessado deverá ter mais de 18 anos; ter renda mensal de até 2 salários mínimos; estar desempregado a mais de 12 meses. Além disso, o usuário deverá:

  • Ser aluno da rede pública com rendimento exemplar;
  • Ser pessoa com necessidades especiais;
  • Ex-presidiário;
  • Ser agricultor;
  • Não possuir registro algum na carteira de trabalho;
  • Receber o Bolsa Família;
  • Não possuir nenhum registro de infração no trânsito;
  • Ser condutor profissional que precisa regularizar alguma situação com a justiça.

O programa está sendo administrado pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran) de cada unidade federativa. O órgão é responsável por todo o processo, desde a seleção a emissão do documento.

Veja também: NOVO auxílio de R$ 800 é liberado em parcela única

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Sem comentários
  1. Marcos venicius de Jesus Bonfim Diz

    Eu quero muito trabalhar

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.