Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

UFV e UFSJ têm previsão de um orçamento reduzido em 2021

Levantamento do G1 mostra que universidades federais da Zona da Mata e Campo das Vertentes esperam um orçamento reduzido para o ano de 2021. O levantamento considerou a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), a Universidade Federal de Viçosa (UFV) e a Universidade Federal de São João del Rei (UFSJ).

Federais terão orçamento reduzido em 2021

Assim, a UFJF informou que não sabe o valor exato do qual disporá no próximo ano pois depende da aprovação da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para saber com quanto poderá contar. A previsão é de que a votação da LDO ocorra em fevereiro ou março de 2021.

Por sua vez, a UFV e UFSJ informaram valores que são inferiores aos dos orçamentos de 2020. De acordo com o informado pela UFV, a previsão de orçamento total é de R$ 85.751.447, enquanto neste ano o valor foi de R$ 101.065.319. Conforme a universidade, “houve um corte linear de 16,5% em todas as ações orçamentárias. Assim, caso o mesmo não seja revisto pelo Congresso, a UFV terá que reavaliar as principais despesas para conseguir cumprir as atividades de ensino, pesquisa e extensão”.

A UFSJ também terá um orçamento reduzido, pois o orçamento de 2020 foi de R$ 344.173.658, mas, para 2021, esse valor sofrerá um corte de 18,46%. Desse modo, a instituição disporá de R$ 318.924.584, distribuídos entre as despesas da seguinte forma:

  • Despesas obrigatórias: R$ 257.161.496
  • Discricionárias: R$ 59.860.301
  • Despesas de investimento: R$ 1.902.787

No início deste ano, em fevereiro, a UFJF esperava um orçamento de R$ 909.970.080 para 2020. No entanto, por meio de nota, a universidade afirmou que depende das aprovações das leis orçamentárias para que possa apresentar, discutir e votar no orçamento para o próximo ano.

As informações são do G1.

E aí? Gostou do texto? Então deixe aqui o seu comentário!

Veja Corte no MEC pode afetar educação em até R$ 1 bilhão.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.