Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Saúde mental e trabalho remoto: Como manter o bem-estar em casa?

Veja algumas dicas para trabalhar em casa com mais saúde.

Manter uma boa relação entre saúde mental e trabalho remoto é um verdadeiro desafio. Em tempos de pandemia, essa relação pode ficar muito vulnerável a problemas e desequilíbrios e, por isso, devemos analisar a situação com muita atenção.

No decorrer deste conteúdo, portanto, você verá algumas dicas e sugestões para você lidar com essa combinação. Vamos lá?

Como manter uma boa relação entre saúde mental e trabalho remoto?

A boa relação entre saúde mental e trabalho remoto pode existir. Mas, para isso, é preciso tomar muito cuidado quando for elaborar a sua rotina de atividades. Veja como fazer isso:

1- Saiba impor limites entre o trabalho e o descanso

O primeiro passo é saber impor limites entre o trabalho e o descanso. Não dá para trabalhar horas a mais por simplesmente estar em casa. É preciso ter um momento para se dedicar às atividades laborais e outro para ficar com a sua família, descansar, etc.

Da mesma forma, cuidado para não misturar os hobbies e os descansos com a rotina de trabalho. Pausas exageradas e interrupções o tempo todo podem diminuir a sua produtividade.

2- Trabalhe com metas e objetivos bem definidos

Tenha as suas metas, objetivos e prioridades bem traçados. Isso fará toda a diferença. Às vezes, a relação entre saúde mental e trabalho remoto está associada com saber elaborar um passo a passo que deve ser cumprido ao longo do dia. Isto é, você precisa saber o que deve fazer agora, depois e mais tarde, até mesmo para sentir a sensação de dever cumprido.

3- Tenha um ambiente específico para o trabalho

Trabalhar em qualquer ambiente pode ser prejudicial para o seu foco. Por isso, procure estabelecer um único local para o trabalho remoto. Vale a mesa da cozinha, desde que o trabalho aconteça ali todos os dias. O importante é criar uma atmosfera fixa e bem definida.

4- Avise os familiares sobre o seu horário de trabalho

Deixe bem claro qual é o seu horário de trabalho. Em alguns casos, vale colocar uma plaquinha na porta do seu quarto. Isso ajudará as pessoas que estão perto de você a compreenderem que, durante o trabalho, você não está super acessível. Logo, elas respeitarão mais o seu espaço.

5- Não leve trabalho “pra casa” (ou para sala)

Se você está trabalhando em casa, não caia na tentação de levar trabalho para os seus momentos de descanso. Se você terminou o seu expediente, não adianta fechar o notebook na cozinha e levar trabalhos para a sala, para concluir no seu momento de descanso, ok?

6- Não trabalhe de pijama e/ou na cama

Trabalhar na cama ou de pijama pode diminuir – e muito – a sua produtividade e o seu foco. Afinal, o seu cérebro entenderá que é um momento de descanso. Por isso, vista-se para trabalhar (não precisa se arrumar de maneira formal, apenas vista-se com algo que não seja pijama) e induza o seu cérebro ao trabalho focado.

7- Eduque os seus clientes e/ou chefe

Educar os seus clientes e o seu chefe é de suma importância para ter uma boa relação entre saúde mental e trabalho remoto. Afinal, você precisa impor limites de horários para responder mensagens, por exemplo, e se você responder depois do expediente e nos fins de semana, poderá deixar os seus clientes mal acostumados. Portanto, cuidado!

Gostou das nossas dicas? Então compartilhe com um amigo!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.