Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Restrição ao Brasil é prorrogada na Itália: estudantes se organizam em movimento

As medidas restritivas para brasileiros foram prorrogadas

A Itália decidiu prorrogar as medidas para brasileiros

Desde 16.01.2021, por meio de decretos de urgência e após o Decreto do Presidente do Conselho dos Ministros (DPCM), de 2.03.20211, e da Portaria do Ministério da Saúde italiano, do dia 14.05.20212, aqueles que tenham permanecido ou transitado no Brasil nos 14 dias precedentes à viagem estão proibidos de entrar em território italiano.

Hoje, 29 de julho de 2021, a medida foi prorrogada. O Brasil se encontra, ao lado de Índia, Bangladesh e Sri Lanka, na lista de países afetados pela diretriz, que estará em vigor até o dia 30 de agosto.

O problema dos vistos

A prorrogação da medida afeta a emissão de vistos para brasileiros. Isso porque, os consulados italianos estão proibidos de emitir vistos (a menos que sejam considerados urgentes e expressamente autorizados pelo Ministério da Saúde Italiano).

Os maiores afetados por essa situação são os estudantes brasileiros que pretendem realizar um período de estudos em universidades italianas: muitos deles realizaram o pedido ao Ministério da Saúde italiano, porém tiveram seus pedidos negados por suas situações não configurarem caso de “extrema necessidade”.

Sem vistos, os estudantes não podem ingressar na Itália e iniciar os estudos. Muitos correm, inclusive, o risco de perder as suas bolsas de estudo diante da impossibilidade de iniciar seus estudos de maneira presencial no país.

O movimento

Estudantes brasileiros que almejam iniciar os estudos na Itália fundaram um movimento, denominado de Studiare è una necessità (estudar é uma necessidade, em português), com o objetivo de mobilizar autoridades brasileiras e italianas e, assim, conseguir abrir uma exceção para que estudantes brasileiros possam entrar na Itália para iniciar os estudos.

O grupo, que está presente no Instagram como @studiareunanecessita, se apresenta da seguinte maneira:

“Somos um grupo de 198 estudantes brasileiros aceitos em universidades italianas para os anos letivos de 2021 e 2022. Devido à pandemia da COVID-19 nossos processos de vistos junto aos consulados estão paralisados, e a nossa entrada em território italiano está proibida. Diante do iminente risco de perdermos nossas matrículas e bolsas de estudos, nos organizamos com o objetivo de alcançar autoridades brasileiras e italianas em prol da liberação das fronteiras para os estudantes.”

As estatísticas sobre a situação da pandemia no Brasil indicam que o número de casos está diminuindo e que o cenário está melhorando. Os estudantes aguardam, agora, o próximo decreto do governo italiano, que será emitido no dia 30 de agosto.

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
5 Comentários
  1. Ana Diz

    É angustiante essa espera, pois muitos de nós abdicamos de oportunidades de trabalho para nos dedicar exclusivamente ao Mestrado, e quando achamos que abrirá uma excessão para entrada de estudantes, essa medida é postergada. Precisamos de ajuda e apoio das autoridades brasileiras o quanto antes, pois estudo é essencial. #studiareunanecessita

  2. Luísa Diz

    É TRISTE se preparar por mais de um ano para tentar mestrado na Itália e se deparar com essa situação. Pior ainda é saber que nosso governo não faz absolutamente nada para nos ajudar. #studiareunanecessita

  3. Anna Diz

    Muitos estudantes estão com risco de perderem suas bolsas de estudo por conta disso! Todos se prepararam por meses, anos, para tudo ir água a baixo por causa disso, um problema que poderia ser facilmente contornado com reuniões do Itamaraty e o governo italiano!! #studiareunanecessita

  4. Alexandre Diz

    Fui aprovado para realizar o doutorado sanduíche na Itália, e estou nesta espera angustiante desde janeiro. E quanto mais o tempo passa fica mais complicado, pois os prazos vão ficando cada vez mais apertados. Não podemos perder essa oportunidade, as autoridades precisam nos ajudar!!!

  5. Evelyne Brum Diz

    A situação dos estudantes brasileiros que desejam estudar na Itália é preocupante! Precisamos de apoio para contornar essa situação! #studiareunanecessita

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.