Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Bolsa Família: ministro revela NOVO valor

Atenção! Ansioso pela reformulação do Bolsa Família, o Auxílio Brasil? Saiba que o ministro da Cidadania, João Roma, voltou a falar sobre o assunto e disse quea ideia é atingir 17 milhões de beneficiários e pagar, em média, R$ 300 por família. As declarações foram dadas noite do domingo (17).

Veja também: Gás de cozinha mais barato

“Atualmente o Bolsa Família beneficia cerca de 14,6 milhões de famílias, e nós pretendemos zerar a fila do programa, chegando próximo de 17 milhões de beneficiários”, declarou João Roma, em uma entrevista ao programa Brasil em Pauta da TV Brasil

Roma disse que a ideia é que a média  de R$ 190 do Bolsa Família seja elevada para cerca de R$ 300. Atualmente mais 1 milhão famílias estão na fila de espera do benefício social criado na gestão de Lula.

A ideia é não só reformular o Bolsa Família, mas mudar seu nome Auxílio Brasil – em alusão ao Auxílio Emergencial – e tornar o programa permanente.

 

O que falta para a reformulação do Bolsa Família acontecer?

A previsão é que o benefício seja iniciado em novembro, mas até lá a fonte de recursos precisa ser decidida.

Uma opção é a taxação dos dividendos ou então os valores que podem surgir com a PEC dos Precatórios, ambos os projetos precisam ser aprovados no Congresso, sem isso o financiamento do novo Bolsa Família pode ser prejudicado.

“Acredito que nós próximos dias, o presidente Bolsonaro deve reunir toda equipe, tanto do Ministério da Cidadania como do Ministério da Economia, para apontar as fontes de recursos. É uma decisão de governo”, disse o ministro da Cidadania, João Roma.

 

Confira novos benefícios previstos

 

  • Auxílio esporte escolar: benefício esta previsto com 13 parcelas – 12 delas para adolescentes de  12 e 17 anos e uma apenas para toda família. O valor pago será um espécie de “prêmio” por se destacar em determinada modalidade.

 

  • Bolsa iniciação científica júnior: Neste mais de uma criança ou adolescente da mesma família pode ser beneficiado, isso para aquelas que que tiverem alguma posição de destaque em acadêmicas e científicas. Está previsto 12 parcelas para o aluno destaque e mais uma para a família;
  • Auxílio criança cidadã (voucher creche): valor será pago para responsáveis de crianças de até 48 meses, ou seja, 4 anos . O “voucher creche” é uma opção que será concedida para as famílias que não estão conseguindo vaga nem em creches públicas ou particulares conveniadas com o governo.

 

  • Benefício compensatório de transição: previsto para famílias que ao entrarem nas regras de transição do Bolsa Família para Auxílio Brasil tem direito a valores menores. Ele será pago ate que a família não esteja dentro das regras do benefício social ou então até que exista aumento no valor recebido.

 

  • Auxílio inclusão produtiva urbana: valor para as famílias que conseguirem um emprego em área consideradas urbanas, desde que provem vínculo. Bônus pode ser acumulado com outras linhas do programa. Em outras palavras, se um pai consegue um emprego, pode receber este benefício e o filho o bolsa iniciação científica júnior, por exemplo.

 

  • Auxílio inclusão produtiva rural: valor será pago para pequenos agricultores inscritos no Cadastro Único. Estão previstos um bônus em dinheiro e assistência técnica.

 

Avalie o Texto.
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.