Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Reforma do IR: Quem estará isento do tributo em 2022?

A Reforma visa aumentar a faixa de isenção de R$ 1.903,98 para R$ 2,5 mil, o que irá representar um reajuste de 31% na tabela do IR, para este grupo em específico.

De acordo com a Reforma do Imposto de Renda (IR), já aprovada na Câmara dos Deputados, a partir de 2022 muitos brasileiros deixarão de contribuir com IR. Isso porque, conforme as regras da proposta, muitos cidadãos se enquadram na nova faixa de isenção da medida.

A Reforma visa aumentar a faixa de isenção de R$ 1.903,98 para R$ 2,5 mil, o que irá representar um reajuste de 31% na tabela do IR, para este grupo em específico. As demais alíquotas, referentes aos rendimentos superiores, também serão atualizadas, porém, sob um percentual menor, cerca de 13%.

Além disso, a reformulação pode possibilitar que outros cidadãos sejam beneficiados com o não pagamento do tributo. Esses serão os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Tabela do IR após reajustes para 2022

Diante a implementação das mudanças estabelecidas na proposta de reforma do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF), as faixas e alíquotas ficarão da seguinte maneira:

Atuais faixas  Faixas com as alterações da reforma Alíquota descontada
Até R$ 1.903,98 Até R$ 2.500 0% (isento)
De 1.903,99 a R$ 2.826,65 De R$ 2.500,01 a R$ 3,200 7,50%
De R$ 2.826,66 a R$ 3.751,05 De R$ 3,200,01 a R$ 4.250 15%
De R$ 3.751,06 a R$ 4.664,68 De R$ 4.250,01 a R$ 5.300 22,50%
Acima de R$ 4.664,68 Acima de R$ 5.300,01 27,50%

 

Situações que permitem a isenção do IR

Segundo o PL n.º 1.100/2021 que cria a Reforma, a isenção do IR também poderá ser aplicada aos aposentados e pensionistas do INSS que sofreram complicações mediante infecção por coronavírus causando-lhes sequelas.

Todavia, atualmente a isenção do imposto de renda já é concedida aos cidadãos diagnosticados com alguma doença grave, que tem como renda a pensões, aposentadorias e outros auxílios.

Dentre as comorbidades estão: AIDS, Câncer, Parkinson, Alienação mental, Esclerose Múltipla, Cardiopatia Grave, Tuberculose Ativa, Cegueira, entre outras.

Veja também: Caixa Tem: Linhas de crédito a partir de R$ 300 já podem ser contratadas

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.