Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Receita Federal abre 67 vagas de emprego; veja como se candidatar

Ao todo, estão sendo disponibilizadas 67 vagas, distribuídas em diversas áreas.

Processo seletivo é aberto no Porto de São Francisco do Sul no estado de Santa Catarina para credenciamento de peritos na Alfândega da Receita Federal do Brasil. Ao todo, estão sendo disponibilizadas 67 vagas, distribuídas em diversas áreas.

Lista de vagas distribuídas por função

  • Quantificação (mensuração) de mercadorias a granel sólido, líquido ou gasoso (arqueação de embarcações e plataformas flutuantes) (15);
  • Civil (4);
  • Elétrica (4);
  • Eletrônica (4);
  • Bens e serviços de Tecnologia da Informação (4);
  • Química (9);
  • Têxtil (9);
  • Mecânica (9);
  • Agronomia (3);
  • Metalurgia (3); e
  • Alimentos (3).

O cidadão interessado em participar do processo seletivo, deve comprovar a escolaridade exigida na vaga desejada, além de experiência mínima de dois anos de exercício laboral na especialização em questão.

A função de um perito autônomo é identificar e quantificar a mercadoria importada ou a exportar. Além disso, o cargo exige a emissão de laudos periciais sobre o valor e estado residual de bens.

Como se inscrever para o processo seletivo?

Trabalhadores interessados devem realizar a inscrição por e-mail entre os dias 6 a 20 setembro. Desta forma, o candidato estará solicitando a abertura de um processo digital.

Na sequência, o sujeito terá que enviar a documentação necessária solicitada no Portal do e-CAC, segundo as diretrizes contidas no edital, no site da Receita Federal do Brasil.

No decorrer das avaliações, os candidatos serão selecionados conforme o seu histórico com o título e pontuados por meio dos critérios específicos presentes na regulamentação.

Vale ressaltar que credenciamento terá vigência de dois anos, contada a partir da data de publicação do resultado. Todavia, há a possibilidade de uma única prorrogação igual ao período executado. No entanto, esta decisão está a cargo do Delegado da Alfândega da Receita Federal do Brasil no Porto de São Francisco do Sul (SC).

Veja também: Saque-aniversário do FGTS impede saque integral? Veja

Leia Também:

Está "bombando" na Internet:

Acesse www.pensarcursos.com.br
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.