Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Aprenda a proteger as finanças de sua empresa

Confira como cuidar do seu patrimônio

Proteger as finanças da empresa é a maior preocupação dos empreendedores, pois dessa atitude depende a sobrevivência do negócio. Sabemos que um empreendedor somente fica tranquilo quando sua empresa apresenta rentabilidade, afinal, este é o seu maior objetivo. Por isso que hoje, nós vamos ensinar como proteger as finanças de sua empresa.

Muitas são as preocupações dos empreendedores, além de controlar as finanças, como por exemplo: fidelizar clientes, vender produtos de qualidade, fazer a sua marca ser conhecida no local onde está situada a empresa, aumentar a lucratividade, entre tantos.

Proteger as finanças de sua empresa -- Reprodução Canva
Proteger as finanças de sua empresa — Reprodução Canva

Como proteger as finanças de sua empresa?

O que traremos hoje, são pequenas atitudes diárias que contribuem para que sua empresa tenha as finanças protegidas.

Separe as despesas pessoais das despesas da empresa

O ideal é você fazer um orçamento pessoal e outro orçamento da empresa. Dessa forma, você evita misturar as contas e perder o controle de ambas.

Além disso, a mistura das contas envolve muita confusão nas questões tributárias, nos registros contábeis e principalmente nas responsabilidades pessoais e da empresa.

Opte por negociar com os fornecedores antes de finalizar um contrato

A barganha de preços é uma prática milenar nas empresas. Por isso, opte por negociar e argumentar de forma incisiva antes de finalizar qualquer contrato. 

Insista em revisão de valores e ofereça garantias de retorno de compras com aquele fornecedor.

Estude o contrato e verifique os termos da compra realizada, entre eles: descontos em pagamentos realizados antes do prazo determinado, multas em pagamentos realizados depois da data combinada, prazos e condições de pagamento e o prazo de entrega, pois você tem que ter o produto na empresa.

Cumpra com os pagamentos em dia

Proteger as finanças da empresa perpassa por garantir a credibilidade do empreendimento. Assim, realize os pagamentos sempre em dia e, se possível, de forma antecipada.

Esta atitude faz com que a sua empresa tenha credibilidade no mercado e evita o pagamento de juros e multas por atraso. Existem contas como, por exemplo, o cartão de crédito e os financiamentos da empresa, que irão custar muito caro se os juros ficarem em cima da conta.

O mesmo ocorre com os impostos, pois os atrasos podem gerar muitos prejuízos. 

Mesmo que sua margem de lucro seja pequena, honre as contas da empresa e evite terminar o ano no vermelho.

Crie o hábito de economizar

Não é necessário ser o “Tio Patinhas” da empresa, mas o hábito de economizar em pequenas ações afeta diretamente os resultados financeiros do negócio. Economizar no cafezinho dos funcionários é irrelevante perto de atitudes que você pode ter em sua empresa, afinal, o café nem está tão caro assim.

Por isso, aproveite os descontos oferecidos pelos fornecedores, adquira produtos com moderação (mas não deixe faltar nunca), procure gargalos de produção e resolva-os. Torne a sua empresa sustentável e obtenha benefícios nos serviços públicos.

Saiba pelo menos os conceitos da contabilidade

Entender um pouco da contabilidade de sua empresa faz com que você tenha mais certeza na tomada de decisões. Saber como o dinheiro entra e como sai, pode ser determinante para saber por onde começar a economizar dentro da empresa.

Realize investimentos em tecnologia

Muitas vezes, é mais relevante você investir em softwares de gestão financeira, do que deixar de atender um cliente de forma efetiva.

Investir em um software contábil, facilita no pagamento dos impostos e dará uma visão completa sobre o seu negócio no setor financeiro, além de possibilitar o desenvolvimento de orçamentos.

Você pode investir em uma consultoria para implementar, ensinar e utilizar os softwares de gestão.

Faça o acompanhamento da movimentação financeira de sua empresa

Isso é fundamental para que nenhuma conta fique sem pagar e que nenhum dinheiro fique parado. 

O acompanhamento fará com que você administre melhor os setores que estão dando prejuízo, ou não estão funcionando de acordo com a eficiência.

Além disso, acompanhar a movimentação financeira dará condições para que você perceba onde é possível fazer investimentos, tomando decisões mais acertadas.

Se atenha a estas pequenas atitudes diárias para proteger as finanças de sua empresa, e tenha a certeza da sobrevivência do negócio! Conheça, administre, organize, confie em você mesmo! Sua empresa depende muito da sua organização nas finanças!

Por fim, agora que você já possui todas as informações necessárias, o que acha de colocar a mão na massa e trabalhar duro para proteger as finanças do seu negócio de forma efetiva? Com certeza será muito mais seguro trabalhar tendo a consciência que você fez tudo que está ao alcance para ficar longe de perigos financeiros!

Avalie o Texto.

Veja o que é sucesso na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.