Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Avalie o Texto.

Prefeitura de Coronel Fabriciano – MG abre Processo seletivo para agente de saúde

Edital oferta 176 vagas de nível médio completo na administração municipal e salário de R$ 1.550,00

A Prefeitura Municipal de Coronel Fabriciano, no estado de Minas Gerais, abre novo edital de processo seletivo que tem por objetivo o preenchimento de 176 vagas no cargo de nível médio completo na administração municipal.

As oportunidades são para os cargos de Agente de Combate a Endemias (20 vagas) e Agente Comunitário de Saúde (156 vagas). O salário oferecido será no valor de R$ 1.550,00 ao mês, por carga horária de 40 horas semanais.

As lotações serão nas seguintes UBS: Santa Terezinha; São Domingos; Cocais; Floresta; JK; Mangueiras; N. S. do Carmo; Recanto Verde; Santa Cruz; Amaro Lanari; Caladão; Caladinho de Cima; Caladinho do Meio e Centro.

INSCRIÇÃO

Os interessados em concorrer a uma das vagas poderão se inscrever até às 15h59 do dia 28 de outubro de 2021, exclusivamente, no endereço eletrônico oficial da banca organizadora IBGP Concursos. O valor da inscrição está fixado em R$ 75,00.

PROVAS

O processo seletivo contará com prova objetiva (caráter classificatório e eliminatório) com questões distribuídas entre as disciplinas de língua portuguesa, noções de informática, saúde pública e conhecimentos específicos. As avaliações serão realizada no dia 14 de novembro de 2021, às 8h30.

A seleção é válido por 12 meses, a contar da data de homologação do resultado final, prazo este que poderá ser prorrogado uma vez, por igual período, a critério da administração.

Atribuições

I. Trabalhar com descrição de indivíduos e famílias em base geográfico definida e cadastrar todas as pessoas de sua área, mantendo-os dados atualizados no sistema de informação da atenção básica vigente, utilizando-os de forma sistemática, com apoio da equipe, para a analise da situação de saúde, considerando as características sociais, econômicas, culturais, demográficas e epidemiológicas do território, e priorizando as situações a serem acompanhadas no planejamento local; II. Utilizar instrumentos para levantamento de informações e diagnóstico demográfico e sociocultural da comunidade de sua área de atuação; III. Executar atividades educativas de promoção da saúde individual e coletiva; IV. Efetuar registros de eventos significativos para o controle das ações de saúde pública, tais como nascimentos, óbitos, doenças e outros agravos à saúde; entre outros.

EDITAL 01/2021

 

Avalie o Texto.

Está "bombando" na Internet:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.