Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

3.8/5 - (5 votes)

Pix Caminhoneiro será pago via Poupança Social Digital, diz Governo

Governo Federal confirmou que pagará Pix Caminhoneiro através do sistema da Poupança Social Digital, já usada em outros programas

Os mais de 870 mil motoristas de caminhão que serão selecionados para a folha de pagamentos do Pix Caminhoneiro poderão usar a quantia do benefício através da Poupança Social Digital. O Governo Federal confirmou a informação através de uma portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU) nesta quarta-feira (3).

Em outras palavras, os caminhoneiros poderão fazer uso do sistema do Caixa Tem para movimentar o dinheiro do benefício social. O mesmo aplicativo foi criado especificamente para a movimentação do saldo do antigo Auxílio Emergencial, ainda em 2020. Hoje, o app serve aos usuários que fazem parte de programas como o Auxílio Brasil e o vale-gás nacional.

Pelo Caixa Tem, é possível realizar uma série de atividades com o saldo depositado. Os cidadãos podem fazer pagamentos de contas em forma de boletos, podem realizar transferências bancárias em formato de pix e também podem fazer algumas compras com o sistema de débito do aplicativo, que já está oficialmente ativado.

No início desta semana, o Governo Federal publicou outra portaria que também identificou o Caixa Tem como o aplicativo que terá validade para a movimentação do auxílio-taxista. Trata-se de outro projeto que também faz parte da PEC dos Benefícios e começa a realizar os seus pagamentos também neste mês de agosto.

Oficialmente, o aplicativo do Caixa Tem permite a geração de um código de saque. O cidadão que recebe o Auxílio Brasil e o vale-gás podem usar a numeração para sacar valores em espécie no caixa eletrônico. O Governo Federal ainda não confirmou se esta função também estará disponível para os usuários do Pix Caminhoneiro e do auxílio-taxista.

Quem pode receber

Na portaria divulgada nesta quarta-feira (3), o Ministério do Trabalho especificou os pontos de seleção dos usuários para o Pix Caminhoneiro. Como já vinha sendo adiantado, é preciso ser um trabalhador autônomo para ter direito ao programa.

Além de ser autônomo, o motorista precisa ter cadastro ativo no sistema do Registro Nacional de Transportadores Rodoviários de Cargas (RNTR-C) até 31 de maio de 2022. A lista faz parte do banco de dados da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

As pessoas que possuem o nome nesta lista, mas se encontram em situação de pendência ou de suspensão, também podem ter direito ao benefício. Entretanto, neste caso, é importante regularizar o registro o quanto antes.

O Pix Caminhoneiro

O Governo Federal já confirmou que o Pix Caminhoneiro fará pagamentos de R$ 1 mil por mês até o final deste ano. A expectativa é de que seis repasses aconteçam neste período de tempo. Os dois primeiros serão feitos na mesma data: dia 9 de agosto.

Dessa forma, no primeiro pagamento do benefício, os caminhoneiros selecionados poderão receber o valor de R$ 2 mil. Entre os meses de setembro e dezembro, os repasses voltam para o sistema regular, ou seja, com liberações de R$ 1 mil por mês.

Veja abaixo o calendário completo do programa:

1ª Parcela: 9 de agosto;
2ª Parcela: 9 de agosto;
3ª Parcela: 24 de setembro;
4ª Parcela: 22 de outubro;
5ª Parcela: 26 de novembro;
6ª Parcela: 17 de dezembro.

3.8/5 - (5 votes)
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.