Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Nova proposta: auxílio emergencial fixo de R$1.200 para NOVO grupo

O Projeto de Lei (PL) 2.099/20 pede que o pagamento do auxílio emergencial para mães chefes de família, que paga R$ 1,2 mil por parcela, vire permanente. Atualmente, esse projeto está sendo analisado pela Câmara dos Deputados. O aturo do projeto é o deputado Assis Carvalho (PT-PI).

Se o Projeto de Lei for aprovado, irá beneficiar as brasileiras provedoras de famílias monoparentais. Ou seja, serão beneficiadas as mulheres em que as famílias possuem ao menos um dependente menor de 18 anos e que não possuem cônjuge ou companheiro.

Ainda após análise da Câmara, o Projeto de Lei também será analisado pela Defesa dos Direitos da Mulher, Seguridade Social e Família, Finanças e Tributação, Constituição e Justiça e de Cidadania.

Atualmente, para ter direito ao auxílio emergencial de R$ 1,2 mil, voltado para as mães chefes de família, é necessário não ter emprego formal, ter mais de 18 anos, não ser beneficiário de programa previdenciário ou assistencial e não receber seguro desemprego ou programa de transferência de renda do governo, com exceção do Bolsa Família.

Também é necessário ter renda familiar por mês per capita de até meio salário mínimo, de R$ 522,50, ou renda familiar mensal total de até três salários mínimos, de R$ 3.135. Entre os requisitos está ainda ser microempreendedora individual (MEI), trabalhadora informal, autônoma ou desempregada.

Veja quantas parcelas você receberá na prorrogação do auxílio

As parcelas extras do auxílio emergencial no valor de R$ 300 são válidas apenas para os beneficiários que já estão recebendo o benefício de R$ 600. No entanto, o número de parcelas depende de quando o trabalhador, que não faz parte do Bolsa Família, começou a receber o benefício no valor inicial.

As novas parcelas no valor R$ 300 começam a ser pagas somente após a conclusão das cinco parcelas iniciais de R$ 600. Novas inscrições não serão feitas, portanto, apenas quem foi aprovado para as parcelas de R$ 600 poderá receber as parcelas extras.

A quantidade total de parcelas que o cidadão terá direito vai depender de quando ela começou a receber o auxílio. O máximo são nove parcelas, sendo as cinco primeiras de R$ 600 e as quatro últimas de R$ 300.

  • Quem recebeu a 1ª parcela em abril: 9 parcelas
  • Quem recebeu a 1ª parcela em maio: 8 parcelas
  • Quem recebeu a 1ª parcela em junho: 7 parcelas
  • Quem recebeu a 1ª parcela em julho: 6 parcelas
  • Quem recebeu a última parcela de R$ 600 em agosto: vai receber 4 parcelas de R$ 300 nos meses de setembro, outubro, novembro e dezembro;
  • Quem recebeu a última parcela de R$ 600 em setembro: vai receber 3 parcelas de R$ 300 nos meses de outubro, novembro e dezembro;
  • Quem recebeu a última parcela de R$ 600 em outubro: vai receber 2 parcelas de R$ 300 nos meses de novembro e dezembro;
  • Quem recebeu a última parcela de R$600 em novembro: vai receber apenas 1 parcela de R$ 300, em dezembro.

Veja também: Auxílio de R$300: CAIXA confirma 4 parcelas somente para metade dos beneficiários

23 Comentários
  1. Roselene Lucia da Silva Diz

    Para mim tem sido de grande ajuda pago aluguel trabalho de diarista não tenho outra renda e assim também conheço mais mulheres que passam a mesma situação

  2. Fernando Henrique Rodrigues dos santos Diz

    Sou pai solteiro cuido de três filhos de menores de 12 anos como vai ficar a minha situação

  3. Cristina Pinheiro Diz

    Já que estão estudando a possibilidade de dar auxílio permanente para as mães chefes de família tinham que pensar nos idosos que não tem pensão nenhuma é não tem trabalho porque Ning dá
    Esses sim tem necessidades gente nova pode trabalhar gostaria que os governantes pensasse nisso

  4. Erica Diz

    …. e comum mulher ser burro de carga né ? Nunca vi tanto homem fazendo tanto barulho num assunto como esse !
    Pelo
    Amor de Deus ! Muitos de vcs ocultam ganhos pra não pagar pensão … muitos de vcs estão vivendo suas vidas e bel prazer enquanto mães ficam noites em
    Claro
    Nos upas da vida esperando pra ser atendida com filho ardendo em
    Febre em seus colos !
    Se o governo aprovar isso seremos imensamente gratas pq alguem olhou por mulheres que carregam o mundo dos menores que chamam de filhos em sias costas …
    cadeia pra quem não paga pensão alimentícia e pouco …

  5. Belica Costa Soares Diz

    Gostaria de saber se o décimo quarto vai sair para os aposentados que ganha salário mínimo.e quando será?

  6. Norberto Macedo Teodoro Diz

    Um absurdo mesmo essa classe política que temos nesse País! Por isto que sou favorável a intervenção sim no sistema político! Ninguém fala em capacitar e empregar esse povo, fica esse ciclo vicioso de achar que o governo tem que sustentar definitivamente! Acorda Brasil! Já não basta os salários abusivos e absurdos que se paga a essa classe política que só envergonha a todos nós? São raros os casos de quem realmente precisa desse tipo de auxílio! Reforma política urgente é o que esse País precisa!

  7. nando1220@yahoo.com.br Diz

    O que os deputados querem é arrebentar com esse governo que está aí.
    Parem para pensar; é muita politicagem!
    Muito mimi, Vai ter muita menina querendo ser mãe mais cedo só para ter direito a esse auxílio!
    VÃO ARREBENTAR O PAÍS!

  8. Cristina Aparecida Diz

    4200 total

  9. Silmara Diz

    Rsrsrs o Brasil tem capacidade de fazer isso é muito mais . Se o governo quer fazer é porque ele pode fazer algo pelas mulheres.Não só para mulheres e sim pelo povo brasileiro. Assim não fica dinheiro em caixa para os políticos roubarem.espero que o governo esteja sim pensando nas mulheres que se está sozinha é porque passou um homem sem caráter e sem vergonhana vida dela . Esperança mulheres brasileiras

  10. Eliane Oliveira Diz

    Fui demitida devido a pandemia e não tive direito do Seguro do desemprego sou mãe e moro com minha filha menor pedi o auxílio emergencial é foi negado fiz a contestação desde agosto e nada de resposta só situação em análise isso é um descaso ao invés de da para quem ficou desempregada

  11. Henrique Santos Diz

    Interessante nesse País quem Trabalha não tem um mínimo de compreensão desse Governo. Tanto trabalhadores demitido com mais de 60 anos e Dr.Polvora só pensa em dar estímulo as Jovens serem Mães cedo para poder ganhar Auxílio.

    1. Assis Diz

      Outra e para recebe pensão dos caras que fez filho isso e o governo trabalhando mais por você 😂😂😂😂

      1. Marcus Diz

        Só podia ser a desgraça do pt

      2. Cris Diz

        Sou mulher tenho uma filha hoje com mais de de 24 anos trabalha e estuda graças a Deus nunca fiquei e nem ensinei a ficar esperando sentada as coisas caírem do céu ou ficar atrás de governo. Nunca tive bolsa família e nem pensão de homem. Trabalhei e trabalho como empregada doméstica com muita honra! Se isso for aprovado só vamos ver mais moças novas se enchendo de filhos. Tem homem safado sem caráter sim tem. Mas muitas também cai na lábia pq que quer e agora 1.200 reais ixi neguinha ai vai é fazer filho de propósito só pra ficar no sofá. Trabalhar, estudar que é bom ninguém quer!

    2. Jorge Alves Reis Diz

      Eu só recebi a primeira parcela auxílio foi suspenso não estou trabalhando preso de um ajuda.

  12. Fátima Cristina Costa de Carvalho Diz

    Sou separada judicialmente
    Chefe de família.
    Autônoma.
    Se este auuxilio de 1.200 for aprovado tenho direito? Recebo o auxílio emergencial, não tenho outro tipo de renda. Trabalho com decoração de festas, tudo cancelado até conseguirmos uma vacina.

  13. Maicon Diz

    Uma verdadeira aberração! O que veremos, se uma lei dessas for aprovada, vai ser uma epidemia de mães solteiras, e não somente isso, pois este tipo de iniciativa desestimula a mulher a procurar emprego formal! Pra que vai procurar emprego? É só engravidar de um trouxa que vai receber 1.2k (fora a pensão alimentícia da criança, que fica em torno de, no mínimo, 500 reais ) pra ficar em casa de boas! Tem muita gente tendo quepassar 8h por dia trabalhando (se fu*****) pra ganhar menos que isso! Um trabalhador que ganha em média 1.5k bruto de salário, na verdade recebe 1.2k de salário líquido! Muitos aposentados que trabalharam a vida toda ( e essa nova geração vai ter que trabalhar muito mais pra se aposentar) não recebem isso de aposentadoria! Pelo amor de Deus! E quem vai pagar essa farra? As minhas contribuições? Todo mundo que trabalha vai ter que pagar essa farra? E por que pais solteiros (existem sim! Em muito menor quantidade mas existem sim!) não foram incluídos nessa aberração também! A mulher é mais que o homem no Brasil? Cadê o principio constitucional da igualdade? Um peso duas medidas? Tudo o que vejo aqui no Brasil é uma luta por supremacia! Nunca foi por igualdade!

    1. Persefelis Diz

      Risos latejantes!Um homem pedindo igualdade,que coisa não!…Lute por igualdade desde o começo e não só quando doer no seu bolso,machista.

      1. Maicon Diz

        Luta por igualdade sim! Essa lei é absurda mesmo se fosse para pais solteiros! É um absurdo ver tantos velhinhos na fila do inss que passaram a vida toda trabalhando e não conseguem se aposentar por detalhes legais… O governo federal está enforcando cada vez mais a previdência e ferrando a nova geração que vier se aposentar (vamos poder nos aposentar com 49 anos de serviço)! Aí vem essas barbadas ai querendo se encostar o resto da vida nas paletas do governo por que é isso que vai acontecer, ganhando mais do que muita familia que trabalha! E muitas ainda tendo cônjuges ( não casaram ou declararam União estável formalmente).Me poupe ne! Que luta de igualdade é essa? Querem que os outros trabalhem e contribuam pra sustentar quem não quer pegar no serviço?Eu trabalho e conquistei meu emprego por mim mesmo! Onde eu trabalho são 4 pessoas, dois homens e duas mulheres sendo que uma delas é minha chefe e eu sou o que ganho menos, e isso é justo pois não tive o merito delas! Elas estudaram e tem cursos e habilidades melhores que a minha e por isso ganham mais! Se eu quiser ganhar mais, vou ter que estudar e me preparar para isso! Machista? Se vc quiser agredir seu companheiro agora (se você tiver um) a única coisa que ele vai poder fazer é rezar pra não machucar sua mão enquanto você quebra os dentes dele… Senão ele vai em cana! Basta você querer! E você sabe disso! Agora querem extender a lei maria da penha (projeto de uma deputada acho eu que do Maranhão) para casos onde não tenha vínculo afetivo, ou seja, se uma mulher não gostar de algo que eu faça ou fale(por exemplo esta discussão idiota que estou tendo com você por exemplo) você poderá ir em uma delegacia e dizer que eu a agredi verbalmente e me ferrar! Por que basta a sua palavra para que seja considerada como prova kabal. O homem é culpado ate que prove ser inocente e falsas acusações ( como cerca de 80% delas são e antes que você venha com o papo de fontes, entre no site do ministério da justiça e procure) não são punidas exemplarmente! Olha o caso da Najila, da ex paquita(sorte ter uma camera de segurança nesses dois casos) e o próprio caso dessa Mariana Ferrer onde tinha provas contrarias a tudo que ela afirmou( afirmou ter sido dopada, não foi. Afirmou ter sido forçada a ir para o quarto, não foi. Saiu dali e foi para outra festa e nao ligou para autoridades em um caso de estupro ( crime hediondo )! Não posso afirmar o que aconteceu la dentro, pois não estava lá, mas o fato é que houve mentiras tanto da suposta vítima quanto do suposto agressor e que as provas não eram o suficiente para incriminar o cara, porém queriam que a palavra da mulher valesse como prova cabal! Não esquecendo do caso em que a menina que acusou um inocente de estupro e o cara ficou um tempão preso ( ela deu “perdida” chegou muito depois do que deveria e fez uma acusação falsa terrível pra justificar e destruiu a vida de um inocente e ficou de boas legalmente falando). Que igualdade é essa? Sabe quem se ferra com essas merdas que estão sendo aprovadas de qualquer jeito? As verdadeiras vítimas de estupro (tenho casos na familia, minha cônjuge, uma priminha que sofreu abuso de um tio meu de 60 anos e inclusive um primo de 7 anos que sofria abusos da irmã emprestada que tinha 16 anos), a verdadeira vítima de agressão do marido e aquela mulher trabalhadora… Sim aquela guerreira q sai todo dia de casa pra buscar o sustento digno( que vai ver os empregos sumirem para elas! Que patrão vai correr o risco de contratar uma mulher sabendo que pode ser acusado,em um encerramento de contrato, de agressão ou até estupro e ser culpado sem poder provar inocência?)E você sabe disso! Esses casos que eu citei foram casos famosos onde envolveu gente conhecida e deu mídia! Quantos Joãos ou Pedros tem por aí que não tiveram a mesma sorte que esses acusados? O que vai acontecer se uma lei dessas for aprovada? Desestimulo ao trabalho, e quebra da economia , já que este dinheiro vai ter que sair de algum lugar… Imposto… Taxas ou até individamento público! Leia… E leia com a razão como norte e não a emoção de obter vantagens… Todos perdem e os privilegios duram até o dinheiro acabar… E quando acabar os primeiros a sucumbirem são quem não foi preparado para a vida!

    2. Cristina Diz

      Gere emprego para que mulheres possam ter um trabalho formal! Outra coisa nunca teve igualdade para mulheres e homens! Só pq vc não vai receber, esta se doendo desta forma! Se vc pegasse ao menos 600 nisso tudo estaria tudo bem a mulher pegar 1,200? Pelo amor de Deus, hipócrisia pira da sua parte!!!!

      1. Maicon Diz

        Realmente eu não vou receber. Eu trabalho! E você? Vai procurar emprego se estiver recebendo permanentemente? Tem certeza? De onde vai sair o dinheiro pra pagar essa fanfarrisse? Dos trabalhadores! Então é justo e eu sou o hipócrita, por eu ter que trabalhar ate 49 anos para poder me aposentar, e a mãe solteira se aposentar no momento que ganha o filho! Pelo menos 18 anos garantidos ou… Faz uns 3 filhos com diferença de idade suficiente para fechar tempo até o BPC! Eu sou o hipócrita! Eu sou o machista! É meu dever trabalhar igual a um idiota para sustentar uma legião de pessoas que não querem pegar no serviço…Como eu sou egoísta! Eu não tenho a sensibilidade o suficiente para perceber que, quando se ganha um filho, automaticamente a mulher fica inválida e não pode trabalhar por 18 anos! Os velhinhos doentes( ambos os sexos pra ficar claro para as feminazis) podem trabalhar até morrer doentes mas as mulheres de hoje em dia ficam invalidas. Que monstro hipocrita que sou! So pra te avisar… O trabalho dignifica! Experimenta! Vai ser bom pra você! Tu vai entender o que digo!

    3. Bruna Diz

      Concordo plenamente com vc.

    4. Alex Diz

      Eu li seu comentário e estou de acordo que vc é uma pessoa mal informada no país que vive..
      Procure saber das coisas pra depois falar..
      Já que vc é uma pessoa mal informada vou te falar uma coisa hoje a mulher e independente não vive das custas de certos homem que se dizem ter família..
      Arroz e feijão ela tem mas não é o suficiente…
      Hoje as mulheres atuam em várias profissões no mercado brasileiro.
      Engenheira, arquiteta, pintura predial e automotiva,caminhoneira e outras profissões..
      Coisas que muitos homem deixaram a desejar no mercado brasileiro onde muitas empresas só querem trabalhar com mulheres pq tem mas responsabilidades que os homens….
      Fica aí a dica jovem pra vc que estar revoltado com o um plano que o governo federal que fazer pelas mulheres..
      Procure dar valor a qualquer mulher pois vc foi gerado por uma mulher que ficou 9 meses na barriga com vc…

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.