Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

INSS prorroga automaticamente os salários DESTES benefícios durante pandemia

De acordo com o documento publicado, mesmo sem realizar o procedimento de perícia os benefícios vão ser prorrogados de forma automática pelo INSS

Foi divulgado no Diário Oficial da União a Portaria que autoriza o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) a prorrogar o pagamento automático do benefício do auxílio-doença. O documento foi publicado através da Portaria 552.

De acordo com o documento publicado, mesmo sem realizar o procedimento de perícia os benefícios vão ser prorrogados de forma automática pelo INSS. A portaria do INSS vai ter vigor até enquanto durar a situação de calamidade pública no Brasil, por conta da pandemia da Covid-19.

Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) prorrogou o atendimento remoto das agências do país até o dia 22 de maio. A decisão do órgão ocorre em virtude da pandemia do novo coronavírus. Vale destacar que o período ainda poderá ser prorrogado, como também encurtado. Tudo vai depender das regras estabelecidas pelo Ministério da Saúde para o atendimento presencial.

O Instituto vai considerar o limite máximo de pedidos de prorrogação para até seis pedidos para obtenção do benefício. No momento da efetivação, será gerado uma prorrogação de forma automática, sem necessidade, assim, de realizar perícia.

Após o Ministério da Saúde autorizar a volta dos trabalhos presenciais, os atendimentos vão retomados diretamente nas agências. Sendo assim, as perícias vão ser reagendas para serem feitas presencialmente. É necessário que o beneficiário compareça para que haja a continuidade dos pagamentos por parte do INSS.

Quem é beneficiário do auxílio e se enquadrar neste perfil poderá solicitar a prorrogação dos pagamentos através do portal Meu INSS. Além disso, é possível realizar o procedimento através da central 135. O pedido poderá ser feito 15 dias antes do término do auxílio.

INSS começou a receber atestados médicos dos segurados em formato digital por meio do portal Meu INSS pelo site ou aplicativo para celular. A pessoa que usar a plataforma para encaminhar o documento e solicitar o auxílio-doença receberá automaticamente uma antecipação de R$ 1.045, após o atestado ser validado pela perícia médica do órgão.

Saiba como pedir

Depois de entrar no Meu INSS, selecione a opção “Agendar Perícia”. Quem ainda não possuir senha, precisa se cadastrar para poder fazer o login.

Depois de fazer o login, basta fazer o seguinte:

  • Clique em “Agendar Perícia”
  • Selecione a opção “Perícia Inicial” e, em seguida, clique em “Selecionar”
  • Na pergunta “Você possui atestado médico”, selecione “SIM” e clique em continuar
  • Preencha as informações pedidas e clique em “Avançar”
  • Em “Anexos”, clique no sinal + para inserir o documento e clique em “Anexar”
  • Agora basta selecionar o documento (seu atestado médico) que você quer anexar, clicar em “Abrir” e, em seguida, em “Enviar”
  • Siga os passos seguintes e clique em “Gerar Comprovante” para que você o salve em seu computador ou celular.
  • Em caso de dúvidas, confira o passo a passo disponibilizado pelo INSS.

INSS paga primeira parcela do 13º

Os aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) de dois grupos vão receber a primeira parcela do 13º salário até sexta-feira, 08 de maio.

Os que recebem mais do que um salário mínimo, hoje no valor de R$1.045, começaram a receber segunda-feira, 04 de maio. Os pagamentos vão seguir até sexta-feira desta semana, 08 de maio.

A antecipação do 13º foi uma das ações desenvolvidas pelo governo  a fim de amenizar os impactos econômicos causados pela pandemia do novo coronavírus. Para quem recebe um salário mínimo, os saques foram liberados desde o dia 24 de abril. O pagamento neste lote também segue até 08 de maio.

A data de pagamento do benefício varia de acordo com o número final do benefício, desconsiderando-se o dígito.

Acesse Agora as Principais Notícias no Brasil e fique atualizado

A primeira parcela do pagamento corresponde a 50% do valor do benefício. A segunda parcela, que também já está próxima de ser paga, tem o desconto do Imposto de Renda. A liberação vai acontecer entre os dias 25 de maio e 5 de junho.

Antes de o governo antecipar, a primeira parcela do 13º salário é paga no segundo semestre. A segunda parcela é liberada em dezembro.

Veja também: Urgente! Justiça ordena liberação de mais uma modalidade de saque do FGTS para 2020

Leia Também:

brasil 123  
20 Comentários
  1. Daiane Carvalho Diz

    Isso serve tbm para quem deu entrada no BPC e ainda esta em análise?
    Pois dei entrada no BPC para minha filha que é Autista em abril de 2018 e ainda não passamos nem pela assistente social e perícia médica.

  2. Getúlio Diz

    Gov fdp

  3. Claudia Coelho Ramos Diz

    Tenho filho autista,e desde agosto de 2019, entrei com requerimento no INSS, está até agora em análise

  4. Maria Diz

    Vamos levar isso até a mídia o governo federal tem que dar um jeito nessa bagunça do inss em ficar só em análise o meu tbm está desde 10 de abril nessa situação não ligam não passam e-mail e não pagam pm que é de direito do trabalhador que está doente. Será que vamos ter que furar a quarentena e marcar um protesto em frente ao governo pra receber nossos direitos? Que pouca vergonha enganar quem está doente precisando comer pagar as contas..auxilio doença é isso direito não é nenhum favor. Tbm já não aguento mais essa putaria deles. E pq o perito não atende com horário marcado de uma em uma hora com cuidados ou então cumpre com a obrigação como está informando na mídia que será feito sem atendimento presencial só enviar o atestado que irão pagar por 3 meses o valor de 1045…

    1. Anailza Diz

      Quero saber quando que vou receber minha precatoria desde 1996 estou esperando era pra sair em 2020 acho que vai ser prorrogada para 2025 24 anos esperando e uma falta de respeito com o ser humano.

  5. Milena Ferreira Pinto Diz

    É uma bagunça, uma falta de respeito com o trabalhador. Não sei a quem mais pedir ajuda, a quem recorrer. A nova lei diz que o INSS deveria antecipar um salário mínimo p afastamentos por doença. Enviei meus atestados desde o dia 10/04 é até agora o pedido encontra-se “em analise”. Quando clico na opção “cancelar” aparece na caixa de mensagem que o prazo p resposta deveria ser até o dia 15/04. Não aguento mais ligar p INSS e mandarem esperar. As agências estão fechadas. Tô entrando em desespero. Preciso de ajuda!

    1. Marcelo Diz

      Esse INSS e uma bosta quanto agente precisa não vale nada fiz marquei um auxílio doença tá em análise até hoje isso é uma vergonha agente paga isso quando precisar não consegue

      1. Marília Diz

        Euvresebibo axilio maternidade em 2019 tenho direito ao 13salario?

    2. juan carlos Diz

      vocês tão brincando eu to sem pg à 7 meses e eles não tem vergonha na cara é so desculpas e enrlando tudo para jogar o povo contra o presidente

      1. Marua valdirene Diz

        Gostseia que Elis viulizaci meu code unico do goerno nao recibi nada e estou predizando conpra remedio

  6. Cris Diz

    A maior bagunça, to sem receber desde de fevereiro, minja pericia tava agentada pra março foi cancelada,depois teve a demora no sit para disponibilizar a ferramenta pra envio de atestado,qua do consegui em abril enviar esta em analise ainda ,to gravida no final de gravidez e nao vou receber ,uma safadeza isso com nós que tanto trabalhamos pra obtermos os direitos civis de forma honesta…

    1. Anailza Diz

      Quero saber quando que vou receber minha precatoria desde 1996 estou esperando era pra sair em 2020 acho que vai ser prorrogada para 2025 24 anos esperando e uma falta de respeito com o ser humano.

  7. Alexsandro Diz

    Esse site do inss e nada ea msm coisa não pega e ainda a pericia enviada com o laudo medico da concedida e depois cancelada ninguem entende estou em tratamento por 6 messes e não posso trabalhar e foi cancelado meu benefício

  8. Gerluce Diz

    Qual o prazo de retorno da avaliacao quando damos entrada na perícia virtual?

    1. Lúcia Maria Leopoo Diz

      Quem pega licença tratamento saúde mais que trinta dias como deve proceder se o INSS, não está marcando perícia? O deve ser feito?

  9. Marcia Silva Diz

    Gostaria de ter um artigo sobre as pessoas que estão na fila do loas , aquardando avaliação se vão receber e como o emergencial

  10. Ednaldo Mendes Diz

    Quem teve o benefício cessado durante a pandemia e tava aguardando a prorrogação, já tinha feito a solicitação, e agora como fica?

    1. Janaina Diz

      Bando de safados, isso sim! Meu esposo passou por cirurgia, teve a perícia de 19/03 desmarcada, enviou o laudo médico pelo aplicativo há 25 dias e até agora está em análise. Temos que comprar comida, ele não pode voltar ao trabalho pq é do grupo de risco e a empresa não está aceitando, e como fica? Vamos ter que esperar a “boa vontade” desses médicos do INSS que já não gostam de trabalhar, agora então!

    2. Adriana Diz

      Boa tarde minha última perícia foi indeferida, entrei com recurso no ato ,voltei no médico ele me afastou e deu um laudo já anexei no dia 10/04 .Fiz uma cirurgia da coluna ontem ,mais ainda está em análise o recurso e o pedido de perícia ainda.Sem resposta ?

    3. Jeferson Diz

      Boa tarde to desde marco esperando a pericia e nada mandei os laudo da cirurgia q eu fiz e ate agora nao recebi nada ainda ja vai fazer 3 meses q nao recebo e ja faz 1 mes q mandei o laudo pelo aplicativo do inss e ate agora so diz q ta em analise como a gente vai comprar as coisas pra comer se a gente nao ta recebendo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?