Por Estado: AC | AL | AM | AP | BA | CE | DF | ES | GO | MA | MG | MS | MT | PA | PB | PE | PI | PR | RJ | RN | RO | RR | RS | SC | SE | SP | TO | NACIONAL

Após auxílio de até R$1.200, Governo prepara FGTS de até R$ 6.101,06

Além de auxiliar os trabalhadores informais, o governo agora prepara uma medida para os trabalhadores com carteira. 

O Senado Federal aprovou, através de sessão virtual, o projeto que prevê o repasse de nada menos que R$600 mensais aos trabalhadores informais. O projeto, aprovado na Casa por 79 votos a zero, foi motivado por conta da pandemia do novo coronavírus. Segundo a medida aprovada, no caso de mulheres provedoras de família, a cota do auxílio emergencial vai ser paga em dobro, ou seja, R$1.200 mensais.

Além de auxiliar os trabalhadores informais, o governo agora prepara uma medida para os trabalhadores com carteira. O presidente Jair Bolsonaro confirmou, em conjunto  com o presidente do BNDES, Gustavo Montezano, que o Governo Federal vai transferir R$20 bilhões do PIS/PASEP para o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS).

Durante a semana, foi destacado pela equipe econômica que a maioria desses recursos disponíveis são referentes a contas de trabalhadores que atuaram com carteira assinada entre 1971 e 1988. Por conta do falecimento deles, o benefício foi estendido aos herdeiros, porém, por conta da baixa procura por este dinheiro, o governo vai transferir os recursos. No entanto, fará uma reserva caso aconteçam novos saques.

Na ocasião, o ministro da EconomiaPaulo Guedes, chegou a citar que o valor da transferência chegaria a R$22 bilhões.

“Temos R$ 22 bi do PIS/Pasep, o fundo que nós já chamamos várias vezes. Houve já duas ondas de resgates, primeiro para os proprietários, depois para herdeiros. Nossa ideia é fazer uma fusão com o FGTS, vamos fazer uma reserva desses recursos para, eventualmente, caso os herdeiros apareçam. Se os herdeiros apareçam, os direitos estão mantidos. Feita essa reserva, os R$ 20 bi de recursos que sobrarem será liberado”, disse Guedes sobre o assunto.

Acesse Agora as Principais Notícias no Brasil e fique atualizado

Quanto aos valores de saques, Guedes afirmou que está em estudo permitir que o valor das retiradas seja limitado ao teto dos benefícios do INSS, hoje em R$ 6.101,06. “Nós vamos definir o critério. Como esse fundo dá uma base de liquidez para nós fazemos as liberações, nós gostaríamos de liberar até o limite do INSS”, disse ele.

Saque imediato do FGTS segue até hoje

Os trabalhadores continuam podendo sacar até R$998,00 do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Mas, o prazo está acabando. Os profissionais têm direito aos valores do benefício até esta terça (31). A retirada pode ser feita em um dos canais de atendimento da Caixa Econômica Federal (CEF).

No entanto, em meio à situação de calamidade pública, já decretada pelo governo federal, muitos trabalhadores estão evitando aglomerações e locais com um grande fluxo de pessoas, o que acontece por exemplo, com bancos e casas lotéricas.

“A partir de agora, o trabalhador não necessita ir a um ponto de atendimento físico para sacar seu recurso do FGTS”, informou o presidente da Caixa, Pedro Guimarães.

Na tentativa de evitar que os trabalhadores saiam de suas casas, a Caixa recomenda que o cidadão utilize a função “Saque Digital” para saque do FGTS durante este momento de pandemia.

O saque digital possibilita que o trabalhador transfira, de maneira integral, o saldo disponível em sua conta do FGTS para alguma outra conta (de mesma titularidade do trabalhador).

Nada menos que 37%, o que equivale a 36 milhões dos trabalhadores com direito ao saque imediato de até R$ 998 do FGTS, ainda não retiraram o dinheiro do fundo. O prazo final para o saque é dia 31 de Março (a alteração na data depende de alguma mudança na lei). Os trabalhadores podem retirar até R$ 998 de cada conta do fundo de garantia pelo saque imediato, seja a conta ativa (do emprego atual) ou inativa (de empregos antigos).

Até terça-feira (23), segundo informações do banco, foram pagos mais de R$ 28 bilhões para aproximadamente 60 milhões de trabalhadores, sendo 63% dos 96 milhões de trabalhadores com direito ao saque.

Aplicativo do FGTS pode ser baixado de maneira gratuita nas lojas virtuais Google Play e Apple Store. Após instalação, o trabalhador vai precisar apenas realizar um cadastro na plataforma para, em seguida, ter acesso à todas as suas funcionalidades, incluindo consulta ao saldo/extrato da conta e quais as modalidades disponíveis.

O trabalhador que optar pelo saque do recurso, também deverá carregar as fotos dos documentos que comprovam o direito ao benefício. Após confirmação da Caixa, o trabalhador deve indicar uma conta de mesma titularidade para a transferência dos valores. O cidadão poderá solicitar transferência do dinheiro para qualquer banco.

A Caixa Econômica Federal vai ter o prazo de até 5 dias úteis de prazo para atender as solicitações. Pelo aplicativo, será possível, ainda, verificar o extrato das contas do FGTS, alterar modalidade de saques e realizar o cadastramento do serviço de SMS.

Veja também: INSS vai ter dois pagamentos do 13º salário até maio por causa do coronavírus

Leia Também:

brasil 123  
9 Comentários
  1. Rosa maria Diz

    Não ,ele vai pegar o PIS PASEP das pessoas que morreu e seus herdeiros n fez requerimento p receber e vai jogar p o FGTS para ajudar as pessoas que tem seus seguros de FGTS em carteira assinada ok

  2. Francisca Diz

    Vão paga só para os parentes de quem já morreu
    Aí ai é cada uma que esse presidente inventa como vai ficar as famílias que estão vivas tipo eu tenho dois filhos meu trabalho é lanchonete meu patrão querendo manda embora aí como fica🤦

    1. Rosa Diz

      Não ,ele vai pegar o PIS PASEP das pessoas que morreu e seus herdeiros n fez requerimento p receber e vai jogar p o FGTS para ajudar as pessoas que tem seus seguros de FGTS em carteira assinada ok

    2. Rosa maria Diz

      Não,se informa melhor do seus direitos

    3. Rosa maria Diz

      Não vai dar p os pobres vai liberar p vc

  3. Lucas Diz

    Deixa eu ver se eu entendi, eu trabalho numa empresa aí o meu fgts que é uma segurança por um direito meu já aí o governo para tudo e resolve liberar um dinheiro que já é meu .de olho no meu dinheiro. Porque eles cortam o salário deles é da pros pobres.

    1. Rosa Diz

      Vc vai receber o q é seu por direito ,antecipado

    2. Rosa maria Diz

      Não,eles vão pegar um fundo do PIS PASEP de pessoas q faleceram e seus herdeiros n fez requerimento e vai jogar no FGTS p quem tiverem fundos cm carteira assinada receber

  4. Edirlane Ferreira dos Santos Diz

    Eu recebo bolsa família sou altono tenho direito dos 600 reais?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Obrigado por se cadastrar nas Push Notifications!

Quais os assuntos do seu interesse?